quinta-feira, 11 de março de 2010

LICITAÇÃO - POLICIA MILITAR DO RIO DE JANEIRO - CONTRATAÇÃO DE CURSO DE PILOTO DE AVIÃO E HELICÓPTERO

Rio de Janeiro – Encontra-se publicado o PREGÃO ELETRÔNICO Nº 006/2010 PMERJ – Tipo Menor Preço Por Lote, pela Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro para contratação de Serviço de Treinamento na Área de Vôo (Curso de Piloto de Avião e Curso de Piloto de Helicóptero), com valores estimados para o Curso de Piloto Helicóptero de R$ 434.600,00 e  para o Curso de Piloto de Avião de R$ 494.590,00, perfazendo um valor total estimado de R$ 929.190,00.

O início do acolhimento das propostas inicia em 11/03/2010 às 09:00h até 23/03/2010 às 09:00h. A abertura das propostas ocorrerá em 23/03/2010, às 09:00h e abertura do pregão inicia às 10:00h nesta data.
O Edital e seus anexos encontram-se disponível no endereço eletrônico www.licitacoes-e.com.br, podendo alternativamente ser adquirido uma via impressa, mediante o pagamento da importância de R$ 10,00 (dez reais), na Rua Evaristo da Veiga nº 78 – DGAL/3 D-O – Centro – Rio de Janeiro – RJ, telefone 2333-2706, nos dias úteis no horário das 10:00 às 13:00 horas e das 14:30 às 16:00 horas, mediante a apresentação do carimbo da razão social da empresa e da guia de deposito bancário em conta corrente nº 03668-6, Agencia 5673, do Banco Itaú, a favor da Caixa de Economias Administrativas da Corporação (CEAC).

fonte/PilotoPolicial/

AVIÃO DA BRIGADA MILITAR DO RIO GRANDE DO SUL FEZ POUSO FORÇADO NA BASE AÉREA DE SANTA MARIA


O avião Bonanza da Brigada Militar (BM) que fez pouso forçado na pista principal da Base Aérea de Santa Maria (BASM), por volta das 17h20min de hoje, teve problemas no trem de pouso. Os dois capitães da BM que ocupavam a aeronave não se feriram.

O avião não teve grandes estragos, foi retirado da pista e aguardará manutenção na própria base - Ronald Mendes
A aeronave seguia de Porto Alegre para Uruguaiana. Os pilotos perceberam que o trem de pouso não estava funcionando. Ao chegarem perto da torre de controle da BASM, pediram apoio visual da equipe em terra e tiveram a confirmação de que uma das rodas não descia.

Segundo a BASM, o avião deu diversas voltas em torno do aeroporto para gastar o combustível. O procedimento, que durou cerca de duas horas, é considerado de praxe e serve para diminuir o risco de acidentes.
Após a aterrissagem, os oficiais da BM receberam atendimento médico e retornaram a Porto Alegre em outra aeronave. O avião não teve grandes estragos, foi retirado da pista e aguardará manutenção na própria base.

fonte/PilotoPolicial/RBS

COMUNICADO DO COMADO DO EXÉRCITO

Acidente com aeronave do Exército

O Comando do Exército lamenta profundamente informar a ocorrência de um acidente com uma aeronave Esquilo (FENNEC), do Destacamento do 3º Batalhão de Aviação do Exército (Dst Av Ex), sediado em Campo Grande/MS, ocorrido por volta das 21h50min, do dia 10 de março do corrente ano, na localidade de Nhecolândia, município de Corumbá/MS, provocando 04(quatro) vítimas fatais, 02 capitães, 01 sargento e 01 cabo.
As causas do acidente, que ocorreu durante a realização da OPERAÇÃO CABURÉ, exercício de adestramento dos pilotos e tripulações do Dst Av Ex, serão apuradas por meio de Inquérito Policial Militar (IPM) e de investigação aeronáutica, na forma do que está previsto no ordenamento jurídico vigente.

O Exército Brasileiro, consternado e imbuído do mais alto sentimento de solidariedade, está empenhado em prestar todo o apoio necessário às famílias dos militares vitimados pelo acidente.

Brasília, 11 de março de 2010.

CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DO EXÉRCITO
EXÉRCITO BRASILEIRO
ONTEM, HOJE E SEMPRE! OS MESMOS VALORES, PRINCÍPIOS E IDEAIS.
“SAMPAIO – 200 ANOS: CORAGEM E DETERMINAÇÃO”

fonte/Centro de Comunicação Social do Exército

QUEDA DE HELICÓPTERO DO EXÉRCITO NO PANTANAL MATA QUATRO MILITARES


Modelo de helicóptero que caiu no Pantanal /Reprodução TV Morena
CAMPO GRANDE - Um helicóptero do Batalhão de Aviação do Exército em Campo Grande (BavEx) caiu na noite desta quinta-feira durante operação na região do Baixo Pantanal, em Corumbá, Mato Grosso do Sul. Quatro militares morreram no acidente.
Os militares estavam participando da Operação Caburé, iniciada na segunda-feira no Pantanal. Os quatro militares são do Destacamento do 3º Batalhão de Aviação do Exército de Campo Grande e da Companhia de Comando do CMO.
O acidente ocorreu por volta de 21h50m. Esquipes do Exército em Campo Grande e da aviação do Exército de Taubaté, em São Paulo, se deslocaram para a área para resgate dos corpos.

fonte/OGlobo/foto/OGlobo

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...