segunda-feira, 18 de abril de 2011

ANAC DESMENTE PUNIÇÃO DE PILOTOS AMERICANOS ENVOLVIDOS COM ACIDENTE DA GOL

Damaged Embraer Legacy 600 aircraft, which ear...Image via Wikipedia
Brasília - A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) desmentiu as informações de que teria punido os pilotos norte-americanos Joseph Lepore e Jan Paul Paladino e a empresa ExcelAire - responsáveis pela queda do Boeing 1907 da Gol que ocorreu em setembro de 2006 e fez 154 vítimas.
 
Segundo a Anac, a autuação do órgão "ANAC se refere a um processo que concluiu pela existência de falha na esfera exclusivamente administrativa.".

"A ANAC não está reconhecendo culpabilidade, até porque isso não é de sua competência. Qualquer julgamento dessa
natureza só pode ocorrer na Justiça".

fonte/ODia
Enhanced by Zemanta

TUMULTO EM VOO DA GOL EM NATAL



Os passageiros que seguiriam de Natal para o Rio de Janeiro, com escala em Salvador, no voo 1601, da GOL, tiveram problemas com a companhia. O voo, programado inicialmente para sair de Natal às 16h10, não saiu da capital potiguar no horário previsto e os passageiros foram obrigados a permanecer aproximadamente 1h dentro da aeronave e com o aparelho de ar-condicionado sem funcionar. Houve tumulto dentro do avião.

Indignados com a falta de informações sobre os motivos que provocavam o atraso, além do intenso calor, os passageiros exigiram a abertura das portas da aeronave. Com a resistência dos comissários e do comandante em atender ao pleito, os passageiros começaram a bater no teto do avião e ameaçaram abrir a saída de emergência, até que foram atendidos e as portas foram abertas para que todos desembarcassem.

"Havia muitas pessoas passando mal com o calor, inclusive crianças. Quando viram que a situação estava grave, eles abriram a porta", disse a advogada Luciana Macedo, que faria uma conexão em Salvador para participar de uma audiência em Belo Horizonte. "A audiência é amanhã às 8h, e acho que já perdi porque não tenho outro voo", lamentou.

Com a manutenção em curso, os passageiros queriam saber qual era o problema que tinha a aeronave que a impediu de decolar. Com medo, muito garantiram que não voltariam ao avião, mesmo após a finalização do serviço. "Querem que a gente vá no mesmo avião, mas ninguém quer ir com medo", disse uma turista baiana.

Através de nota oficial, a GOL informou que o atraso no voo ocorreu devido a uma "manutenção não-programada" na aeronave que cumpriria o trecho. Sem informar qual o problema que teve o avião, a companhia ressaltou que "preza pelos mais altos padrões de segurança, de maneira que eventuais alterações nos horários de voos são procedimentos, ainda que indesejados, às vezes necessários às operações aéreas".

"A GOL lamenta que essas medidas causem desconforto aos passageiros, mas reitera que ações como essas visam garantir a segurança operacional, item prioritário de sua política de gestão", disse a companhia através de nota oficial.

Até as 19h30, os passageiros ainda estavam em Natal e não tinham recebido auxílo para alimentação ou hospedagem.

fonte/TribunaDoNorte

JORNALISTA ARGENTINO FLAGRA SUPOSTO UFO AO FOTOGRAFAR A LUA


Segundo a Nasa, imagem não foi manipulada.
Foto foi tirada pelo jornalista argentino Gastón Garnier.


A Nasa (agência especial dos EUA) confirmou a autenticidade de uma imagem que mostra um suposto óvni nos céus de Venado Tuerto, na Argentina. O jornalista argentino Gastón Garnier estava fotografando a lua quando flagrou o objeto não identificado, segundo o jornal "Clarín".


