segunda-feira, 20 de setembro de 2010

TURBULÊNCIA FERE TRÊS PESSOAS EM VOO ENTRE PANAMÁ E SÃO PAULO

Três pessoas se feriram após uma turbulência em um voo que pousou na noite do último domingo no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo. Com 145 passageiros a bordo, a aeronave saiu de Cidade do Panamá, capital do Panamá, e, cerca de 30 minutos antes de aterrissar na capital paulista, enfrentou uma forte turbulência.

De acordo com a Copa Airlines, empresa que realizou a viagem, o piloto solicitou à Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) a infraestrutura necessária para atender os três passageiros feridos logo após o pouso, que aconteceu no horário previsto (20h04) e sem maiores problemas.

Dois passageiros foram encaminhados ao Pronto-Socorro Maria Dirce, e outro ao Hospital Geral de Guarulhos. De acordo com a companhia aérea, os três feridos foram atendidos e já haviam voltado para casa na manhã desta segunda-feira (20).

A empresa não sabe explicar os motivos do acidente, mas suspeita que os feridos não estavam utilizando o cinto de segurança no momento da turbulência.



fonte/R7

VÍDEO - QUEDA DE ULTRALEVE EM BLUMENAU


Uma operação desencadeada na manhã de sexta-feira (17/10/2010) pelo 3º BPM, em Arapiraca/AL, contou com o apoio de 11 policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais, além da aeronave modelo Robson 44, com capacidade para quatro tripulantes.



Segundo o oficial que comandou o efetivo do Bope, tenente Patrick Oliveira, a operação não terá hora para terminar. Equipes das duas unidades realizaram abordagens, blitz e saturação de área na região de Arapiraca e municípios circunvizinhos. O 3º BPM empregou um efetivo de 30 homens.

A aeronave cedida ao Bope há duas semanas foi apresentada à sociedade no desfile cívico-militar de 7 de Setembro quando sobrevoou a Avenida da Paz. Desde então, ela já está sendo empregada como apoio aéreo em diversas operações em todo o Estado.

fontefoto//PMalagoas/PilotoPolicial
Enhanced by Zemanta

VÍDEO - SUPER GALAXY C-5M

AVIÃO COM TRÊS PESSOAS CAI DURANTE ENTERRO DE PREFEITO EM JARDIM


  • Marcos Barros/Tribuna News
    Bombeiros socorrem vítimas logo após avião cair. Foto Marcos Barros/Tribuna News
Um avião monomotor , asa alta. tripulado por três pessoas, caiu na tarde deste sábado (18), às 16h30, durante o enterro do prefeito de Jardim, Evandro Antônio Bazzo, que morreu nesta sexta-feira (17), em Campo Grande, após ser acometido de uma insuficiência respiratória.

De acordo com o hospital local, a tripulação era composta por três homens: piloto, copiloto e passageiro, com idades entre 24 e 27 anos. Eles não correm risco de morte e passaramm por exame médico.


Ainda segundo informações do hospital, o acidente aconteceu quando a aeronave sobrevoava o cortejo fúnebre. O avião caiu logo após o passageiro da aeronava lançar pétalas de flores sobre o cemitério.
 
O piloto foi identificado como sendo Rogério Pinto da Silva. No avião também estavam Ricardo Poli Marques Cabral e outra pessoa identificada pelo nome de Rodrigo.

O piloto Rogério Pinto da Silva (pai do Rogerinho, garoto assassinado no ano passado em Campo Grande durante uma briga de trânsito) teve um dos braços fraturado e leves escoriações, o co-piloto Rodrigo, que não teve o sobrenome divulgado, teve cortes no rosto e arranhões na perna, e Ricardo Poli Marques Cabral, que lançava as flores, teve fratura em um dos braços.

fonte/TvMorena/fotoMarcosBrarros
Enhanced by Zemanta

HELICÓPTERO AVALIADO EM R$ 500.000,00 "SOME" DO AEROPORTO DE ARAGARÇAS, GOIÁS

R44Image via Wikipedia


O sumiço de um helicóptero prefixo PT-YPG, marca Robson 44, ano 98, cor preta, do aeroporto de Aragarças-GO, na divisa com Barra do Garças, virou caso de polícia. O proprietário da aeronave, José Tadeu dos Santos, que é de São Bernardo dos Campos-SP, registrou ocorrência de furto na delegacia goiana. 
 
O helicóptero ficou famoso na cidade porque participou da Expoleste realizando shows panorâmicos com os freqüentadores do parque. Segundo a versão de José Tadeu, três homens chegaram no aeroporto dizendo que iriam levar o helicóptero e um deles se identificou como ex-dono da aeronave. 
 
Os funcionários de José Tadeu quando viram a confusão tentaram avisa-lo, mas nesse intervalo, os três homens conseguiram decolar do aeroporto goiano. O helicóptero avaliado em R$ 500 mil foi um dos destaques da Expoleste e estava na cidade para realizar mais alguns vôos com fazendeiros antes de retornar para São Paulo. 
 
José Tadeu informou à polícia que não deve o ex-proprietário e não entende porque ele fez isso. O dono do helicóptero registrou ocorrência para pedir providência a Agencia Nacional de Aviação Civil (Anac) para rastrear o paradeiro da aeronave. 
 
Os funcionários do aeroporto deram outra versão dizendo que o ex-dono realmente chegou e falou com piloto do atual proprietário e depois saiu no helicóptero dizendo que ainda era dele. Segundo os funcionários, eles não tinham como impedi-lo de decolar. José Tadeu disse que vai acionar na Justiça o ex-dono pelo ocorrido. Não há informações se helicóptero é assegurado.
 
 
fonte/OlharDireto/foto/Divulgação
  • Olhar Direto
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...