Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 3, 2009

MARINHEIRO DE PRIMEIRA VIAGEM

O Brasil faz uma inédita exportação de navio de guerra e dá um passo para o renascimento do setor de defesa no País.A última vez em que militares brasileiros participaram de um conflito foi em 1945, na Segunda Guerra Mundial. Mesmo com a vocação pacifista, houve uma época em que o Brasil se tornou candidato a potência no setor armamentista, com o florescimento de uma indústria nacional de defesa. Nas últimas décadas, porém, o Brasil reduziu sua participação nesse lucrativo mercado quase à zero. O País perdeu fábricas de tanques de guerra, de carros de combate e de veículos de transporte. Por anos, apenas a Embraer continuou atuando nesse segmento, com sua divisão de defesa e é hoje a maior exportadora nacional do setor.Dias atrás, discretamente, numa cerimônia reservada em um estaleiro do Ceará, o País começou a dar tímidos passos para mudar essa situação. O evento celebrava a entrega oficial do "Brendan Simbwaye", primeiro navio de guerra fabricado no Brasil vendido a um go…