quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

AVIÃO SAI DA PISTA NOS ESTADOS UNIDOS


Jackson, Wyoming - Um avião Boeing  757, realizando o voo 2253, da American Airlines sai da pista ao pousar no aeroporto de de Jackson Hole, Wyoming, nesta quarta-feira,  não hhouve feridos e a aeronave não sofreu danos.

Havia 175 passageiros, dois pilotos e quatro comissários de bordo a bordo do Boeing 757, disse Ed Martelle representante da empresa.

Ray Bishop, diretor do aeroporto de Jackson Hole, disse que a aeronave entrou na neve 658 pés  após o final da pista.

Estava nevando levemente quando o avião pousou, e a visibilidade era cerca de 1,5 milhas, disse Bishop . A pista tinha algumas manchas de neve, mas a sua superfície de atrito de frenagem estava boa.

O Serviço Meteorológico Nacional disse que Jackson Hole havia recebido cerca de 7 centímetros de neve desde a meia noite.

Funcionários do aeroporto trouxeram escadas para os passageiros poderiam sair, e equipes de tratores usados tentavam puxar o avião de volta para a pista.

A única pista do aeroporto é 6.400 pés de comprimento, e Bishop disse que é um pouco menor do que o normal para aeroportos com vôos comerciais. Outro avião saiu do final da pista no mês passado, e tais eventos acontecem periodicamente por lá.

fonte/Today/foto/Twitter

QUEDA DE AVIÃO MILITAR EM MOSCOU DEIXA 12 MORTOS

An overhead front view of a Soviet An-22 Cock ...Image via Wikipedia
Moscou, 29 dez (EFE).- Doze pessoas morreram após a queda, na noite de terça-feira, de um avião de militar de carga pesada An-22 a 370 quilômetros ao sul de Moscou, segundo dados preliminares divulgados pelas autoridades russas nesta quarta-feira.

O avião, que decolou de um aeroporto de Voronezh rumo a Tver, cidade a 200 quilômetros ao norte da capital russa, desapareceu dos radares por volta das 21h30 do horário de Moscou (16h de Brasília), informou um porta-voz do Ministério da Defesa russo citado pela agência "Interfax".

Os destroços da aeronave foram encontrados na madrugada desta quarta-feira perto da aldeia Krasny Oktiabr, a cerca de 100 quilômetros ao sul da cidade de Tula.

O An-22, com 68 unidades fabricadas pelos soviéticos entre 1965 e 1975, foi o maior avião militar de carga do mundo até a aparição do americano C-5 Galaxy.


fonte/EFE/UOL
Enhanced by Zemanta

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

GREVE NÃO - OPERAÇÃO PADRÃO NA GOL

1) APRESENTAÇÃO no D.O. com 00:45/01:15 Dom/Inter, após a mesma, Cumprir todos os Itens relativos a Documentação/Briefings com os Tripulantes para então se dirigir a Aeronave, Observar Tb os 00:30/01:00 Dom./Inter fora de Base. FAVOR NÃO devemos ADIANTAR ESSE HORARIO.
Ref. F.S.M. Gol Pagina 2.6.5

2) Autorização de Tráfego, respeitando a ICA 100/12 item 10.22.2, onde diz que o Push-Back deve ser efetuado no MAXIMO 5min. Após o recebimento do Plano de Vôo, bem como no FSM pagina 5.3.5 do FSM Gol diz que “Cada CMTE. Deve administrar a situação tendo em vista a LEGISLAÇÃO” Sendo assim, quando faltar aproximadamente 5 minutos para Portas/Porões fechados, pedir a Autorização, mesmo que já esteja disponível, não DESOBEDECER a Norma.

3) Before Start Checklist somente após Fechamento de Portas e entrega de P.O.B.
F.S.M. Gol Pag. 3.2.9

4) Somente pedir Autorização para Pushback após Conferencia de Portas e Porões da Aeronave FECHADOS F.S.M. Gol Pag. 3.2.9, Item 3.2.5.7

5) Respeitar a Separação de 2 Minutos entre Aeronaves Media(B737/A320/E190/ATR, etc) e Pesadas(A330/A340/B747/B757/B777,etc) Decolando e Pousando. Esse tempo deverá ser contado após a ROTAÇÃO da Aeronave, e não após a Rolagem da Cabeceira.
ICA 100/12 Itens 7.23.3.2.3/7.23.3.2.4

6) Para os COMISSARIOS, de Acordo com o F.S.M. da Gol, Localizado na Cabine de TODAS as nossas Aeronaves, O Papel do P.O.B. será entregue pelo Chefe de Cabine APÓS verificar que TODOS os Pax estejam SENTADOS. Esse procedimento visa garantir a Integridade Física e Segurança dos Passageiros.
F.S.M. Gol Pagina 5.3.3, Item 5.3.1.5. Esse item é MUITO IMPORTANTE e depende SEMPRE do CHEFE DE EQUIPE!.

(7) Devera ser lembrada a toda tripulação durante o Breifing, que todo e qualquer problema em função de duplicidade de assentos, famílias separadas, devera ser comunicado ao pessoal de solo, que devera resolver o problema, já que isto não faz parte da nossa responsabilidade.

8) Não apressar a chegada do Caminhão de Comissaría, por muitas vezes agilizamos um serviço que não e nosso.

blog copilotosgol.blogspot.com  link abaixo

 fonte

BIMOTOR FURTADO EM SÃO PAULO É ABANDONADO EM PISTA DO TRIÂNGULO MINEIRO

Um avião que teria sido furtado em São Paulo foi encontrado e apreendido, nesta segunda-feira (27), pela Polícia Civil de Iturama, no Triângulo Mineiro. Segundo a polícia, a aeronave foi abandonada e nenhum suspeito foi preso. Ainda não há informações sobre quem teria levado o bimotor para Minas Gerais.

Bimotor apreendido pela polícia em Iturama, no Triângulo Mineiro
(Foto: Polícia Civil de Minas Gerais/Divulgação)
De acordo com a polícia, o investigador Leandro Baggio soube da queixa de furto feita na última quarta-feira (22) em Votuporanga, SP, e decidiu averiguar o aeródromo particular de Iturama. Ao chegar ao local, que é usado por uma usina da região, o policial encontrou a aeronave e notificou o delegado Bruno Salmen, que acompanha o caso.

A suspeita, segundo a polícia, é que o piloto sabia quando o aeródromo ficava sem vigias e pousou em um desses momentos para evitar ser visto. De acordo com a polícia, o avião tem alta tecnologia e não precisa de informações de uma base terrestre para pousar.

O avião foi identificado como sendo do modelo BeechCraft King Air B200GT, Turbo Hélice, de fabricação norte-americana. A aeronave tem capacidade para 10 pessoas.

Segundo a polícia, o avião tem um valor estimado em R$ 6 milhões.

fonte/G1
Enhanced by Zemanta

PASSAGEIROS DE VOO DA TAM ESPERAM HÁ QUASE 30 HORAS EM MIAMI PARA SEGUIR PARA NOVA YORK

MIAMI - Os passageiros do voo JJ 8080, da TAM, que embarcaram domingo à noite para Nova York e estão há 28 horas em escala de emergência em Miami, devido à nevasca no Nordeste dos EUA, ainda não têm previsão de chegada. Eles foram embarcados às 10h, mas o comandante informou que, devido à fila para pouso no aeroporto JFK, em Nova York, teriam que esperar quatro horas parados, a bordo, até que houvesse autorização da torre para a decolagem. Como os passageiros protestaram, o comandante disse que iria consultar a companhia aérea. Neste momento, ainda não há previsão do horário de saída. 

fonte/OGlobo
Enhanced by Zemanta

CAIXA DE PAMONHA FAZ VOO DA WEBJET RETORNAR

Um isopor com pamonhas quentes fez com que um voo da Webjet, com destino a Curitiba, retornasse ao aeroporto Leite Lopes, em Ribeirão Preto, na tarde de ontem, provocando pânico entre os passageiros.
A aeronave decolou por volta das 13h30 e, após 20 minutos, os passageiros foram informados que o avião iria voltar porque estava com problemas técnicos.

A estudante Jaqueline Jane Rocha Teixeira, 32, que estava no voo, contou que, logo depois do anúncio do comandante, alguns passageiros se desesperaram.
"O pessoal começou a falar que o avião ia cair, alguns começaram a chorar e teve até quem tirou o terço da bolsa e começou a rezar. Foram momento de desespero. Ninguém sabia ao certo o que estava acontecendo."
A aeronave voltou a Ribeirão e ficou cerca de 30 minutos sobrevoando o Leite Lopes para gastar combustível antes de pousar. Dez minutos depois, os passageiros receberam a informação de que uma caixa com pamonhas que estava no bagageiro tinha causado um superaquecimento. O comandante avisou ainda que o problema já estava resolvido e o avião iria decolar de novo.

"Eu não quis ficar de jeito nenhum lá dentro. Como pode em 10 minutos eles terem resolvido um problema técnico? Isso não é tempo suficiente nem para fazer uma vistoria decente", disse a dentista Ludmila Ventin, 30.

Segundo a Webjet, durante o voo, um sensor de temperatura acusou um aquecimento no bagageiro.
O piloto então decidiu voltar a Ribeirão. Técnicos inspecionaram o bagageiro e constataram que um isopor com pamonhas quentes estava ao lado do sensor. A bagagem foi retirada e o voo seguiu para Curitiba.
De acordo com a Webjet, 18 passageiros não quiseram reembarcar na mesma aeronave. Eles devem viajar hoje.

fonte/G1/Folha
Enhanced by Zemanta

ALCKMIN VAI COLOCAR À VENDA JATO USADO POR SERRA NO GOVERNO DE SÃO PAULO

Em mais uma demonstração de discordância com o modelo do antecessor José Serra (PSDB), o governador eleito de São Paulo, Geraldo Alckmin, vai colocar à venda o avião do Estado. 

O jato chegou a ser vendido em 2006, último ano do governo Alckmin, no processo de privatização da Cteep (Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista). 

Serra, assim que eleito, determinou a anulação da venda da aeronave. 

Depois de duas tentativas de venda em leilão, o jato foi incorporado ao patrimônio da Cteep, privatizada em junho de 2006. 

Eleito naquele ano, Serra pediu que o avião fosse devolvido ao Estado, oferecendo em troca uma linha de transmissão que interessava à compradora da Cteep. 

Agora, Alckmin retomou o plano de venda, por considerar "mais econômico" alugar um jato quando necessário. 

fonte/UOL
Enhanced by Zemanta

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

WEBJET TEM 62% DOS VOOS ATRASADOS

O Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, registrou filas de passageiros para fazer check-in. Foto: Elza Fiuza/Agência Brasil O Aeroporto Internacional JKubitschek,Brasília, filas de passageiros no check in ( Foto: Elza Fiuza)

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) informou nesta segunda-feira que 62% dos voos domésticos da companhia aérea Webjet programados até as 20h de hoje registraram atrasos. Até o mesmo horário, 17,1% dos voos da empresa foram cancelados. Até o mesmo horário, a TAM teve 23,6% dos voos atrasados e 5% cancelados. 

A assessoria de imprensa da Webjet divulgou comunicado no qual afirma que problemas meteorológicos provocaram os atrasos por causa do fechamento dos aeroportos das cidades de Ribeirão Preto (SP), Foz do Iguaçu (PR) e Confins (MG). Segundo a própria empresa, o mesmo problema foi registrado nas regiões Sul e Sudeste neste final de semana.

A Webjet afirmou que os passageiros prejudicados serão reacomodados em voos próprios e de outras empresas e que não serão cobradas taxas de remarcação, além do reembolso das tarifas pagas pelas passagens. A empresa afirma que todas as medidas estão de acordo com as normas da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Por meio de nota, a TAM informou que os atrasos e cancelamentos registrados até as 17h "se devem principalmente a problemas meteorológicos em algumas cidades brasileiras e em Nova York (Estados Unidos) nos últimos dias, a manutenções não programadas ou a ajustes na malha". 

Depois da Webjet e da TAM, as empresas que apresentavam mais atrasos eram a Avianca (12,5%), Gol (11,3%) e Azul (10,4%).

Em todo o Brasil, a Infraero registrava atraso em 19,4% dos 2.217 voos domésticos programados. Entre os voos internacionais, o índice era de 17,8% às 20h.

De acordo com a Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil na Central Única dos Trabalhadores (Fentac-CUT), a situação dos trabalhadores está chegando ao limite. Denúncias recebidas pela entidade apontam que os aeroviários estão cansados e chegando ao limite de horas trabalhadas permitidas pela legislação. Os atrasos e cancelamentos podem ser motivados pela diminuição do pessoal em virtude da sobrecarga.

De acordo com a Fentac, a Webjet é um das empresas mais denunciadas porque possuiria poucos funcionários para atender ao volume de trabalho, principalmente, em uma época de fim de ano, quando o movimento aumenta. A Gol e a TAM teriam conseguido contornar a situação de forma mais eficiente, mas também possuem deficiências, afirmou a assessoria de imprensa da categoria.

