quinta-feira, 7 de junho de 2012

PORTA DE AERONAVE NÃO FECHA E VOO ATRASA 4 HORAS



 
 
Os passageiros de um voo da Trip Linhas Aéreas, que seguiria de Maringá, no norte do Paraná, para Curitiba, por volta das 7h30 desta quinta-feira (7), precisaram descer do avião após a porta da aeronave apresentar problemas no aeroporto. Segundo o relato de alguns passageiros, os funcionários tentaram várias vezes, e utilizaram várias ferramentas, mas a porta não fechou. Após quatro horas, a aeronave decolou com apenas 15, dos 50 ocupantes.

"Mesmo com a aeromoça reclamando, eu gravei tudo. Eles ficaram uns 20 minutos tentando fechar a porta e não deu certo. Depois que todos desceram, veio um dos funcionários e disse que apenas 15 pessoas poderiam embarcar porque a porta havia sido consertada parcialmente", contou o passageiro Keneddy da Silva Sobrinho.

O voo decolou por volta das 11h30. Os outros 35 passageiros foram alocados em voos de outras companhias. "Todo mundo ficou revoltado. Teve gente que ficou com medo de embarcar no mesmo voo. Eu estou há mais de seis horas aqui. Perdi todos os meus compromissos. Isso é um absurdo", reclama Keneddy.

A empresa Trip foi procurada pela reportagem do G1 durante a manhã desta quinta para comentar o assunto, mas não foi encontrada.

fonte/G1 /video/YouTube
Enhanced by Zemanta

VÍDEO - TURBINAS DE AIRBUS A380 DA KOREAN SOFRE PEQUENOS DANOS DURANTE POUSO EM NARITA


HELICÓPTERO DESAPARECE COM TURISTAS ESTRANGEIROS EM REGIÃO PERUANA

"Temos informações de que desapareceu na selva de Cusco e as buscas foram iniciadas", disse à AFP o suboficial de sobrenome Córdova da delegacia de Cusco.

Na aeronave viajavam turistas de nacionalidade coreana, informaram a emissora Radioprogramas do Peru e a rede de televisão Canal N, enquanto a estação estatal TV Perú disse que também havia cidadãos austríacos.

O helicóptero Sikorsky S-56T, matrícula OB-1840-P, da empresa Heli Cusco, desapareceu na região de Hualla Hualla com 12 turistas. Uma patrulha se dirige para o local para verificar se houve uma aterrissagem forçada ou um acidente, disse a fonte policial.

Um helicóptero da polícia também participa das buscas, acrescentou.

A aeronave saiu na tarde de quarta-feira da cidade de Mazuco, no departamento de Madre de Dios, para a cidade de Cusco, e foi declarada desaparecida ao não chegar ao seu destino.

fonte/G1/foto/Divulgação
Enhanced by Zemanta

FONIA (COMUNICAÇÃO) DO ACIDENTE COM AVIÃO FAIRCHILD 227 METRO III DA AIR CLASS NO URUGUAI


FOTÓGRAFOS FLAGRAM BURACO EM AVIÃO, WEBJET ALEGA FALHA NA PINTURA


O hobbie de um grupo de fotógrafos de Porto Alegre acabou ganhando contornos mais sérios após o registro de uma aeronave da Webjet, que teria realizado um voo entre Foz do Iguaçu (PR) e a capital gaúcha com o que seria um buraco em sua lataria. Conhecidos como spotters (detetives particulares em tradução livre), eles costumam ficar horas em aeroportos registrando, em fotos e vídeos, o pouso e decolagens de aviões. De acordo com Raul Pereira, um dos integrantes, a aeronave com a falha na lataria pousou no aeroporto Salgado Filho às 12h32 de segunda-feira. 

Ele confessa que o suposto rombo pode não oferecer nenhum perigo imediato ao voo, no entanto, ressalta que a foto, feita pelo colega Eduardo Teodoro, não foi o primeiro registro de avaria na lataria de aeronaves. "É algo que nós, spotters de Porto Alegre, já estamos há um tempão vendo acontecer. Repetidamente os aviões da Webjet chegam com problemas". Ele sugere ainda que, ao olhar outras imagens do grupo, poderá se ver dezenas de pontos, que, segundo ele, são rebites usados para fixar os remendos na fuselagem. "Tem um avião que, só de um lado, tem 14 remendos", afirmou ele. 

Pereira disse que o spotting aeronáutico é um hobbie que une pessoas das mais diversas profissões. "O que gostamos é de fotografar aviões com pinturas diferentes ou raros em Porto Alegre. Mas como os aviões da Web Jet sempre chegam com algo diferente, acabou por se tornar uma brincadeira meio de humor negro." 

Em nota, a Webjet garante que o registrado pelo fotógrafo é "um desgaste na pintura em uma pequena área no acabamento da asa". A empresa disse que providenciou a "imediata correção" da falha. "A companhia ressalta que, em momento algum, a segurança dos passageiros, tripulantes e do voo foi comprometida. A Webjet mantém um rigoroso programa de manutenção diário em todas as suas aeronaves, sendo que o mesmo foi devidamente aprovado pelas autoridades aéreas competentes." 

