Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 30, 2012

AIRBUS REDUZ PRODUÇÃO DO A380

(Photo credit: Wikipedia)Airbusdecidiureduzir a produçãodoA380para investigarpossíveis violações nafixação das suasasas oque têm causadotanta preocupação naEmirates Airlines,  a empresa quefeza maior encomendadestas aeronaves eteve que deixartemporariamente em terrasua frota.

Assim, ataxa de produçãodoA380será reduzidade 2,7 para 2,3aeronaves por mêspara os próximosdois trimestres, enquanto a Airbusestá a tentarresolver o problema,segundo a imprensa inglesa.

Airbusafirmaque esta medidanão impede aempresade entregar trinta A380 que comprometeu aseus clienteseste ano,embora reconhecendo queele pode cortaro número deA380no próximo ano.

fonte/AgInternacionais

NO AEROPORTO DE CUMBICA CAMELÔS VENDEM PRODUTOS ATÉ NO CHECK-IN

A cena é comum em semáforos ou locais de grande aglomeração, como os centros das cidades ou pontos turísticos: os pedestres passam e são assediados por vendedores de toda sorte, oferecendo vários tipos de quinquilharia. Agora, imagine em um saguão lotado, na fila do check-in e também no cafezinho, passageiros também sendo abordados pelos ambulantes. É o Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, o maior do Brasil, agora também tomado pelo comércio informal. 
Paulo Liebert/AE Chaveiros e outros objetos são vendidos por até R$ 3 dentro do aeroporto A reportagem do Estado foi ao aeroporto em quatro dias diferentes, em horários variados, e flagrou vários ambulantes. Nos cafés localizados no primeiro andar, entre os embarques nacional e internacional, eles abordam passageiros nas mesas. 
Sacos com bloquinhos de papel, caneta e chaveiros são colocados ao lado de bandejas com salgados ou sucos, com o preço e a mensagem do vendedor em destaque. 
"Quanto mais lotado o aeropo…

O FALCÃO DA AVIBRÁS

Ao que tudo indica, em julho deste ano ficará pronto para voar o protótipo do veículo aéreo não tripulado (vant) Falcão, projetado pela Avibras, de São José dos Campos. 
Com investimentos de R$ 60 milhões e apoio das três Forças Armadas e da Financiadora de Estudos e Projetos( FINEP), o Falcão é o primeiro Vant nacional na classe de 800 quilos e será usado em missões de vigilância, patrulha e reconhecimento.
O desenvolvimento dessas Aeronaves não tripuladas é uma das prioridades da nova política de defesa nacional do governo brasileiro.
fonte/IstoÉDinheiro/foto/ StephenTrimblet/FlightGlobal
Stephen Trimble/Flightglobal

FAB ESTUDA SUBSTITUIR OS B707 'SUCATÕES"

'Sucatões' da Presidência serão trocados O governo começa a preparar a compra de dois aviões para a Presidência da República. Há cerca de um mês, o comando da Aeronáutica pediu informações a esse respeito às empresas Airbus, Boeing e Israel Aerospace Industries. Os novos aviões irão substituir os Boeing 707, usados nas missões de transporte intercontinental da Presidência. A FAB possui quatro Boeing 707, mas o estudo prevê a compra de dois, apurou o Valor. A ideia da substituição ganhou força no alto escalão do governo nos últimos dois meses, diante da necessidade da presidente ter uma aeronave com capacidade de fazer voos internacionais sem escalas. As viagens de Dilma Rousseff no A319 costumam ser acompanhadas do jato Embraer 190, cujo alcance máximo é de cerca de 8.300 km. O A319 custou US$ 56,7 milhões. Uma aeronave A330-200, que faz voos de maior distância sem escala, custa por volta de US$ 208,6 milhões.
O Comando da Aeronáutica enviou, há cerca de um mês,…