Nevascas em Nova York afetam voos
A companhia TAM teve voos de e para Nova York, nos Estados Unidos, afetados pelas nevascas que atingem a região nos últimos dias. Nesta manhã, com o fechamento do aeroporto John Fitzgerald Kennedy (JFK), três voos que partiriam de Nova York para o Brasil e um que sairia de Guarulhos para a cidade americana foram cancelados. À tarde, outras duas partidas de Nova York para o Rio e São Paulo foram canceladas.
No final da tarde, a TAM confirmou o voo que parte ainda hoje de Guarulhos para Nova York. A previsão, segundo a empresa, é que o aeroporto JFK seja reaberto esta noite. A companhia ainda programou voos extras na terça-feira, para transportar os passageiros que ainda não chegaram a Nova York ou não voltaram ao Brasil.

fonte/Terra
Enhanced by Zemanta

AGÊNCIA EUROPÉIA DE SEGURANÇA COLOCA EM CHEQUE SISTEMA DE PILOTO AUTOMÁTICO DOS AIRBUS A330 E A340

The merger of Air France and KLM occurred in 2004.Image via Wikipedia
A Agência Europeia de Segurança Aérea reconhece problemas no funcionamento do piloto automático dos aviões A330 e A340 da Airbus, quando também ocorrem deficiências nas sondas que medem a velocidade dos aparelhos. Em uma recomendação enviada aos pilotos que operam voos de longa distância, datada de 22 de dezembro, a Agência Europeia de Segurança Aérea alerta sobre precauções que os comandantes de bordo de modelos Airbus A330 e A340 devem levar em conta no uso do piloto automático. 
 
O documento afirma que em alguns casos o piloto automático pode dar ordens equivocadas ao aparelho e descreve a seguinte situação: quando as três sondas Pitot que medem a velocidade dos aviões não funcionam corretamente, o piloto automático é imediatamente desligado. Mas pode acontecer, em seguida, que duas sondas Pitot meçam velocidades idênticas do avião, porém falsas. Numa situação como essa, o comandante de bordo pode reativar o piloto automático, que baseado nessas indicações erradas de velocidade, dará ordens inadequadas como empinar o bico do avião em posição vertical ou fazê-lo virar de bico para baixo. 
 
Por isso, a Agência Europeia de Segurança Aérea pede aos pilotos dos modelos A330 e A340 que verifiquem daqui para frente se há coerência na velocidade dos aviões antes de reativar o piloto automático. A Airbus relativiza a situação descrita na nota da Agência Europeia de Segurança Aérea, dizendo que a chance de isso acontecer é infinitesimal. Mas esse é um dos cenários que pode ter ocorrido na queda do voo AF 447 Rio-Paris, da Air France, que matou 228 pessoas no final de maio do ano passado. Segundo a agência francesa BEA, que investiga as causas do acidente, "a incoerência na medição da velocidade do avião foi um dos elementos de uma série que provocou a queda do avião, mas não o único".
 
A Airbus lembra que não foi possível saber se os pilotos do voo Rio-Paris reativaram o piloto automático. Cauteloso, o fabricante diz que só as caixas-pretas do avião, desaparecidas até hoje, podem confirmar essa hipótese. A quarta fase de buscas das caixas-pretas no fundo do Atlântico vai começar em fevereiro. 
 
fonte/AFP/RFI
Enhanced by Zemanta

WEBJET TEM 50,8% DE SEUS VOOS ATRASADOS NESTA SEGUNDA-FEIRA

Cerca de 50,8% dos voos domésticos da companhia aérea Webjet programados para esta segunda-feira registraram atrasos nesta manhã, segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Dos 51 voos previstos pela companhia aérea das 0h às 12h, 30 tiveram atraso superior a 30 minutos. Outros nove (15,3%) foram cancelados.

A assessoria de imprensa divulgou comunicado no qual afirma que problemas meteorológicos provocaram os atrasos por causa do fechamento dos aeroportos das cidades de Ribeirão Preto (SP), Foz do Iguaçu (PR) e Confins (MG). Segundo a própria empresa, o mesmo problema foi registrado nas regiões Sul e Sudeste neste final de semana.

A Webjet afirma que os passageiros prejudicados serão reacomodados em voos próprios e de outras empresas e que não serão cobradas taxas de remarcação além do reembolso das tarifas pagas pelas passagens. A empresa afirma que todas as medidas estão de acordo com as normas da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Depois da Webjet, a companhia que registrava o maior número de atrasos era a TAM, com 90 dos 375 voos programados atrasados (24%). Em seguida estavam a Avianca (14%), Azul (10,4%) e Gol (8,1%).
Em todo o Brasil, a Infraero registrava atraso em 17.5 % dos 1137 voos domésticos programados. Entre os voos internacionais, 17,1% sofreram atraso superior a 30 minutos.

fonte/Terra
Enhanced by Zemanta

NEVASCA CASTIGA O NORDESTE DOS ESTADOS UNIDOS APÓS O NATAL

A nevasca que atingiu o nordeste dos Estados Unidos entre domingo e segunda-feira chegou tarde para compor a paisagem do Natal, mas cedo para frustrar os planos de milhares de passageiros que pretendiam viajar de avião, trem ou ônibus antes do Ano-Novo.

Mais de 1,5 mil voos foram cancelados nos três maiores aeroportos de Nova York. Em Washington, Baltimore, Chicago e nas Carolinas do Sul e do Norte, o número de decolagens e pousos também foi reduzido praticamente a zero.

Um terminal do Aeroporto Internacional John F. Kennedy, em Nova York, foi transformado em uma espécie de campo de refugiados. Famílias inteiras dormiam sobre pilhas de bagagens, realizavam suas refeições em cima de maletas e assistiam filmes em laptops. Os olhos de todos, volta e meia, saíam da tela do computador para mirar o painel que informava os voos. À medida que o branco da neve imperava nas pistas do aeroporto, a alteração dos status dos voos para "cancelado" invadia o painel.

Apesar da previsão de mais cancelamentos na segunda-feira, espera-se que a situação se normalize na terça-feira.

Na Filadélfia, um importante jogo de futebol americano foi cancelado. A neve acumulada chegou a meio metro em algumas zonas.

Segundo o site do jornal The New York Times, as nevascas ocasionaram pelo menos uma morte até agora. Na noite de domingo, um homem que dirigia em uma rodovia no distrito de Mount Olive, em Nova Jersey, perdeu o controle do carro e bateu contra um poste, de acordo com a polícia local.
 
fonte/AP/ZHora
Enhanced by Zemanta

domingo, 26 de dezembro de 2010

VÍDEO - ÚLTIMO VOO DO COMANDANTE JESUS GUIL "CHIRRI" - AIR EUROPE

PERIGO NO AEROPORTO DE SOROCABA, SÃO PAULO - RELATO DE UM PILOTO

Caros colegas forenses;

Como faço parte do elo SIPAER, venho por meio deste informá-los o fato que ocorreu comigo na noite de 20/12/2010, com a finalidade de alertá-los e de alguma forma contribuir para que não passem pelo susto que passei.

Por motivo de sigilo, não citarei a matrícula da aeronave, o local de decolagem e tipo de voo bem como pessoas envolvidas.

Decolei na noite do dia 20/12/2010 com um Emb. 711, a atmosfera estava estável e muito agradável de se voar, estava tudo tranqüilo e o voo seguia normalmente através dos corredores visuais da TMA SP, por estes motivos, decidi fazer alguns toques e arremetidas e então retornaria para o local em que decolei.

