Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 27, 2011

VÍDEO DO ACIDENTE COM EMBRAER 500 PHENOM 100 NOS EUA, EM AGOSTO DE 2011

Muito provavelmente foi um pouso write-off (???), o Phenom (Flight  RSP240) estava pousando Sedona Airport e veio em muito alta, pouso longo  e saiu para fora da pista, descendo uma colina epercorrendo 200-300 pés  até parar. O co-piloto teve algumas lesões demais ferimentos leves.



A aeronave decolou de KSJC para KSEZ, e o avião (ns 50000057 - N224MD) pertence a JetSuite, uma nova companhia aérea fora da Califórnia, que opera charters exclusivamente com Phenom 100. Eles têm 12 aviões em sua frota e têm numerosos vôos diários em todo o sudoeste americano.




O capitão é tinha mais de 24.000 horas de tempo total e mais de 500 horas neste avião.

fonte/Vídeo/ASN/Azfamily



A NOITE EM QUE O MONTE VESÚVIO CAUSOU MAIS DANOS AOS BOMBARDEIROS ALIADOS DO QUE OS ALEMÃES

A campanha italiana na Segunda Guerra Mundial acabou coincidindo com a última grande erupção do Monte Vesúvio. Uma notícia bem ruim para o 340º Grupo de Bombardeio da Força Aérea dos EUA, que por acaso estava baseada no campo aéreo de Pompeia. Sim, aquela Pompéia.

Quase 1900 anos depois da erupção que destruiu as cidades romanas de Pompéia e Herculano no ano 79 D.C., um grupo de bombardeiros Mitchell B-25 estavam estacionados a poucos quilômetros do sopé do vulcão, parte da invasão dos Aliados à Itália que progredia na Península Apenina. Era março de 1944, e o Vesúvio estava prestes a entrar em erupção.
A erupção causaria uma das maiores perdas já sofridas por qualquer grupo de bombardeio dos EUA na Segunda Guerra. Veja como tudo começou, segundo Dana Craig, veterano do 486º Esquadrão de Bombardeio no site de Don Kaiser sobre o evento: No dia anterior o Vesúvio estava expelindo fumaça. O céu estava nublado, com ameaça de chuva. Perto da meia-noite eu saí para atender um chamad…