Pular para o conteúdo principal

FAB CRIA CAMPANHA PARA PEDIR A CONCLUSÃO DO PROGRAMA F-X2

Rafale Divulgação

A FAB (Força Aérea Brasileira) lançou uma campanha institucional para reforçar a necessidade de definição do programa F-X2, que irá modernizar a frota de caças supersônicos da Aeronáutica.

Com páginas e arquivos disponibilizados no site da FAB (www.fab.mil.br), a campanha tem dois objetivos: mostrar o tamanho do território sob a responsabilidade dos militares (22 milhões de km²) e chamar a atenção para a necessidade da compra dos caças.

A ‘novela’ para a modernização da frota de caças da FAB, com a compra de 36 novos aviões, se arrasta desde a década de 1990. O valor do contrato é estimado em R$ 10 bilhões.

Participam da concorrência a empresa francesa Dassault, com o caça Rafale, a sueca Saab, com o Gripen, e a norte-americana Boeing, com o F-18 Super Hornet.
A definição é acompanhada com ansiedade por empresas da Região Metropolitana do Vale do Paraíba, em especial a Embraer. Elas podem se tornar fornecedoras e parceiras da companhia vencedora do certame.

Informação. Segundo o tenente coronel Adolfo Aleixo, do Cecomsaer (Centro de Comunicação Social da Aeronáutica), a campanha não tem o caráter de ‘acelerar’ o processo de compra dos caças, cuja decisão está nas mãos da presidente Dilma Rousseff (PT).
Os militares informaram que a página foi colocada no ar apenas com o intuito de “informar” e “chamar a atenção” do público para as atividades da Aeronáutica.

Área. A campanha informa que a FAB é responsável pela defesa aérea, controle e salvamento do território e da costa do Brasil, que somam 12,077 milhões de km².
Além disso, os militares operam em serviços de controle, busca e salvamento em uma área internacional, no oceano, de 9,922 milhões de km².
Nas entrelinhas, segundo especialistas, a campanha deixa transparecer a tentativa de a FAB “ganhar pontos” com a opinião pública e “aparecer” tanto quanto as outras duas forças militares, o Exército e a Marinha, que seriam “mais populares” do que a FAB.
Na avaliação do pesquisador de assuntos militares Expedito Bastos, professor da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG), a FAB não tem do que reclamar.
“Ela está sendo beneficiada com o projeto do KC-390 \[cargueiro em desenvolvimento pela Embraer\], que vai ser muito mais importante para a FAB do que os caças, pois ela é essencialmente uma força de transporte”, afirmou Bastos.

Escola de sargentos tem vagas
São José dos Campos

A FAB (Força Aérea Brasileira) abriu inscrições para o curso de formação de sargentos na Escola de Especialistas de Aeronáutica, em Guaratinguetá.
Os candidatos, que devem ter ensino médio completo, mais de 17 anos e menos de 25 anos até 2014, podem se inscrever até as 15h do dia 9 de maio.
São 542 vagas distribuídas entre 16 especialidades, como mecânica de aeronaves, comunicações e controle de tráfego aéreo.
Algumas delas só podem ser preenchidas por homens. Outras, por ambos os sexos.
As inscrições devem ser feitas por meio da internet, no site www.eear.aer.mil.br. A taxa é de R$ 60.
O candidato aprovado receberá uma ajuda de custo da FAB no valor bruto de R$ 813,60, além de alojamento, fardamento e alimentação.
O concurso inclui prova de língua portuguesa, inglês, matemática e física, além de testes físicos e psicológicas.
A prova será aplicada em 7 de julho em 14 localidades, entre elas São José dos Campos.
O curso de sargentos tem duração de dois anos.

SAIBA MAIS
F-X2
Programa de modernização da frota de caças da FAB (Força Aérea Brasileira)

Compra
O governo federal pretende comprar 36 novos caças supersônicos para o país, ao custo estimado de R$ 10 bilhões

Concorrência
Três empresas concorrem para fornecer os caças: a francesa Dassault, com o caça Rafale, a sueca Saab, com o modelo Gripen, e a norte-americana Boeing, com o F-18 Super Hornet

Decisão
O governo protela a compra dos caças desde o governo Fernando Henrique Cardoso. A expectativa é que a decisão do modelo seja definida ainda em 2013

Campanha
Na internet, a FAB começou uma campanha para informar a população sobre o território que está sob a sua responsabilidade, além de citar o F-X2.

fonte/OVale

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA