quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

SISTEMA DE RADAR BASEADO NO JATO ERJ-145, ATRASOU ENTREGA PARA FORÇA AÉREA HELÊNICA


Sistema de radar baseado no jato brasileiro ERJ-145atrasou por conta do radar suecoA Força Aérea Helênica (grega) aceitou formalmente sua frota de quatro aeronaves AEW&C Embraer ERJ-145 embarcadas com o sistema Erieye sueco para uso operacional, depois de seguidos atrasos na entrega do equipamento eletrônico de vigilância.A cerimônia de entrega das aeronaves aconteceu na base aérea de Elefsis, e marcou a entrada em serviço do sistema de radar de rastreio e busca ativo Saab Microwave Systems Erieye pela primeira vez em uma nação pertencente ao tratado da OTAN.Atenas encomendou a versão modificada do Embraer ERJ-145 em 1999, com as entregas iniciais esperadas para 2002, mas atrasos no cronograma resultaram em três aeronaves entregues em 2003 e no final de 2005.A Força Aérea Grega recebeu formalmente apenas a última unidade no final do ano passado, depois da complementação de testes de sistemas da aeronave de vigilância.“A Força Aérea Helênica foi um cliente muito exigente, mas sempre atuava em um espírito de abertura e equilíbrio”, disse Kenth Börjesson, diretor de vendas para o sudoeste europeu.

Fonte: Brasilturis Jornal/foto:Embraer/divulgação

O MASSACRE DA EMBRAER FOI MORTE ANUNCIADA

Há uma semana, diante da notícia do massacre da Embraer, no qual foram destruídos quatro mil empregos, Lula indignou-se. Segundo a narrativa de sindicalistas que estavam com ele, Nosso Guia teria dito: “É um absurdo que uma empresa que recebeu recursos do BNDES ao longo dos últimos anos, ao primeiro sinal de problemas, promova este enorme corte, sem uma única conversa com alguém do governo, sem nos procurar.”De duas uma: Lula está fazendo teatro (a melhor hipótese) ou disse a verdade, revelando que não tem ideia do que acontece no país e no seu governo. Pior: seus ministros do Trabalho, do Desenvolvimento e da Fazenda também não.A informação de que a Embraer pretendia demitir quatro mil funcionários era pública desde dezembro do ano passado. Foi revelada pelo repórter Julio Ottoboni, referindo-se a um boletim interno da empresa. Ottoboni informou o tamanho da carnificina, “quatro mil funcionários”, e a época, o início de 2009. Lula e seus ministros podem dizer que não leem jornal, mas a informação constou da sinopse que a Radiobrás organiza diariamente.Os sindicalistas de São José dos Campos sabiam do plano da Embraer e dizem que tentaram negociar com a empresa mecanismos semelhantes aos que têm protegido milhares de empregos. José Lopes Feijoó, da executiva da CUT, contou que a Embraer chegou a marcar um encontro com o ministro Guido Mantega, mas não apareceu. Discutiriam a qualidade dos sambas-enredo das escolas?Quem diz que foi surpreendido ofende quem lhes dá crédito. Com o tempo vai-se saber quem conversou com quem. Por enquanto, fica a possibilidade de ter havido um acordo tácito: a Embraer faz o massacre, eu digo que não sabia, falo mal de seus diretores durante uma semana e depois voltamos às práticas de sempre.Que práticas? Desde o tempo dos generais a Embraer é uma queridinha do palácio. Se o presidente precisa de um cenário para bombar os avanços tecnológicos de seu governo, marca um evento em São José dos Campos e aparece na foto ao lado de jatos, robôs e máquinas fantásticas. Quando o tucanato precisou bombar sua publicidade, os marqueteiros selecionaram um plantel de bem-sucedidos para ilustrar anúncios pelo Brasil afora. Na lista, o presidente da Embraer.A intimidade do Planalto com a Embraer chegou ao apogeu em 2004, quando Nosso Guia encomendou o AeroLula à empresa europeia Airbus, ao preço de US$ 56,7 milhões. Presidindo um país onde funcionava a quarta maior fábrica de aviões do mundo, teria sido razoável encaminhar o pedido à Embraer. Empregaria 400 pessoas durante seis meses. Segundo o Planalto, o Airbus era essencial porque sua autonomia permitia voos diretos até Paris ou Nova York. Considerando que esses trajetos não são frequentes, ficava pelo menos a dúvida. Ela foi desfeita pela Embraer, que se apressou em respaldar a decisão, informando que não produzia o tipo de avião pedido, nem pretendia fazê-lo nos próximos cinco anos. Caso raro de empresa amparando uma preferência pelo concorrente.George Bush e Henry Paulson, seu secretário do Tesouro, fizeram muitas besteiras, mas nunca lhes passou pela cabeça armar um jogo ao fim do qual pudessem dizer que não sabiam que o banco Lehman Brothers estava quebrado.
Fonte: Gazeta do Povo/Hélio Gaspari