Ao me aproximar da cidade de Sorocaba, aproximadamente as 22:10, logo avistei o aeródromo e notei que seu balizamento estava aceso.

Ao me aproximar mais, quase que a 5 minutos do ingresso no circuito de tráfego, percebi que havia falhas no balizamento, sendo que muitas lâmpadas do lado direito da pista 18 estavam apagadas. Achei estranho, mas continuei com a aproximação, próximo da final, notei que as luzes verdes que ficam na cabeceira, também estavam apagadas, mas tudo parecia estar normal, porque há pouco tempo antes uma aeronave tinha decolado.

Pousei normalmente, comandei flap up, apliquei toda potência e arremeti. Após passar 500 pés, percebi uma luz verde e para minha infelicidade, era algum inconseqüente que estava com aquele lazer verde de alta intensidade.

O voo continuava normal, ingressei na perna do vento, base e final... desta vez resolvi pousar com flap 40 e manter uma velocidade menor para um pouso mais suave. Talvez por sorte, esta decisão tenha me salvado.

O pouso na rwy 18 foi muito tranqüilo, como de praxe, fiz os procedimentos para arremeter, e quando olhei para frente, avistei uma placa de madeira de 2 por 3 metros, parecida com um pequeno outdoor bem na centerline.

Se quer deu tempo para dizer aquele famoso “Aiii baralho” hahahaha,... o impacto foi inevitável e após só pensei em cortar a mistura, desligar tudo que fosse elétrico, fechar a seletora e abandonar a aeronave.

Por alguns instantes, até pensei que fosse uma tentativa de assalto, tive receio de sair correndo da aeronave, mas ao abrir a porta e dar alguns passos encima da asa, escutei bem longe algumas pessoas gritarem “se fod....” “seu filho da p....” e etc...

Corri desesperadamente no meio da pista em direção ao terminal, como estava muito escuro, mal dava pra avistar alguém que estive próximo, após correr quase 700 metros, avistei uma viatura da PM, e alguns policiais à paisana que apareceram assustados ao me ver, tentei contar o que tinha acontecido, mas nem conseguia respirar direito e se quer pronunciar uma palavra.

Entrei na viatura e voltei para onde estava a aeronave. Em minutos, apareceram policiais de todos os lados, parecia que tinha acontecido um assalto à banco, mas infelizmente ninguém foi identificado.

O balizamento foi desligado e então o que me restava era aguardar a visita do CENIPA para averiguar o fato ocorrido e tomar suas providências.

O toque ocorreu as 22:21 e somente por volta das 02 da madrugada o CENIPA chegou. Para minha felicidade logo fui avisado de que não perderia o CCF, pois o que tinha ocorrido foi atribuído como interferência ilícita e não uma falha na operação. Então, por este motivo, o caso deveria ser conduzido pela polícia, aguardei mais uma hora pela visita do delegado e após algumas ligações, fui informado de que ele não poderia comparecer, mas que estava autorizado a remover a aeronave da pista para outro local.

Para finalizar, gostaria de ressaltar algumas colocações:

- O aeródromo de Sorocaba SDCO não possui bombeiros ou qualquer tipo de brigada contra incêndio.

- Não seria dever dos seguranças e administração prover segurança da operação e certificar de que todos auxílios estão em perfeito funcionamento?

- Como um aeródromo que possui operação de aeronaves de mais de 60 milhões de dólares pode apresentar tamanha falha?

Naquele momento me senti numa terra de ninguém e agora me sinto indignado com o que aconteceu, quando falo para os conhecidos, todos se espantam ao saber que colidi com madeiras sobre a pista. Realmente o caso é inacreditável e poderia ter me matado.

De tudo que ocorreu, aprendi a voar com mais responsabilidade, estar preparado para o inesperado e sempre consultar tudo que for auxiliar a segurança do voo, bem como solicitar informações via rádio do DAESP quando for operar nestes aeródromos.

Graças a Deus estou vivo e sai sem qualquer arranhão, somente um susto e mais uma história para contar...

Fotos que registrei:

Balizamento (ultima lampada acesa à esquerda da pista)


Pedaços do balizamento jogado na pista com a intenção de causar danos aos pneus da aeronave.


Objeto colocado sobre a centerline próximo a marca de mil pés.


O que sobrou da roda


Por muito pouco a hélice não tocou o asfalto.


AOG...



Brincadeiras a parte, Murphy existe... a hélice sempre para na horizontal, desta vez ela parou na vertical. Gostaram do meu primeiro e último FR ? hahaha


Segue a vida e seguem os voos!

fonte/Forum/ContatoRadar

Enhanced by Zemanta

ATRASO EM VOO DA GOL GERA TUMULTO NO AEROPORTO DE CONGONHAS


Um atraso de mais de três horas na decolagem de um voo da Gol gerou protestos por parte dos passageiros no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, na tarde deste sábado (25), segundo os próprios passageiros informaram ao G1. A partida do voo 1664, com destino à Vitória, no Espírito Santo, estava prevista para as 11h, mas só decolou mesmo às 16h42.

A confusão teve início a partir das 14h, quando os passageiros foram informados de que a tripulação não havia chegado. A informação seguinte foi a de que a tripulação já estava pronta, mas que aguardava ainda o comandante do voo. Diante do desencontro de informações, os passageiros afirmaram ao G1 que decidiram, então, invadir a área de embarque do aeroporto. Em seguida, eles disseram ergueram uma barricada com as cadeiras de espera no local como forma de chamar a atenção.

A Infraero negou que houve invasão e qualquer tumulto na área de desembarque, alegando que o que aconteceu foram apenas discussões. Além disso, o órgão disse que não houve qualquer dano material ao aeroporto.

Dois policiais federais conversaram com os passageiros e ouviram as suas solicitações. A exigência era a de que fossem atendidos por algum funcionário da Gol. Os policiais federais intercederam a favor dos passageiros junto à empresa, mas ninguém da companhia aérea se apresentou para solucionar o problema. Os passageiros apenas foram informados que o voo partiria por volta das 16h30.

Diante do impasse, formou-se uma comissão de três passageiros para que formalizasse uma queixa junto à sede da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), em Cumbica, onde foi registrado um boletim de ocorrência. Até as 15h30, no entanto, os passageiros prosseguiam sem uma solução definitiva.
Às 15h45, a assessoria da Anac disse ao G1 que a companhia aérea havia informado que teve um problema específico com a tripulação deste voo e que este decolaria às 16h30, como havia sido anunciado. A Infraero foi comunicada pela Gol que o voo 1664 deixou Cumbica às 16h42 deste sábado.

A Anac afirmou que vai investigar se a empresa descumpriu alguma norma de aviação, como, por exemplo, deixar de prestar assistência aos passageiros em caso de atrasos mais prolongados, como o deste voo especificamente.

