Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 30, 2013

ITAMARATY IDENTIFICA BRASILEIRO MORTO EM QUEDA DE AVIÃO NA NANÍBIA

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil informou neste sábado (30) que o brasileiro morto na queda de uma aeronave na Namíbia foi identificado como Sérgio Miguel Pereira Soveral. Ele é um dos 33 mortos na queda de um avião da LAM, companhia aérea nacional de Moçambique, que viajava para Angola.
Segundo informações publicadas no jornal português "Diário de Notícias", Sérgio Soreval era luso-brasileiro e empresário do ramo de transportes de mercadorias.
O Itamaraty, conforme nota divulgada nesta tarde, "está prestando assistência consular à família do nacional por meio das embaixadas na região".
"O governo brasileiro manifesta suas mais sentidas condolências às famílias das vítimas, ao governo e ao povo moçambicano e às demais nações que tiveram cidadãos vitimados pelo acidente", informou o ministério.
Havia 27 passageiros e 6 tripulantes a bordo do avião, um modelo E190 fabricado pela companhia brasileira Embraer. Ninguém sobreviveu.

PILOTO MOÇAMBICANO DO AVIÃO DA LAM TINHA LARGA EXPERIÊNCIA

Piloto "com larga experiência"
O jornal moçambicano A Verdade avança que o comandante do voo TM 470 "era um moçambicano com larga experiência aos comandos de aeronaves da LAM, com mais de 4000 horas de voo". O jornal, que cita uma "fonte não oficial", escreve ainda que o piloto era chefe de operações e instrutor de voo e não era a primeira vez que comandava um voo entre Maputo e Luanda.

Para além do piloto, os comandos do avião estavam também entregues a um co-piloto que, "apesar de jovem, tinha experiência de voo, com pelo menos 1000 horas" em aparelhos da LAM.
O A Verdade cita também um piloto moçambicano "com larga experiência", que disse ter informações sobre uma queda abrupta do aparelho. "A informação que tenho é que o avião desapareceu do radar a 5 mil pés por minuto, portanto vem a cair, não vem a descer normalmente, é uma descida quase que em queda (...) e ali naquela região não há nenhuma pista, portanto não dev…

ATUALIZADO - BRASILEIRO ESTÁ ENTRE AS VÍTIMAS DE ACIDENTE DE AVIÃO DA LAM

Atualização...


Maputo (Canalmoz) - Fontes do CanalMoz na Namíbia acabam de nos informar que os destroços do voo da LAM foram localizados em território namibiano, na região entre Divundu e Omega, próximo ao Selsheke, onde o rio Okavango entra no Botswana.

As nossas fontes ligadas à aeronáutica dizem que a aeronave da LAM foi vista por outras duas aeronaves que reportaram terem visto a aeronave a "arder à vista", sendo da opinião de que poderá não haver sobreviventes. Uma outra terceira aeronave confirmou ter também visto os destroços.


Neste momento, há vários helicópteros a sobrevoarem o local. As equipas de socorro estão com sérias dificuldades de chegar ao local porque chove torrencialmente. (Notícia em actualização 12 horas e 04 minutos)



fonte/Facebook/CanalMoz


Um avião da LAM (EMBRAER E190, ns 1900581, ano fabricação 2012, prefixo C9-EMC), companhia nacional de Moçambique, que viajava para Angola, foi achado carbonizado na Namíbia e sem sobreviventes entre as ma…

ENCONTRADO AVIÃO DA LAM, NÃO HÁ SOBREVIVENTES

Os destroçosdo avião das Linhas Aéreas de Moçambique desaparecido,foi encontradono nordeste daNamíbia,enão há sobreviventes do acidente,de acordo com umoficial da polícialocal.

O avião caiuem um parque,uma área remotaqueé o lar deanimais selvagens, incluindoelefantes eleões.

"O aviãofoicompletamente queimadoe não hásobreviventes", disse o Policial,vice-comissário, WillyBampton, à Reuters.

 O voooTM470deixou a cidade deMaputona sexta-feiraparaa capital angolana,Luanda, com 28 passageirose seis tripulantes, queacabou perdendoo contato comos controladores de tráfegoaéreo.