Gastón Garnier flagrou um óvni nos céus de Venado Tuerto, na Argentina. (Foto: Reprodução/Clarín) 
 
Gastón Garnier flagrou um óvni nos céus de Venado Tuerto, na Argentina. (Foto: Reprodução/Clarín)
 
Ele tirou a foto em 10 de dezembro. Garnier contou que estava testando a câmera, pois pretendia registrar um eclipse da lua. "Tirei cinco fotos, mas, naquele momento, não tinha observado nada diferente nas imagens", afirmou.

No entanto, quando chegou em casa, Garnier foi rever as fotos e notou que aparecia um objeto estranho. Dias depois, o jornalista enviou a foto para a Nasa. Após testes, a agência confirmou que a imagem não foi adulterada.

fonte/G1
Enhanced by Zemanta

FUNCIONÁRIO TENTA ESTUPRAR COMISSÁRIA DA TAM EM HOTEL DE FLORIANÓPOLIS, SANTA CATARINA

Uma comissária de bordo da TAM foi atacada por um funcionário do hotel onde estava hospedada no Centro de Florianópolis, na madrugada desta segunda-feira.

Segundo relatos da vítima, o funcionário bateu na porta do quarto alegando que precisava completar a ficha de hospedagem. Ao abrir a porta, a comissária foi atacada pelo homem, que tentou estuprá-la.

Depois de lutar com o agressor, a mulher conseguiu correr e gritar. Uma colega de empresa, que estava no quarto ao lado, ouviu o barulho e chamou a polícia.

João Lima Neto, de 48 anos, foi preso por tentativa de estupro e levado a uma unidade do Deap. Ele é natural de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, e tem antecedentes criminais por estelionato.

A gerência da TAM proibiu a comissária de dar entrevistas. Ela mora em Guarulhos, em São Paulo, e volta à cidade nesta segunda-feira.

A gerência do hotel também não se manifestou.
 
fonte/DiarioCatarinense
Enhanced by Zemanta

AEROPORTO DE RIO PRETO, SÃO PAULO, VAI GANHAR UMA TORRE DE CONTROLE

O aeroporto Eribelto Manoel Reino, em Rio Preto, vai ganhar uma torre para controle do tráfego aéreo. A iniciativa foi motivada pelo crescimento do número registrado de pousos e decolagens provocado pela instalação, no local, de novas rotas aéreas desde 2009. O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) está contratando o projeto para a instalação de uma torre de controle no aeroporto.

Atualmente, as orientações para aeronaves que pousam e decolam são transmitidas apenas com o auxílio de um sistema de rádio. O assunto foi discutido, na última semana de março, o superintendente do Daesp, Ricardo Volpi e o deputado estadual Orlando Bolçone. Para que haja a instalação da torre de controle, é necessário que o aeroporto apresente um volume de passageiros ideal, o que já aconteceu em Rio Preto. “A instalação da torre está em fase de estudo, sendo submetida à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e outros órgãos técnicos”, disse Bolçone.

Hoje, o aeroporto de Rio Preto possui oito operadores de rádio, mas não há contato visual do operador com os aviões que se preparam para pousar ou decolar. A função da torre de controle é basicamente a mesma, mas com visualização de todo o tráfego aéreo no aeroporto e imediações. Assim, é a torre quem determina em qual cabeceira (lado da pista) a aeronave vai pousar e a vantagem é o contato visual com as aeronaves. Pelo atual sistema de orientação disponível, quem decide em qual cabeceira ocorrerá o pouso do avião é o piloto.

Desde 2009, Rio Preto ganhou três novas companhias aéreas, que se juntaram à TAM. Primeiro foram a Trip e a Passaredo, naquele ano. O resultado é que o movimento de pousos e decolagens regulares (relativos aos voos comerciais) saltou de 3.854 em 2008 para 4.735 no ano seguinte (aumento de 32,1%). No ano seguinte, em 2010, a Pantanal começou a operar na cidade e o número daquelas operações cresceu 75,1% (foram 8.295 registros, o que equivale a uma média de 22 ocorrências diárias).

