Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 28, 2012

ESTADOS UNIDOS CANCELAM CONTRATO DE US$ 355 MI COM A EMBRAER

Mui amigo........
A Força Aérea dos Estados Unidos informou nesta terça-feira que está cancelando contrato de US$ 355 milhões para fornecimento de 20 aviões Super Tucano, da Embraer, citando problemas com a documentação.
A Força Aérea disse que vai investigar e refazer a licitação, que também está sendo contestada na Justiça dos EUA pela americana Hawker Beechcraft. O contrato havia sido concedido pela Força Aérea dos EUA para a Embraer e a parceira Sierra Nevada Corp.

"Apesar de buscarmos a perfeição, nós as vezes não atingimos nosso objetivo, e quando fazemos isso temos que adotar medidas de correção", disse o secretário da Força Aérea, Michael Donley, em comunicado. "Uma vez que a compra ainda está em litígio, eu somente posso dizer que o principal executivo de aquisições da Força Aérea, David Van Buren, não está satisfeito com a qualidade da documentação que definiu o vencedor."Procurada pela Reuters, a Embraer não se pronunciou até a publicação desta…

ACIDENTE COM EMBRAER E170 EM NEWARK NO DIA 27 DE FEVEREIRO

Um Embraer ERJ-170 da Shuttle America, voando pela United, registo N637RW, vooS5-5124/UA-5124de Atlanta,GApara Newark,NJ (EUA)com 69passageirose 4tripulantes, pousou sem o trem do nariz. A aeronave estava em aproximação final para  pista 22Lde Newarkquandoa tripulaçãoabortou o procedimento ao receber uma mensagem de alerta.
 O ERJ-170 entrou emespera a 5000 pés, a tripulação informouquetinha cerca de 50minutos decombustível,e checaramlistas de verificação erealizaram umapassagem baixa para pista22Lcerca de 35minutos apósabortara primeira aproximação, a torre informou  que o trem denariznão estava baixo, e asportasparecia um poucoaberta,sobreuma protuberância visível.
A aeronave se programou parauma outra aproximação para a pista22Lepousou semtrem de nariznaàs 18:28L(23:28Z)cerca de 45 minutosapós o alerta.


Não houve feridos.


AFAAinformou sobreno dia de hojeque a aeronavepousou com trem de narizpara cima erecebeudanos substanciais. Os passageirosevacuadoatravés deslides.

fonte/foto/AvHerald…

FISCALIZAÇÃO DA ANAC É FROUXA, DIZ PILOTO

Falta fiscalização nos aeroportos de Belém”, denuncia o piloto Paulo Rodrigues, presidente do Aeroclube do Pará. De acordo com ele, desde 2009, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), órgão regulador da aviação comercial no país, mantém um efetivo de apenas dois funcionários para cobrir todo o Estado.

“É um absurdo, se for pensar na nossa região, que é imensa e que necessita do avião como meio de transporte para alcançar áreas a que muitas vezes não se tem acesso por terra. Se não tem fiscalização, você relaxa, aí começam a acontecer acidentes”, analisa. Ele estima que uma frota de 300 aeronaves, entre monomotores e bimotores, circulem no espaço aéreo do Pará.

Rodrigues aponta problemas também no controle da concessão de licenças para pilotos por parte da Anac. Como explica, para se capacitar como piloto é necessário um curso teórico de quatro meses, exigido para realizar a prova teórica da Anac. Após aprovado, o candidato se submete a 36 horas de voo em um avião e u…

MAIS NOTÍCIAS DO ACIDENTE DA AERONAVE CARAVAN PT-PTB DA CTA

Avião modelo Caravan cai após decolar, na Zona Centro-Sul de ManausAeronave teria batido na fiação da rede elétrica. O piloto que levava o avião para abastecer, morreu

Equipes do Corpo de Bombeiros observam os pedaços da aeronave no chão (Luiz Vasconcelos) Um avião bimotor modelo Caravan, de prefixo PT-PTB caiu na manhã desta terça-feira (28), em um  terreno pertencente a empresa Ramsons, no bairro Flores Zona Centro-Sul de Manaus, minutos após levantar vôo do Aeroclube, localizado na mesma área. 
O corpo do piloto do avião, Antônio José de Almeida Maia, 54, foi retirado da aeronave. 
De acordo com informações do aeroclube de Manaus, o piloto havia decolado do aeroclube para abastecer o  Caravan. O bimotor  tinha capacidade para cinco pessoas.


As informações preliminares de testemunhas do acidente dão conta de que a aeronave teria batido na fiação da rede elétrica, depois com um porte, caindo em seguida.
A área em que ocorreu o acidente foi imediatamente is…

AVIÃO CAI LOGO APOS A DECOLAGEM EM MANAUS, AMAZONAS

Um avião  de pequeno porte, modelo Caravan, prefixo PP PTB, caiu na manhã desta terça-feira (28) por volta de 6h16, logo após a decolagem, em um terreno localizado em frente ao Aeroclube de Manaus, Zona Centro-Sul da capital. Apenas o piloto, de 54 anos, estava na aeronave e morreu na hora. De acordo com a Secretaria de Segurança do Amazonas (Seseg), o avião prestava serviço a Prefeitura do município de Nova Olinda do Norte, a 138 Km de Manaus.
Homens do SAMU no momento em que entravam
na mata para localizar o piloto (Foto: Carlos
Eduardo Matos/G1 AM)
Ainda segundo informações da Seseg, o piloto iria abastecer a aeronave no Aeroporto Eduardo Gomes, Terminal 2, conhecido como Eduardinho. Durante a decolagem o avião não ganhou altitude e teria batido com a asa esquerda em um poste. O aparelho caiu no terreno de uma distribuidora de produtos eletrônicos.
No local do acidente, o irmão do piloto informou que ele tinha mais de 30 anos de profissão. "Ele era considerado um dos m…

AERONAVE QUE SE ACIDENTOU EM SANTA CATARINA FAZIA MANOBRAS DE TREINAMENTO

O monomotor envolvido no acidente que ocorreu na segunda-feira, no Aeroclube de Santa Catarina, em São José, na Grande Florianópolis, fazia manobras de treinamento. A tripulação exercitava a técnica de arremeter a aeronave, quando, em determinado momento, bateu no chão. O monomotor se perdeu e foi em direção ao mato, onde parte da asa colidiu contra uma árvore.

Na aviação, o procedimento de arremetimento é utilizado durante o pouso. Se o piloto detectar algum obstáculo na pista, ainda no ar, o comandante cancela o pouso e faz a aeronave subir novamente. Foi após um exercício desses que a aeronave bateu, deixando duas pessoas feridas, sem gravidade, por volta das 18h.

De acordo com as informações preliminares obtidas pela equipe de reportagem no local, o instrutor Mateus Lozoti e o aluno Carlson Frany estavam na aeronave modelo Paulistinha P56R.

As vítimas foram socorridas pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel (Samu). O instrutor, que tem mais de 500 horas de voo, re…