As informações obtidas pelos passageiros, no entanto, eram a de que outros sete partidas da Gol tinham apresentado o mesmo problema durante o dia. A assessoria da Infraero de Cumbica foi informado pela Gol que outros dois voos da empresa registraram atrasos: o voo 1716, com destino a Foz do Iguaçu, com partida prevista para as 12h30 e remarcada para as 17h, e o voo 1058, que partiria para Campo Grande às 13h30, mas cuja decolagem foi adiada para as 17h30.

E o diretor do Sindicato dos Aeroviários de Guarulhos, Carlos Chagas, disse, por sua vez, que desconhece qualquer movimento ou greve branca. "De jeito nenhum, nem greve branca". Segundo ele, o sindicato cumpre estritamente a decisão judicial que proibiu a greve.

Por meio de nota, a Gol informou que "precisou realizar ajustes em sua malha ao longo desta tarde, devido à chuva que atinge algumas regiões do País e ocasionou a suspensão temporária de operações aéreas em aeroportos importantes no sistema da empresa, como o de Belo Horizonte/Confins e o de Campo Grande".
Segundo a companhia aérea, "em alguns casos, foi necessário modificar a programação de tripulantes, respeitando o limite, previsto em lei, de horas voadas durante o dia". A Gol destacou que "está se empenhando para atender da melhor forma possível seus clientes, dentro do que estipula a Resolução 141 da Agência Nacional de Aviação Civil, e que já acionou aeronautas reserva".

fonte/G1
Enhanced by Zemanta

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

NEVE FORÇA RETIRADA DE 2.000 PESSOAS DE AEROPORTO NA FRANÇA E PREJUDICA VOOS NA EUROPA

Cerca de 2.000 pessoas tiveram que ser retiradas às pressas nesta sexta-feira do Aeroporto Charles de Gaulle, em Paris (França), diante do risco de desabamento do telhado pelo acúmulo de neve.
O mesmo telhado desmoronou parcialmente em 2004, pouco depois da inauguração. As pessoas permaneceram calmas durante o esvaziamento do Terminal 2E, descrita pela direção do aeroporto como preventiva.
Ao menos 60 centímetros de neve estavam acumuladas no telhado. Equipes de emergência foram enviadas para limpar o local.

Poucas semanas depois do terminal ser inaugurado, em 2004, uma parte do telhado desenhado por Paul Andreu caiu --matando quatro turistas estrangeiros e ferindo outras seis pessoas. 

A Aviação Civil francesa anunciou nesta sexta-feira que 35% dos voos previstos para esta tarde no aeroporto Charles de Gaulle foram cancelados por problemas de abastecimento de anticongelante para tirar o gelo aos aviões. 

O temporal de neve, o terceiro que a França sofre no mês, provocou problemas de circulação em várias estradas do país, o que dificulta o tráfego de caminhões, o que explica a falta de anticongelante no Charles de Gaulle. 

A Aviação Civil tinha anunciado a suspensão da metade dos voos previstos até as 13h (10h de Brasília) e, posteriormente, acrescentou a anulação de 35% dos voos do resto do dia. 

As companhias aéreas são as que têm que decidir que voos são suspensos e, por enquanto, estão dando prioridade aos de longa distância. 

Por enquanto, os outros aeroportos, que administram um menor volume de tráfego, não sofreram anulações.
ESTRADAS
Nos serviços ferroviários não estão previstos cancelamentos, mas sim atrasos importantes, sobretudo nas linhas do leste e do sudeste do país. A empresa pública de ferrovias SNCF reforçou os serviços às vésperas de Natal.
A circulação nas estradas é complicada em diversos departamentos, 21 dos quais há alerta por neve. Os problemas afetam sobretudo a rede secundária, embora as autoridades pediram prudência também nas grandes estradas do país.
BÉLGICA
O aeroporto de Bruxelas decidiu suspender, pelo menos até as 15h (13h de Brasília) desta sexta-feira, a aterrissagem de voos em suas pistas para dar prioridade às decolagens, que sofrem muitas dificuldades por causa da neve que cai na Bélgica.
"Atualmente tudo está preparado para permitir a decolagem do máximo de aviões, mas a situação evolui lentamente", explicou o porta-voz do aeroporto.
O aeroporto tem todas suas pistas abertas, mas as atividades estão muito desaceleradas devido à situação meteorológica.
Por enquanto, os voos com destino a Bruxelas estão sendo desviados para outros aeroportos.
As saídas previstas para hoje, segundo informa o aeroporto internacional belga em seu site, estão em sua maioria atrasadas ou canceladas.
Enquanto isso, o aeroporto de Bruxelas Sul-Charleroi foi reaberto hoje após se ver obrigado a suspender suas operações ontem, provocando o cancelamento de 18 voos e deixando em terra umas 2.000 pessoas.
Também opera, embora com algumas restrições, o aeroporto de Liège, no leste do país.
Na vizinha Holanda, os aeroportos de Eindhoven e Maastricht também tiveram que fechar esta manhã por causa das fortes nevascas no sul do país. 

fonte/UOL
Enhanced by Zemanta

PASSAGEIROS DA TAM ABANDONAM AVIÂO EM MANOBRA DE EMERGÊNCIA

Ao menos dez passageiros do voo TAM 3175 que decolou de Salvador com destino a São Paulo tiveram ferimentos leves depois de serem obrigados a descer pelo escorregador de emergência por causa de uma suspeita de incêndio na parte de trás do avião. 

Cerca de 15 minutos depois da decolagem, o piloto informou  que retornaria ao aeroporto por causa de um problema na pressurização. “Várias crianças que estavam no avião já estavam chorando e reclamando de dor no ouvido. Além disso, havia um cheiro estranho”, disse o engenheiro José Ivanildo Azevedo, 54 anos. Segundo ele, a aeronave pousou e ficou na pista por cerca de uma hora. “Não deram nem água, muito menos informação”, bradou. 

Passageiros mostram arranhões causados após a descida no escorregador do avião. Foto: Margarida Neide/Ag. A TARDE.

Por duas vezes, o piloto anunciou à tripulação para se preparar para a decolagem. Em seguida foram ouvidos  barulhos estranhos, como se o piloto estivesse tentando ligar as turbinas. O estudante de medicina Renan Visibli, 21, que estava na penúltima fila, viu o forno pegando fogo e uma aeromoça e um homem usando o extintor. 

Minutos depois, o piloto anunciou à tripulação: “abandonar a aeronave”, gerando princípio de confusão. “Acabei de colocar meu coração para dentro da boca de novo”, descreveu o professor universitário, Marcelo Moraes, de 56 anos.

fonte/foto/ATarde

Enhanced by Zemanta

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

VOO DA TAM EM SALVADOR COM SUSPEITA DE FOGO NA GALLEY

O voo JJ3175 de Salvador para o aeroporto de Guarulhos retornou para salvador devido despressurização  Realizada manutenção e a aeronave de prefixo PR-MBG foi liberada para o voo, durante o taxi o comandante recebeu indicação de fogo na Galley e ordenou abandono da aeronave pelos escorregadores. 