Em janeiro deste ano, a Azul passou a oferecer seus serviços também. No primeiro bimestre do ano, segundo o Daesp, o aeroporto rio-pretense registrou 1.695 pousos e decolagens regulares, quase 30 operações diárias. A cidade já teve voos da Gol, que deixou de operar por aqui no ano de 2008.

Entre 2008 e 2010, o número de passageiros que embarcaram e desembarcaram pelo aeroporto de Rio Preto cresceu 39,5%, ao passar de 304.381 para 424.740. Nos dois primeiros meses deste ano, já passaram pelo aeroporto de Rio Preto 18% do total de passageiros do ano passado, o que representa 76.563 pessoas.

Instalação melhora segurança, dizem pilotos

A instalação de uma torre de controle no aeroporto de Rio Preto vai melhorar a segurança para a aeronaves que pousam e decolam. Para o piloto de aviação executiva Rafael Cândido da Silva, sem a torre, há o risco da chegada de alguma aeronave, que não tenha rádio, cruzar na frente de outro avião. “A torre nos dá informações mais precisas sobre temperatura, pressão e vento.”

Ele explica que atualmente a coordenação do tráfego para pousos e decolagens é dos pilotos e, com a torre, esse trabalho passa a ser da mesma. “A torre controla o tráfego nas proximidades de todo o aeroporto”, afirma.

O piloto de aviação executiva Anderson Diniz Nascimento diz que a instalação de uma torre no aeroporto de Rio Preto é cogitada desde 2002 e que, hoje, com cerca de 150 operações diárias, não se trata mais de uma opção, mas de uma necessidade. “O número de voos cresceu”, disse.

O aeroporto de Rio Preto se destaca também pela quantidade de voos não regulares, ou seja, os particulares e os fretados. Apenas em fevereiro, último dado disponibilizado pelo Daesp, foram 1.418 voos não regulares, número superior aos 906 regulares operados naquele mês.

Para Nascimento, a instalação de uma torre é importante para a qualidade do trabalho dos operadores de rádio, que estão sobrecarregados e, claro, para a segurança do transporte aéreo. “A rádio apenas informa o que está acontecendo, não tem autoridade para coordenar. Com a torre, a aeronave tem de acatar as determinações,”  

Animais serão monitorados

Assim como a contratação do projeto da torre de controle, o Daesp informou que está em andamento um estudo de monitoramento da fauna no entorno do local. A previsão é que o levantamento esteja finalizado em novembro.

Neste ano, a programação de melhorias no aeroporto inclui ainda a revitalização da sinalização horizontal e vertical da pista do aeroporto. Os investimentos são de R$ 850 mil e a previsão é de que as obras comecem no mês de julho e a entrega ocorra em setembro.

No mês de maio será lançada uma licitação para a administração das áreas dos dois estacionamentos do aeroporto, que comportam 79 e 85 vagas, e hoje são administradas num contrato emergencial que termina ainda neste mês. De acordo com o Daesp, foram investidos R$ 2,1 milhões em obras no aeroporto de Rio Preto, entre 2008 e ano passado.

Houve ampliação da sala de embarque do terminal de passageiros e a substituição do farol rotativo. Foram instaladas duas máquinas de raio-x, as salas de embarque e desembarque foram climatizadas e foram comprados dois rádios VHF.

Volume de passageiros cresce

O número de embarques e desembarques no aeroporto de Rio Preto totalizou 37.710 em fevereiro deste ano. Com isso, o Eribelto Manoel Reino ocupou a segunda posição no Estado, entre os aeroportos administrados pelo Daesp. O local ficou atrás apenas da unidade em Ribeirão Preto, que registrou 85.653 ocorrências.

A quantidade de embarques e desembarques em fevereiro teve um aumento de 50,7% em relação a fevereiro de 2010, quando foram transportadas 25.016 pessoas em Rio Preto. O número de voos, entre pousos e decolagens, totalizou 2.388 operações em fevereiro, volume 79,6% superior ao do mesmo mês do ano passado, quando foram 1.329 operações. Em dois meses, foram 4.687 voos.