TAP INVESTE NA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E AMBIENTAL



Primeiro de seis novos A320 poupa 8% ao anoA TAP recebeu o primeiro de seis novos Airbus A320-214. As aeronaves serão entregues ao longo de 2009. Quatro dos novos aviões irão substituir progressivamente os Airbus A320-211, atualmente em serviço, e os outros dois destinam-se as novas rotas para Moscou, Varsóvia e Helsinque, no próximo mês de junho.
O Airbus A320-214, prefixo F-WWDQ
O novo avião proporcionará, face ao anterior modelo, um acréscimo médio de eficiência energética e ambiental de cerca de 8%, permitindo a redução das emissões anuais em 2200 toneladas de dióxido de carbono, CO2, que correspondem a uma poupança de combustível de aproximadamente 700 toneladas.Estes ganhos de eficiência constituem uma das prioridades do programa de renovação e modernização da frota da TAP, que está alinhado com os “Princípios Orientadores” da empresa em matéria de meio ambiente, designadamente no que diz respeito à utilização de práticas e tecnologias eco-suficientes que conciliem o crescimento com a proteção do meio ambiente.Além deste princípio, outros se destacam também nesse âmbito, nomeadamente: a integração das questões ambientais em todas as atividades desenvolvidas pela empresa; a promoção tanto da melhoria contínua do desempenho ambiental como da consciência ambiental dos trabalhadores e fornecedores e o respeito dos princípios fundamentais do “UN Global Compact”.Após passagem pela unidade de manutenção e engenharia da Companhia, a nova aeronave entrará em operação no médio-curso neste mês de fevereiro.A entrada dos novos aviões proporcionará ainda consideráveis benefícios, tanto ao serviço e conforto oferecidos a bordo aos passageiros, como no desempenho operacional e da manutenção, enquadrando-se, além do mais, na estratégia seguida pela TAP, que alia o desempenho econômico à responsabilidade assumida pela companhia para com a sociedade e o meio ambiente.A TAP também participa nos seguintes programas de valorização/reciclagem de resíduos: Ecolub, reciclagem de óleo usado; Ecopilhas, reciclagem de pilhas e acumuladores usados e Programa + Valor, transformação dos resíduos orgânicos produzidos nos refeitórios e jardins em adubo e energia do biogás.Mais sobre a TAPA TAP é atualmente a companhia aérea com as melhores ligações entre o Brasil e a Europa, partindo de oito capitais brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Salvador, Recife, Fortaleza e Natal para Lisboa. A Companhia cobre atualmente 59 destinos em 26 países a nível mundial. Operando em média mais de 1.850 vôos por semana, a TAP dispõe de uma moderna frota de 53 aviões Airbus, aos quais acrescem mais 16 aviões ao serviço da PGA, adquirida em 2007, totalizando assim uma frota global de 69 aeronaves.

Fonte: Portugal Digital - Foto: : Jacques Panas

FOTO DE ACIDENTE AÉREO NA HOLANDA APARECEU PRIMEIRO NO TWITTER, DIZ CNN

Rede social está entre os primeiros sites a noticiar a queda da aeronave.
CNN correu para confirmar informação após vê-la no serviço de 'microblog'.
A rede social Twitter, que permite a publicação de textos com até 140 caracteres, está entre os primeiros endereços da internet a divulgar o acidente com um avião de passageiros da Turkish Airlines, que caiu nesta quarta-feira (25) com 134 pessoas a bordo. De acordo com a CNN, um usuário da página foi responsável por publicar a primeira foto do acidente aéreo.A queda foi próxima ao aeroporto internacional de Schiphol, a cerca de 20 km do centro de Amsterdã. Segundo autoridades holandesas, 9 pessoas morreram e 50 ficaram feridas.Segundo a CNN, poucos momentos após o acidente a notícia já estava no site. “Essa é uma história que apareceu antes no Twitter e começou a ganhar desdobramentos a partir de lá. Testemunhas escreveram sobre o choque de ver o avião ‘mergulhar’ e também de ver pessoas saírem andando de dentro da fuselagem”, contou Errol Barnett, correspondente internacional do site colaborativo “iReport”, ligado à CNN.Barnett disse que a primeira foto do avião, feita após a queda, foi divulgada também via Twitter. “Ela foi tirada por uma testemunha que dirigia pela estrada A-9, ao norte do local do acidente.”
Fonte: G1