Nesta quarta-feira, o avião da companhia foi fotografado com o suposto buraco na lataria coberto por uma fita adesiva. 

fonte/Terra/foto/EduardoTeodoro, RaulPereira
Enhanced by Zemanta

ATUALIZADO -01:40 - AVIÃO DESAPARECE APÓS DECOLAR DE MONTEVIDEO

Um avião de bandeira uruguaia, da empresa Air Class, desapareceu após decolar do Aeroporto de Carrasco às 19h45 com dois tripulantes a bordo.

Quinze minutos depois, o Controle de Tráfego Aéreo acionou as equipes de Resgate alertando o Centro de Coordenação da Força Aérea, que ordenou uma busca intensa com uma aeronave C-212 "Aviocar" e um helicóptero AS-365 "Dauphin".

O avião desaparecido ia para o aeroporto de Ezeiza, Buenos Aires. Este é um avião bimotor civil, modelo Fairchild 227 MetroIII, matrícula CX-LAs, propriedade de uma transportadora de correio internacional DHL.

Os esforços de resgate estão sendo coordenadas pelo Centro de Coordenação de Salvamento da Marinhainformou em um comunicado da Força Aérea.

Além disso, uma navio da Sociedade Honorífica de Salvamento Marítimo Fluviais (Ades16) zarpou do Porto de Buceo com uma tripulação voluntária para ajudar nas buscas.

Um porta voz da Força Aérea, Alvaro Loureiro,  declarou ao jornal El Pais Digital , que "a última posição conhecida da aeronave era de cerca de duas milhas a sudoeste da Ilha das Flores". Agora as aeronaves estão em busca padrão (expansiva) na área, disse Loureiro.

Agora 01.14 horas de quinta-feira e as buscas continuam sem sucesso.

fonte/ElPais

ATUALIZADO 01:07 - HELICÓPTERO CAI DURANTE VOO DE TESTE EM MACAÉ

Um helicóptero modelo EC 225 tombou na noite desta quarta-feira no aeroporto de Macaé durante a decolagem. De acordo com informações do Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro/NF), a aeronave, que taxiava no aeroporto, estava com dois tripulantes, o copiloto teve ferimentos leves e o piloto, que saiu ileso. Não há informações sobre as causas do acidente. Em agosto do ano passado, quatro pessoas morreram na queda de um helicóptero na Bacia de Campos.

Segundo a assessoria de imprensa do Sindipetro/NF, a aeronave pertencia a empresa Omni e estava decolando para fazer testes para passar por homologação para operar na Petrobras. Minutos após o ocorrido, diretores do Sindipetro/NF estiveram no local do acidente. A assessoria ainda disse que as informações iniciais são de que a aeronave era nova.

No dia 19 de agosto do ano passado um helicóptero modelo Augusta AW139, da empresa Sênior Táxi Aéreo, caiu na bacia de Campos. A aeronave pediu autorização para pouso de emergência no aeroporto de Macaé, mas desapareceu. Após quase dez dias de buscas, os destroços do helicóptero foram retirados do mar, em Macaé. Os dois tripulantes e os dois passageiros morrem, o auxiliar técnico de planejamento Ricardo Leal de Oliveira, o técnico de inspeção, João Carlos Pereira da Silva, o piloto Rommel Oliveira Garcia e copiloto Lauro Pinto Haytzann.

fonte/FManha/foto/Divulgação/Eurocpter/ThieryRostang
Enhanced by Zemanta

HELICÓPTERO CAI NO AEROPORTO DE MACAÉ, NO NORTE FLUMINENSE

Um helicóptero caiu, na noite desta quarta-feira (6), na pista de pouso do Aeroporto de Macaé, no Norte do Rio de Janeiro. De acordo com o Corpo de Bombeiros, apenas o piloto e o co-piloto estavam na aeronave no momento da queda. Eles tiveram ferimentos leves e foram encaminhados ao Hospital de Macaé.

Segundo funcionários do aeroporto, o helicóptero caiu de uma pequena altitude, e já estava prestes a pousar na pista. Ainda não há informações do que provocou a queda.

O acidente aconteceu por volta das 19h.

 fonte/G1

AVIÃO DESAPARECE NO RIO DA PRATA E HÁ SUSPEITA DE CONGELAMENTO


Um avião uruguaio que decolou do Aeroporto Internacional de Carrasco às 19h45m esta desaparecido. Houve perda de comunicação e do contato com o radar do aeroporto. Quinze minutos depois o controle de tráfego aéreo acionou o resgate da Força Aérea Uruguaia que iniciou buscas imediatas e urgentes com um avião C-212 e um helicóptero.

O avião desaparecido tinha como destino o Aeroporto Internacional de Ezeiza em Buenos Aires. É uma aeronave comercial bimotor Fairchild Swearingen 227 Metro III matríclula CX-LAs, da empresa Air Class, e levava dois tripulantes, informou a Força Aérea Uruguaia.

As causas para o desaparecimento são desconhecidas, mas há vários relatos por pilotos que fazem rota pela região do Rio da Prata e até pela aeronave que participa do resgate de congelamento entre 4000 e 5000 pés de altitude.

fonte/ElPaís/MetSUL/foto/Divulgação
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...