O transporte de carga totalizou 42.462 toneladas em fevereiro, quantidade 28,3% menor do que a transportada em fevereiro do ano passado, quando 59.232 toneladas foram transportadas. No acumulado do ano, o volume chega a 89.619 toneladas.

Governo pretende fazer concessão

O governo de São Paulo está conversando com a União a fim de dar andamento ao plano de concessão de aeroportos do Estado, que contempla o terminal de Rio Preto e outros 30 em todo o Estado. De acordo com o superintendente do Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp), Ricardo Rodrigues Barbosa Volpi, a decisão da concessão já foi tomada pelo governador Geraldo Alckmin e o Estado está avaliando qual será o modelo a ser adotado.

Durante seminário internacional de concessão de aeroportos, realizado na última sexta-feira em São Paulo, o executivo informou que os modelos estudados atualmente são de Parceria Público Privada (PPP) administrativa ou patrocinada. Outros modelos, no entanto, não estão descartados. O critério de seleção será a menor contraprestação do Estado. O modelo inicial prevê a concessão dos aeroportos em lotes, ainda não definidos, mas Volpi não descartou a possibilidade de rever esse modelo.

Sem dar detalhes, o diretor do Daesp revelou que a maioria dos aeroportos do Estado hoje são deficitários. Em 2010, revelou, os 31 aeroportos estaduais apuraram uma receita total de R$ 16,2 milhões e uma despesa total de R$ 33,8 milhões, com resultado operacional negativo de R$ 17,6 milhões. O executivo lembrou, no entanto, que o programa depende de autorização da recém-criada Secretaria Especial de Aviação Civil (Seac).

Ele lembra que o convênio entre o Estado de São Paulo e a União é de 1980 e previa que o governo paulista não poderia conceder ou repassar os aeroportos sem prévia autorização do antigo Departamento de Aviação Civil (DAC), atual Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que está sob o guarda-chuva da Seac. “Queremos conversar com a Seac duas coisas: um prazo maior para renovação do convênio, que atualmente é de 15 anos, e a autorização para concessão desses aeroportos”, afirma. 

fonte/DiarioWeb  
Enhanced by Zemanta

PROBLEMAS NO ILS AFETA OPERAÇÕES NO AEROPORTO AFONSO PENA


Lâmpadas queimadas provocaram rebaixamento de categoria no equipamento que auxilia pousos e decolagens no terminal. Manutenção deve ser concluída até sábado, informa a Infraero

Um problema no equipamento que auxilia decolagens e pousos de aeronaves está afetando as operações no Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, desde sexta-feira (15). O terminal tem enfrentado oscilações de abertura e fechamento para pousos e decolagens porque a categoria do ILS (Instrument Landing System) foi rebaixada de 2 para 1, por conta de limitações de funcionamento.

De acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), houve mudança de categoria do ILS porque lâmpadas do sistema de luz ALS (Approach Lights System) queimaram. A previsão é de que a manutenção no equipamento será concluída no próximo sábado (23). O órgão não informou quantas são as lâmpadas queimadas.

Desde a última sexta-feira (15) o terminal tem ficado fechado por longos períodos. O aeroporto fechou às 20h20 de sexta-feira e reabriu às 8h43 de sábado (16). O Afonso Pena voltou a fechar para pousos e decolagens às 22h20 de domingo (17), reabriu por curtos períodos e voltou a suspender as atividades durante a madrugada e manhã desta segunda-feira. As operações foram normalizadas às 9h10 desta segunda. Segundo a Infraero, até as 13 horas, 16 voos tinham sido cancelados.

Condições meteorológicas

Com o rebaixamento de categoria do ILS, as condições meteorológicas passam a influenciar ainda mais a operação do terminal. Os nevoeiros, que já vêm sendo registrados nos últimos dias, podem provocar novos fechamentos.