O incidente aconteceu segundo informações recebidas às 19:20 horas. Foi observado fumaça no interior da aeronve.



fonte/Twitter/

AOS AMIGOS LEITORES DO BLOG UM FELIZ NATAL

AVIÃO QUE FAZIA PULVERIZAÇÃO CAI EM CANAVIAL NO INTERIOR DE SÃO PAULO


SÃO PAULO - Um avião monomotor caiu na manhã desta quinta-feira, em um canavial de Cajobi, cidade a 411 quilômetros da capital. O piloto está internado em estado grave na santa casa de Olímpia. O acidente aconteceu a 200 metros de uma pista de terra. O avião que faria a pulverização na plantação de cana ficou bastante danificado. O piloto Anderson de Souza Lacerda, 38, teve ferimentos graves. 

A aeronave foi localizada por trabalhadores rurais que ouviram o barulho do avião no momento da decolagem e notaram que ele não havia ganhado altura. As causas vão ser investigadas pelo departamento de aviação civil. 

fonte/foto/G1/AgOGlobo

AEROPORTO DE GUARULHOS TEM 43% DOS VOOS ATRASADOS

Dos 544 voos programados em todos os aeroportos do país até as 8h, 164 --30,1%-- sofreram atrasos de mais de meia hora e 30 foram cancelados (5,5%). A informação é da Infraero (estatal que administra os aeroportos do país). 

No horário, o aeroporto com maior número de atrasos era o de Porto Velho (RO). Dos 9 voos programados, 6 (66,7%) estavam com atraso de mais de meia hora. No entanto, a Infraero comunicou que entre as 9h e 10h não houve nenhum atraso. 

O aeroporto internacional de Guarulhos (Grande SP) tinham o maior número de voos atrasados, 26 dos 60 programados --43,3%-- e e 2 (3,3%) cancelados. 

No aeroporto de Congonhas, zona sul de São Paulo, dos 64 voos programados, 13 (20,3%) sofreram atrasos e 14 (21,9%) foram cancelados. 

No aeroporto Santos Dumont, no Rio, dos 48 voos, 6 (12,5%) estavam atrasados e 9 (18,8%) haviam sido cancelados. No Galeão, também no Rio, dos 39 voos, 18 (46,2%) sofreram atrasos e 2 foram cancelados (5,1%). 

No aeroporto de Brasília, dos 51 voos programados, 20 (39,2%) estavam atrasados e 1 voo (2%) foi cancelado. 

fonte/UOL
Enhanced by Zemanta

QUEDA DE MONOMOTOR QUE DETECTAVA PLANTAÇÕES ILEGAIS MATA 2 NO MÉXICO

México, 22 dez (EFE).- Um avião monomotor que fazia voos de reconhecimento e erradicação de plantações ilegais no norte do México se acidentou, deixando dois mortos, informou nesta quarta-feira a Procuradoria Geral da República (PGR) mexicana.

A aeronave de modelo Cessna 206 pertencia à PGR mas estava emprestada à Secretaria de Defesa Nacional para trabalhos de reconhecimento e erradicação de plantações ilegais.

O monomotor caiu quando tentava aterrissar numa pista do município de Ocampo, no estado mexicano de Chihuahua, perto da fronteira com os Estados Unidos, indicou a Procuradoria em comunicado.

A aeronave era tripulada pelo capitão Ricardo Lozano Robledo, piloto da PGR, e por um tenente do Exército mexicano identificado como Oscar Mayo Roma. Segundo a PGR, ambos foram as vítimas do acidente. 
fonte/EFE
Enhanced by Zemanta

SINDICATO DOS AEROVIÁRIOS ANUNCIA SUSPENSÃO DE GREVE EM CUMBICA

O presidente do Sindicato dos Aeroviários do Aeroporto Internacional de Guarulhos, Orisson Melo, anunciou nesta quinta-feira que a greve da categoria está suspensa no aeroporto de Cumbica, de acordo com informações da rádio CBN

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Milton de Moura França, concedeu uma liminar e divulgou uma nota à imprensa determinando que sejam mantidos em atividade 80% do efetivo dos aeronautas e aeroviários, de forma a viabilizar o transporte aéreo em todo o território nacional no período compreendido entre 23 de dezembro de 2010 e 2 de janeiro de 2011. 

fonte/Terra
Enhanced by Zemanta

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

ATENÇÃO LEITOR DO BLOG



LEITOR DO BLOG 

SE VOCE ESTÁ NO AEROPORTO E ENCONTRA DIFICULDADE PARA EMBARCAR MANDE SEU
 RELATO OU FOTO PARA

ifronline.greve@gmail.com

PASSAGEIROS ENFRENTAM FILAS E DORMEM NO CHÃO EM AEROPORTO DE SALVADOR, BAHIA



Às vésperas do feriado de Natal, o movimento de embarque no Aeroporto Internacional de Salvador era intenso às 20h de quarta-feira. Os passageiros aguardavam em longas filas, inclusive dormindo no chão nos corredores de acesso à sala de embarque. Até as 19h de hoje, quase 40% dos 118 voos previstos sofreram atrasos no terminal da capital baiana. Outros quatro foram cancelados.

A causa dos transtornos é a possibilidade de greve nacional dos aeroviários e aeronautas, anunciada para a próxima quinta-feira, a partir das 6h. Segundo o Sindicato Nacional dos Aeroviários, a entidade está pronta para a paralisação. O objetivo é impedir que as companhias aéreas desarticulem o movimento grevista.

fonte/Terra
Enhanced by Zemanta

FILA NO GUICHÊ DA TAM CHEGA A 1,5 KM NO AEROPORTO DE BRASÍLIA

Com tempo de espera superior a duas horas, a fila do guichê da TAM chega a 1,5km no Aeroporto JK, em Brasília. Até às 18h desta quarta-feira, 42% dos voos que estavam atrasados na capital federal. De acordo com a (Infraero), das 138 decolagens e aterrissagens programadas, 58 estavam fora do horário.

