quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

ANAC PROÍBE POUSOS E DECOLAGENS EM RIBEIRÃO PRETO EM DIAS DE CHUVA



A partir de amanhã (14) estão suspensos os pousos e decolagens em dias de chuva no aeroporto Leite Lopes, de Ribeirão Preto, enquanto o Daesp (Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo) não tirar o emborrachamento da pista.
O emborrachamento é provocado por detritos dos pneus das aeronaves durante pousos e decolagens. O aumento do emborrachamento reduz o atrito da pista. O procedimento para retirada do excesso de borracha era para ter sido feito no último sábado. Como não foi feito, a Anac decidiu suspender o funcionamento do aeroporto nos dias de chuva.

Segundo a prefeita Dárcy Vera (DEM), o corregedor da Anac, Rubens Vieira, ligou para ela e disse que o Daesp tem até o dia 18 deste mês para executar a determinação da Anac. Dárcy Vera afirmou que Vieira já comunicou o departamento e as companhias áreas que operam na cidade sobre a suspensão.
Conforme a prefeita disse em seu twitter, a medida foi tomada pela Anac devido à derrapagem de uma aeronave da Passaredo no dia 1º deste mês no Leite Lopes. O emborrachamento da pista aumenta o atrito e previne que os aviões derrapem.

fonte/RPOnline
Enhanced by Zemanta

VULCÃO ETNA ENTRA EM ERUPÇÃO E FECHA AEROPORTOS NO SUL DA ITÁLIA

O vulcão Etna, na Itália, começou a expelir cinzas e lava na quinta-feira, forçando as autoridades a fecharem brevemente os aeroportos durante a noite.


Os dois aeroportos de Catania, aos pés do vulcão, foram reabertos, mas as autoridades da aviação civil (Enac) disseram que estavam observando o aumento da atividade vulcânica e as emissões de cinzas.

O instituto de vulcanologia INGV informou que a atividade sísmica do Etna havia aumentando na quarta-feira antes da última erupção, que até agora foi leve.

O Etna --vulcão mais alto e ativo da Europa-- entra em erupção regularmente, mas provoca poucos danos nas regiões desabitadas.

fonte/Reuters/Folha
Enhanced by Zemanta

DICA DE LIVRO - OS BALÕES DE SANTOS-DUMONT


Autor: VISONI, RODRIGO MOURA
Editora: CAPIVARA
Assunto: FOTOGRAFIA

AEROVIÁRIOS CAMINHAM PARA ACORDO

Negociação salarial deve ser fechada na próxima semana
 

Os passageiros que pretendem viajar de avião este mês podem ficar mais calmos. É que depois de semanas de acirradas brigas entre aeroviários, aeronautas e companhias aéreas – que em muitos momentos tumultuaram os aeroportos brasileiros –, a negociação salarial envolvendo o setor caminha para um acordo. Pelo menos era o sentimento de quem participou da reunião de ontem para discutir os percentuais que devem ser aplicados nos salários nos próximos meses.

O mês de janeiro termina sendo crítico para quem viaja porque já é um dos períodos de maior fluxo de passageiros – quando atrasos e problemas de overbooking terminam se tornando mais comuns. 

Com a chamada operação-padrão dos funcionários do setor, a situação fica ainda mais crítica. Empresas de grande porte e que dominam boa parte do mercado tiveram problemas a ponto de registrar quase o dobro da média nacional nos índices de atrasos.

 
Na próxima segunda-feira, haverá outra reunião entre a Federação Nacional dos Trabalhadores em aviação Civil (Fentac) e o Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (Snea). Ontem, embora a Fentac e o Snea não tenham fechado o acordo, o clima já era de calmaria. No início das negociações, os aeronautas (profissionais que trabalham dentro de aeronaves em voo) queriam reajuste de 15%, enquanto os aeroviários (exercem funções em empresas de transporte aéreo) pediam 13%. As companhias ofereciam correção pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), de 6,08%. No mês passado, os patrões ofereceram reajuste de 8%, e os trabalhadores reduziram a proposta de 15% para 13%. A última proposta dos patrões era de 8,2% sobre os salários e 8,5% sobre os pisos, enquanto os trabalhadores passaram a reivindicar 10% sobre os salários e 15% sobre os pisos.
 

 
Na reunião de ontem, o Snea manteve a contraproposta e aceitou a criação do piso salarial de R$ 802 para os operadores de equipamentos. Segundo o presidente do Sindicato dos Aeroviários do Estado, Luiz Pedro Lucena, a Fentac reduziu a proposta de 10% para 9% nos salários e de 15% para 10% sobre os pisos. O porta-voz do Snea, Jorge Honório, e o presidente da Fentac, Celso Klafke, afirmam que o clima da reunião foi positivo, sem ameaças de paralisações, embora a operação-padrão iniciada em novembro ainda seja mantida pelos trabalhadores. A expectativa é que os sindicatos cheguem a um acordo na reunião da próxima segunda-feira.

fonte/JornalDoComércio

CHUVA FECHA AEROPORTO DE CONFINS, MINAS GERAIS

O aeroporto internacional Tancredo Neves, em Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG), está fechado para pousos e decolagens desde 7h30 desta quinta-feira por causa do mau tempo. 

 
Até as 10h30, 15 dos 36 voos programados estão atrasados (41,7%) e quatro foram cancelados. Chove forte na capital mineira e não há previsão para que o terminal seja reaberto. 

Na página da Infraero na internet, uma notícia de quarta-feira (12) informa que Confins acaba de receber melhorias em seu sistema de pouso por instrumentos, conhecido como ILS. "O ILS é um sistema de aproximação de precisão por instrumentos que proporciona às aeronaves devidamente equipadas uma orientação precisa e segura nos procedimentos de pouso em condições de tempo adversas", diz o texto. 

fonte/Folha
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...