Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 14, 2014

AVIÃO DA AZUL FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE NATAL

Um avião da companhia Azul precisou fazer um pouso de emergência na tarde desta sexta-feira (14) no aeroporto Augusto Severo, em Parnamirim, na Grande Natal. De acordo com a assessoria de imprensa da empresa aérea, a aeronave se preparava para pousar na cidade de Campina Grande quando precisou fazer uma manutenção não programada e seguiu para Natal.

A aeronave saiu de São Paulo às 7h com destino à cidade de Petrolina, em Pernambuco, e tinha escalas em Belo Horizonte e Campina Grande. A Azul informou que o voo aterrisou em Natal às 14h30. Ainda segundo a empresa aérea, parte dos passageiros foram levados de avião para Petrolina e outros seguiram de ônibus para Campina Grande.

Em entrevista à equipe da Inter TV Cabugi, passageiros informaram que o voo passou por uma turbulência e uma mulher chegou a passar mal. O piloto teria dito a alguns passageiros que a aeronave teve um problema nos freios e precisou ir para a capital potiguar.

fonte/foto/G1/RN

JUSTIÇA DE SÃO PAULO OUVE ACUSADOS POR ACIDENTES DE AVIÃO DA TAM

A Justiça Federal de São Paulo ouve na tarde desta sexta-feira, 14, a ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) Denise Maria Ayres Abreu, e os executivos Marco Aurélio dos Santos de Miranda e Castro Alberto Fajerman, ambos dirigentes da TAM na época do acidente do voo JJ3054. O acidente, ocorrido no dia 17 de julho de 2007, deixou 199 mortos após tentativa de pouso no Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo.
Os réus foram acusados pelo Ministério Público Federal (MPF) de atentado contra a segurança do transporte aéreo. Os promotores apresentaram laudos e pareceres para provar que Castro e Fajerman, então respectivamente vice-presidente de Operações e diretor de Segurança da TAM, tinham conhecimento das péssimas condições de pouso na pista do aeroporto - e que não divulgaram procedimentos que deveriam ser tomados para que a aeronave não derrapasse.
A ex-diretora da Anac foi acusada por ter liberado a pista de Congonhas sem a realização de reparos que …

POLÍCIA ENCONTRA AERONAVE ABANDONADA NO MEIO DE CANAVIAL EM GUARATIBA, SÃO PAULO

Um avião foi encontrado abandonado no meio de um canavial no início da tarde desta quinta-feira (13) em Guariba(SP). De acordo com a Polícia Militar, testemunhas relataram ter visto a aeronave voando a uma altitude baixa no final da manhã. A suspeita é de que o piloto tenha feito um pouso forçado no canavial. Nada foi encontrado dentro do avião. Segundo a polícia, a aeronave não possui sistema de comunicação instalado.
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que o avião pertence a uma empresa de Salto (SP). A Polícia Civil investigará o caso.
De acordo com o capitão da PM Celso Luis Rodrigues, trabalhadores que faziam o corte de cana relataram à polícia terem avistado o avião fazendo um sobrevoo abaixo do normal. Momentos depois, ao deixarem de ouvir o barulho do motor da aeronave, as testemunhas perceberam que o piloto fez um pouso forçado no canavial.
"A viatura de deslocou até o local e encontrou a aeronave na cana, porém não encontramos nada dentro do…

AVIÃO JUMBO C919 FARÁ PRIMEIRO VOO NO PRÓXIMO ANO

O primeiro avião de teste de grande porte da China, o C919, entrará em fase de montagem final em 2014, e segundo o plano, realizará o primeiro voo em 2015, afirmou Tian Min, diretor da Corporação de Aviões Comerciais da China (COMAC, na sigla em inglês), nesta quarta-feira (12), durante a Exposição de Aviões de Singapura.

Tian Min revelou que a COMAC tem duas bases para fabrico e montagem, e que a montagem do avião jumbo C919 é realizada na base de Pudong, em Shanghai, a qual terá uma capacidade de produção anual de 150 aviões C919 e 50 aeronaves regionais ARJ21.

Projectado de acordo com o padrão internacional na sua totalidade, o C919 com 150 assentos de passageiros é o primeiro avião de grande porte da China com direitos de propriedade intelectual e pode satisfazer as demandas de várias companhias aéreas para diferentes rotas. Até ao momento, a COMAC já recebeu encomendas de 400 aviões C919, de 16 companhias chinesas e estrangeiras.

Tradução: Yan Jieqiong
Revisão: João P…