O voo do analista Valmir Diefenthaeler, 36 anos, estava marcado para 18h48. Mas às 18h20 ele ainda estava na fila e ainda não sabia se sua viagem para Foz do Iguaçu (PR) estava confirmada. 

fonte/CorreioBrasiliense
Enhanced by Zemanta

VÍDEO - C-130 FAT ALBERT - BLUE ANGELS

MANAUS - VOOS CANCELADOS

Manaus - O caos aéreo que atinge todo o Brasil teve seu ápice no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes de Manaus na noite desta terça-feira (21). Em uma das salas de embarque, segundo testemunhas, houve agressão física contra funcionários da TAM Linhas Aéreas, após mais um adiamento de um voo com destino a São Paulo.
A lista de reclamação dos passageiros é extensa. Voos atrasados, alternados, cancelados, falta de informação dos atendentes, problemas de tripulação nas aeronaves, passageiros que compram passagem por último "furam filas" e falta de vagas nos hoteis da cidade. Este último foi a justificativa do vendedor Josué Araújo para ter ficado por mais de 24 horas no Aeroporto. “(Os funcionários da TAM) sempre respondem que os hoteis estão lotados, por isso não saio daqui. Pelo menos nos deram lanche”, lamentou, após ter seu voo cancelado, por cinco vezes, desde às 22 horas da última segunda-feira (20).
Sede da Copa do Mundo de 2014, os problemas no Aeroporto manauara já preocupam até que não é do Brasil. “Como uma empresa (TAM) dessa vai trabalhar em uma Copa do Mundo? Estou aqui há 28 horas e não recebi uma informação precisa até agora”, reclamou o alemão que pediu para ser identificado como Cristiano Schuwtz. Sua viagem foi cancelada devido ao mau tempo que atingiu a cidade nos últimos dias.
“Manaus é maravilhosa, mas ficar aqui neste aeroporto tanto tempo, sem uma informação precisa, com os voos trocando de horário de três em três horas, é complicado”, acrescentou Cristiano. Seu voo com destino a São Paulo estava marcado inicialmente para às 17h50 da segunda-feira (20), e foi prometido a decolagem para à 1 da manhã desta quarta-feira (22). “Dúvido que saia nesse horário”, desafiou.
A equipe de reportagem do D24AM entrou em contato com a Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), mas não obteve resposta. Já a TAM, alvo único das críticas dos passageiros, falta atendentes. No único balcão de informações, na noite desta terça-feira (21), havia apenas uma pessoa para atender milhares de passageiros. No telefone, a gravação automática informa que os “todos consultores estão ocupados”.

fonte/ D24AM

Enhanced by Zemanta

PRESIDENTE DA ANAC ADMITE PROBLEMA EM AEROPORTOS DO PAÍS NA QUINTA-FEIRA


A presidente da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), Solange Vieira, admitiu na tarde desta quarta-feira que os passageiros que quiserem embarcar na quinta (23) nos aeroportos do país terão problemas e podem não conseguir chegar ao destino escolhido.
Solange também disse que o movimento estimado nos aeroportos amanhã deve ultrapassar 400 mil pessoas. Ela afirmou que a agência está conversando com as companhias aéreas --principalmente TAM e Gol-- sobre a possível greve dos aeroviários e aeronautas marcada para amanhã.
De acordo com ela, a Anac não trabalha com o cenário de paralisação total dos funcionários. "Se houver problema será pontual e totalmente contornável", disse. Quanto a uma possível punição aos grevistas ou às empresas, ela afirmou que isso não cabe à Anac decidir. "A Justiça que irá definir se a greve é legal ou não." 

Reunião realizada na terça-feira (21) entre empresas e representantes dos aeroviários (que fazem as operações em solo) e aeronautas (tripulação de voo) terminou sem acordo. Os empresários avançaram timidamente na negociação de ontem, oferecendo 6,58% de reajuste. Antes a proposta era de 6,08%. Os trabalhadores não apresentaram contraproposta. 

Cerca de 200 aeroviários fizeram na manhã desta quarta-feira, no aeroporto Santos Dumont (centro do Rio), uma manifestação convocatória para a greve de amanhã. 

fonte/G1

Enhanced by Zemanta

CERCA DE 400 PASSAGEIROS AGUARDAM EMBARQUE NO AERPORTO DE MANAUS

Mais de 400 passageiros aguardavam, no começo da tarde desta quarta-feira, pelo embarque no aeroporto internacional Eduardo Gomes, em Manaus. Segundo a Infraero (estatal que administra os aeroportos), nas últimas 12 horas, três voos da TAM foram cancelados pela empresa. Ontem, problemas meteorológicos afetaram os voos.


Das partidas programadas para hoje, dez voos da TAM (5) e da Gol (5) estão com atraso. A reportagem encontrou passageiros dormindo nas cadeiras e no chão.

A professora Maria Iracélia dos Santos, 27, diz que desde domingo ela e mais três familiares dormem em um colchão inflável para casal ao lado do balcão da TAM.

Ainda segundo ela, o voo estava programado para partir à 0h50 para Fortaleza. Disse que, primeiro, a empresa informou que o nome do grupo não estava na lista de passageiros. Depois, anunciou que o voo estava cancelado.

Moradora do bairro no bairro Educandos, na zona sul de Manaus, a professora disse que não sairá do aeroporto. "Só vou sair daqui quando a TAM nos embarcar, estamos com hotel pago em Fortaleza e eles querem que a gente desista, mas não vamos desistir", afirmou.

A dona de casa Sandra Regina Rodrigues, 51, disse que estava com os filhos, Jonatha De Paula, 21, e Mayara Sinfrônio, 23, desde às 14h de ontem para embarcar para o Rio de Janeiro.

A reportagem encontrou Mayara dormindo no chão do aeroporto, atrás das cadeiras, próximo ao balcão da Infraero. "Não conseguimos despachar as bagagens, é uma situação caótica. Não temos a quem reclamar porque a Anac fechou o escritório", disse.

O comerciante Anselmo Martinez Alonso, 54, estava com a mulher e uma filha no aeroporto de Manaus desde às 3h30 para embarcar para Teresina (PI). "O que nos deixa indignados é a falta de informação da TAM. Por isso as pessoas fazem tumulto, gritam. Nós queremos é embarcar", disse.

Desde o dia 15 deste mês, a Delegacia do Turista registra, em média, 15 reclamações por dia por atraso ou overbook (quando se vende mais passagens do que a capacidade da aeronave).

A delegada Graça Lima disse que a maior parte dos boletins de ocorrência são feitos por passageiros da TAM. "Nosso orientação aos passageiros é que eles registrem o B.O. no Juizado Especial Civil para que tenho seus direitos garantidos", afirmou.

A reportagem procurou a supervisão da TAM no aeroporto internacional Eduardo Gomes, mas os funcionários disseram que não poderia comentar o assunto. Em nota divulgada ontem, a empresa informou que estava dando assistência aos passageiros.

fonte/AmazoniaOnLine






Enhanced by Zemanta

ATRASADAS 25% DAS PARTIDAS NO AEROPORTO SALGADO FILHO

InfraeroImage via Wikipedia
Os atrasos atingem quase 25% das partidas na tarde desta quarta-feira no aeroporto Salgado Filho, segundo informações das 17h da Infraero. Até esse horário, 19 voos tiveram atraso, o equivalente a 24,36% das 78 partidas programadas. Também foi registrado um cancelamento.

Entre as chegadas, 21 atrasaram no Salgado Filho, mas não ocorreu nenhum cancelamento.

No país, um quarto dos voos domésticos enfrenta atrasos (25,9%). A companhia com maior índice de voos atrasados é a TAM, com 42,6% de atrasos.Em seguida, vem a Gol, com 24,7% de atrasos 24,7%.