A busca pordestroçoscomeçouna sexta-feira, masfoi canceladodevido ao mau tempo.

fonte/rt.com/foto/Twitter /AlexinAir

UM BRASILEIRO ENTRE OS PASSAGEIROS DO DO VOO LM470 DA LAM DESAPARECIDO

Comunicado: TM470 Maputo - Luanda (Actualização: 10:30h) A LAM  - Linhas Aéreas de Moçambique, S. A. informa que no voo TM 470 do qual ainda estão em curso ações de busca seguiam 27 passageiros, dos quais: 10 Moçambicanos;09 Angolanos;05 Portugueses;01 Francês;01 Brasileiro;01 Chinês. A LAM continua empenhada na coordenação com as autoridades aeroportuárias e aeronáuticas da Namíbia, Botsuana e Angola com vista a localizar o avião e
inteirar-se da situação.
Maputo, aos 30 de Novembro de 2013
fonte/LAM Related articlesMozambican plane missing on flight to Angola - did it land in remote area?Namibia search for Mozambique plane with 34 on boardNamibia searches for missing plane from MozambiqueMozambique plane disappears with 34 over NamibiaMozambique plane goes missing

EMBARER E-190 DA LAM (MOÇAMBIQUE AIRLINES) ESTÁ SENDO PROCURADO NA ÁREA DO PARQUE NACIONAL DE BWABWATA

Um avião da LAM (Moçambique Airlines) transportando 34 pessoas que desapareceu ontem, poderia ter se acidentado, disse um policial sênior da Naníbia esta manhã.  O voo TM470 decolou de Maputo ontem cedo e estava previsto para pousar na capital angolana , Luanda, às 13h10 GMT , mas não chegou.
O coordenador da Polícia Regional de Kavango,Willie Bampton, confirmou que eles foram informados por funcionários em Botswana que algumas pessoas viram fumaça no céu e ouviram explosões na tarde de ontem .

A polícia está agora à procura no Parque Nacional Bwabwata onde o avião poderá ter caído.
Bampton , que faz parte da equipe de buscas no Parque Nacional Bwabwata , disse que a área é inacessível e a chuva que caiu ontem na região não está tornando nada fácil a tarefa para eles. "Nós ainda estamos procurando. Não há estradas adequadas, você tem que passar devagar pelo mato, isso está dificultando o nosso trabalho " . 

Bampton disse que a polícia da Namíbia foram informados pela pr…

CINCO PORTUGUESES ENTRE OS PASSAGEIROS DO AVIÃO MOÇAMBICANO (EMBRAER E-190) DESAPARECIDO

Há cinco portugueses entre os passageiros do voo TM470, que fazia a ligação entre Maputo e Luanda e desapareceu na sexta-feira à tarde. A informação foi revelada pelas Linhas Aéreas de Moçambique no seu site oficial, corrigindo a informação inicial de que eram 28 passageiros. Afinal são 27. 
Esta informação confirma os receios já avançados pelo secretário de Estado das Comunidades. Um dos portugueses que seguiam no avião é um empresário residente na região centro de Portugal e com negócios na área da construção civil em Angola e Moçambique, disse à Lusa um amigo desse empresário.

Além dos cinco portugueses, seguiam a bordo dez moçambicanos, nove angolanos, um francês, um brasileiro e um chinês. Ao todo, seguiam 33 pessoas a bordo - 27 passageiros (e não 28, como foi inicialmente dito pela LAM) e seis tripulantes.

O paradeiro do avião continua a ser uma incógnita. "A LAM continua empenhada na coordenação com as autoridades aeroportuárias e aeronáuticas da Namíbia, Botsw…

PROVÁVEL PRESENÇA DE PORTUGUESES A BORDO DO AVIÃO MOÇAMBICANO DESAPARECIDO

O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, admitiu, este sábado, como provável a presença de passageiros portugueses a bordo do avião das Linhas Áreas Moçambicanas que está dado como desaparecido desde sexta-feira. 

"Tememos que haja portugueses a bordo. Não temos nenhuma informação segura, mas admitimos que possa haver portugueses", disse à agência Lusa o secretário de Estado.

Até ao momento, o Governo português, que está a acompanhar a situação, não tem qualquer confirmação de que o desaparecimento do avião da LAM tenha na origem um acidente e, mesmo não querendo "entrar em especulações", o secretário de Estado admitiu como "uma hipótese remota" a aeronave ter "aterrado algures". 

As últimas informações recolhidas por José Cesário indicavam que as buscas na região de Rundo, no norte da Namíbia, onde se acredita que o avião terá desaparecido, foram interrompidas com a chegada da noite, uma vez que se tornou im…