Segundo o Instituto Tecnológico Simepar, deve haver registro de nevoeiro na região do Afonso Pena ao longo de todo o mês de abril. A condição é verificada quando há a combinação de baixas temperaturas no início da manhã e umidade elevada, o que tem sido verificado nos últimos dias.

Feriado

A Infraero informou que um plano emergencial para o feriado de Páscoa estava sendo discutido, mas que as definições ainda não tinham sido tomadas.
 
fonte/GazetaDoPovo
Enhanced by Zemanta

CORPO DE SUPOSTO ALIENÍGENA É LOCALIZADO NA RÚSSIA, PERTO DO LOCAL DA QUEDA DE UM UFO NO MÊS PASSADO

Cerca de 1 mês atrás, a allnewsweb divulgou a ocorrência de um grande evento envolvendo um UFO.



O evento teria ocorrido na região siberiana de Irkutsk, na Rússia. Centenas de moradores dos vilarejos da região, informaram que viram um grande objeto, com luzes rosas e azuis, caindo em direção à Terra e em seguida atingindo o solo em um grande e ruidoso impacto, em uma área de bosques.

O evento recebeu extensa cobertura na Rússia e foi noticiado pela Inter-fax, a agência de notícias do governo russo. No Ocidente,o evento foi completamente ignorado pela grande mídia, senão deliberadamente escondido da opnião pública.

Um grande equipe de funcionários governamentais,pessoal militar , agenmtes dos orgãos de informação russos e autoridades do Ministério de Ciências, estiveram na localidade, horas após a queda do objeto.

Agora,1 mês após o incidente, um vídeo vazou na internet, mostrando um alienígna morto (veja o vídeo abaixo); alienígena que encontrado na República da Buryatia, região próxima do local da queda do UFO.

Seria o alienígena mostrado no vídeo,um sobrevivente do acidente, que teria conseguido deixar o local somente para morrer em função dos ferimentos e do inclemente clima russo?

Isto tudo vem à tona, logo após o furor causado pela revelação do FBI que na década de 40, o governo americano resgatou três discos e os corpos de seres de aparência humana. 

fonte/foto/AllWebNews/Airkrane


 vídeo abaixo:





Enhanced by Zemanta

SOBREVOO DE CAÇAS ASSUSTA MORADORES NA BARRA DA TIJUCA


Moradores da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, se assustaram na tarde deste domingo (17) com a presença de caças da Força Aérea Brasileira que sobrevoaram o bairro.

“Eles passaram três vezes, sempre muito baixo e fazendo um barulho enorme, ensurdecedor”, disse o designer gráfico Filipe Marino Siciliano, de 25 anos, que conseguiu registrar em vídeo a passagem dos aviões sobre a Ilha da Gigóia, onde mora. “Meu filho, de sete meses, estava dormindo na hora e acordou assustado, chorando muito”, completou.

Outro morador da ilha, o aposentado Roberto Moura Antunes, de 71 anos, também se assustou com a movimentação aérea na tarde deste domingo. “Pensei que fosse ter um infarto, com toda a certeza minha pressão arterial disparou”, afirmou.


“Foi assustador, desesperador, um pânico geral. Nunca ouvi tanto barulho na minha vida. Parecia um terremoto”, disse, acrescentando que portas, janelas e objetos da casa tremeram com a passagem dos aviões.

Tanto Filipe quanto Roberto disseram que não é a primeira vez que isso ocorre na região. “Na semana passada, minha mulher estava passeando com as minhas netas e os aviões passaram também. Ela ficaram muito assustadas, estão traumatizadas. Hoje começaram a chorar e não querem mais sair de casa”, afirmou o aposentado.

“Espero, sinceramente, que isso não se repita”, concluiu Roberto.

Procurada pelo G1, a assessoria de imprensa da Aeronáutica confirmou o sobrevoo dos caças no Rio de Janeiro, mas não soube informar a razão da movimentação.


fonte/G1
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...