O aeroporto com maior número de voos atrasados é o de Guarulhos, com 76 partidas com atraso. Em seguida, vem o aeroporto de Brasília, com atrasos em 54 voos.

fonte/ZeroHora
Enhanced by Zemanta

MAIS DE 37% DOS VOOS ESTÃO ATRASADOS EM RECIFE

InfraeroImage via WikipediaInício do conteúdo

RECIFE - Dos 74 voos que aterrissaram e decolaram até as 17 horas desta quarta-feira, 22, no Aeroporto dos Guararapes, no Recife, 37,8% registraram atraso de mais de 30 minutos. 

De acordo com a assessoria da Infraero, os atrasos decorreram especialmente em função de outros aeroportos. Não houve registro de tumulto nem de protestos de passageiros. A situação de normalidade deve ser quebrada nesta quinta, 23, com o início da greve dos aeroviários, que tem a adesão dos profissionais em Pernambuco

"Nesta quarta, fizemos uma operação padrão, mas a partir desta quinta vamos parar os serviços", prometeu o vice-presidente do Sindicato dos Aeroviários de Pernambuco, Erivaldo Pereira Dutra. A categoria quer um aumento salarial de 15%. "Baixamos para 13% a nossa reivindicação, mas os patrões estão irredutíveis em torno do índice inflacionário de 6,8%", afirmou Dutra. "Eles não nos deixaram outra opção". 

font/OGlobo
Enhanced by Zemanta

AEROPORTO SANTOS DUMONT TEM VOOS CANCELADOS POR CAUSA DE PROTESTO DOS TRABALHADORES DO SETOR AÉREO


BRASÍLIA - RIO - Pelo menos oito voos foram cancelados no aeroporto Santos Dumont, no Rio, na manhã desta quarta-feira, por causa de uma manifestação dos funcionários das companhias aéreas. Representantes do Sindicato Nacional dos Aeroviários realizaram piquetes na entrada do aeroporto, a partir das 5h da manhã, causando tumulto no local. Eram cerca de 50 manifestantes, com faixas e megafones, tentavam impedir a entrada dos funcionários ao trabalho. A Polícia Militar foi chamada para garantir a segurança na porta do aeroporto. 

Segundo a Infraero, a situação no aeroporto já foi normalizada e os voos, retomados. Aeroviários e aeronautas querem reajuste salarial de 13% a 15% e ameaçam realizar uma greve nacional amanhã, 23, dia previsto para ter movimento recorde por causa do Natal. Estão programados 480 mil e 500 mil embarques e desembarques, com pelo menos 240 mil passageiros circulando entre os principais aeroportos do país. Na terça-feira, terminou sem acordo a reunião do Ministério Público do Trabalho com representantes dos sindicatos das companhias aéreas e dos trabalhadores do setor, para evitar a greve. Uma nova reunião entre a Anac, companhias aéreas e Ministério da Defesa está prevista para esta quarta-feira no Palácio do Planalto
Para amanhã, estão programadas assembleias em várias capitais, principalmente no Rio (em frente ao aeroporto Santos Dumont) e em São Paulo (Guarulhos e Congonhas), onde os funcionários do setor aéreo estão mais mobilizados. A categoria promete ao menos uma operação-padrão, o que deverá gerar atrasos em cascata nas principais rotas. 

A possibilidade de crise aérea fez com que a presidente eleita, Dilma Rousseff, desistisse de tirar o comando dos aeroportos da Defesa e repassasse para a Secretaria de Portos, criando a secretaria de Portos e Aeroportos. 
Só depois ela vai avaliar a conveniência de criar a pasta de Aeroportos.
Para evitar quebra-quebra nos aeroportos, caso a greve se confirme, o Ministério da Defesa enviou ofício aos governadores, solicitando reforço na segurança. A recomendação é que a Infraero também reforce sua equipe. 

Os atrasos de voos vêm crescendo desde o fim de semana. Nesta terça-feira, depois de ter atingido 16,5% às 12h, o percentual de voos com destinos domésticos que decolaram mais de 30 minutos após o horário previsto chegou a 23,8% às 20h - atingiu 528 dos 2.220 voos programados. Outros 150 foram cancelados.

Porém, durante o encontro realizado ontem em Brasília, representantes da classe trabalhadora recusaram a proposta de reajuste de 6,5% (cerca de meio ponto percentual acima da inflação) feita pelas empresas. A proposta anterior era de 6,08%. A categoria insiste em 13% (com ganho real) para aeroviários (trabalhadores de solo) e aeronautas (pilotos e comissários). 

Ao tomar conhecimento do resultado da reunião, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, convocou uma reunião com o presidente da Infraero, Murilo Barboza, e a secretária de Aviação Civil, Fabiana Todesco. Eles ainda avaliavam a situação às 21h, para ver o que poderia ser feito para evitar a greve, como por exemplo convocar uma reunião com as companhias aéreas. Ao fim do encontro com os trabalhadores, elas diziam não acreditar na greve.
- Não acreditamos que vai haver paralisação. Não há o menor cabimento em fazer uma greve no dia 23 de dezembro por tudo o que o Natal significa para a sociedade brasileira - afirmou Odilon Junqueira, negociador por parte das companhias. 

Durante o encontro desta terça-feira, mediado pelo Ministério Público a pedido do governo federal, os dirigentes sindicais da classe trabalhadora recusaram a proposta de 6,5% de reajuste salarial oferecido pelas empresas. Segundo o presidente do Sindicato dos Aeronautas (pilotos e comissários), Gelson Dagmar Fochesato, somente vão decolar na quinta-feira 30% dos voos programados. Ele disse que ficará a critério das empresas informar até o fim da noite de amanhã, quais partidas serão mantidas. 
- Quero pedir desculpas à sociedade pela radicalização dos caos aéreo - disse ele.
- Eles (os passageiros) vão chegar com atraso aos seus destinos. Estamos convocando todos os trabalhadores para a greve - emendou o diretor do Sindicato dos Aeroviários (de solo), Marcelo Schimidt.

O procurador-geral do Trabalho, Otávio Brito Lopes, disse que ainda acredita numa negociação e caso a paralisação se confirme, o Ministério Público vai acompanhar o movimento, sobretudo do ponto de vista da legalidade, da preservação da saúde e segurança da população. Ele disse que haverá equipes de plantão, inclusive no Tribunal Superior do Trabalho (TST), quem julga esse tipo de mobilização.
- A greve é constitucional, inclusive nos serviços essenciais. Vamos acompanhar o desenrolar dos fatos - disse o procurador. 

Anac não tem plano de contingência
Órgão regulador do setor aéreo, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) foi convidada a participar da reunião de conciliação, mas não enviou representante. Alegou que a negociação sindical não é de sua competência. A Anac também não tem plano especial de contingência para a greve - as soluções terão que ser oferecidas pelas companhias aéreas. 

fonte/foto/OGlobo
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...