CRONOLOGIA DOSACIDENTES AÉREOS DESTA DÉCADA NA EUROPA

25 julho 2000: um avião Concorde da companhia Air France com destino a Nova York cai nas proximidades do aeroporto de Roissy, em Paris. Todos os seus 114 ocupantes morrem no desastre.
8 outubro 2001: o choque entre um avião com 104 passageiros da companhia escandinava SAS com um pequeno avião particular na pista do aeroporto de Linate, em Milão (Itália), mata 118 pessoas.
1º julho 2002: um Boeing 757 de carga da empresa DHL e um Tupolev de passageiros da companhia Bashkirian se chocam no sul da Alemanha, matando 71 pessoas, 52 delas estudantes.
6 novembro 2002: vinte pessoas morrem quando um Fokker 50 da Luxair tenta aterrissar em meio a um denso nevoeiro em Luxemburgo, em voo que saiu de Berlim.
8 janeiro 2003: um avião RJ100 da Turkish Airlines se acidenta na aterrissagem após um voo entre Istambul e Diyarbakir, também na Turquia. De seus 80 ocupantes, 75 morrem.
6 de agosto de 2005: treze pessoas morrem, três desaparecem e 23 são resgatadas com vida na queda de um aparelho ATR72 da companhia tunisiana Tuninter em águas da Sicília (Itália).
14 agosto 2005: os 121 ocupantes de um Boeing 373 das linhas aéreas cipriotas Helios Airways morrem depois de o aparelho cair em Gramatiko, ao nordeste de Atenas, três horas após decolar do Chipre.
janeiro 2006: a queda de um aparelho Antonov An-24 mata 42 soldados eslovacos no nordeste da Hungria. Os militares retornavam de uma missão da Otan no Kosovo.
30 novembro 2007: um acidente durante a aterrissagem de um avião tipo MD83 da companhia AtlasJet mata 57 pessoas em Isparta, no centro da Turquia.
23 janeiro 2008: vinte militares poloneses morrem na queda de um avião de transporte que tentava aterrissar na cidade de Miroslawiec (oeste da Polônia).
23 julho 2008: quatro pessoas morrem na queda de um pequeno avião de turismo entre as localidades de Munster e Geschinen, na Suíça.
17 agosto 2008: dois pequenos aviões se chocam no centro da Inglaterra, matando cinco pessoas.
20 agosto 2008: a queda de um avião MD-82 da Spanair no aeroporto de Barajas (Madri) mata 154 pessoas e deixa 18 feridos.
25 fevereiro 2009: um Boeing 737 da companhia Turkish Airlines cai nas cercanias do aeroporto internacional de Schiphol, na Holanda. Dos 135 passageiros, nove morrem e 50 ficam feridos.
Fonte: EFE via Último Segundo

CORINTHIANS - PÂNICO NO AR



A noite da última terça-feira foi de pânico no elenco do Corinthians. Uma forte turbulência enfrentada no voo de São Paulo a Presidente Prudente deixou o clima tenso. Ronaldo, em sua primeira viagem com a delegação, começou com o pé esquerdo. Quem relata o ocorrido é Fabinho.
“O piloto falou que teve de passar por Londrina para tentar fugir da tempestade, mas no fim precisou enfrentar a chuva e as nuvens pesadas. Nunca vi um avião balançar daquele jeito, voando quase de lado. No começo o pessoal brincou, mas depois todo mundo ficou muito nervoso”, contou o volante ao UOL Esporte.
Segundo o corintiano, alguns jogadores apelaram às orações durante os minutos de instabilidade no ar. “Quando você está passando por alguma perto se apega à fé. Todo mundo tomou um susto grande. Até eu que sempre procuro manter a calmo fiquei muito nervoso.”
O goleiro Julio Cesar, que não gosta de viajar de avião, sofreu bastante. “Ele tem medo de avião e sofre mesmo. O Julio estava de pé quando começou a balançar. Ele correu para o banco, apertou o cinto e ficou muito nervoso, a cabeça dele estava até vermelha”, contou Fabinho.
O trauma dos corintianos foi tão grande que alguns já cogitam até retornar à capital de ônibus no próximo domingo, após jogo diante do Marília. “Já tem alguns jogadores querendo voltar de ônibus, perguntando quanto tempo demora”, completou Fabinho, titular da equipe na última quarta-feira, na vitória por 2 a 0 sobre o Noroeste.
fonte: uol/foto:divulgação Total Linhas Aéreas)

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...