Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 25, 2012

BIRD STRIKE COM EMBRAER E190 DA JETBLUE NOS EUA

UmEmbraerERJ-190 da JetBlue, matrículaN178JB, realizando o vooB6-571a partir deWestchesterCounty,NY paraWest PalmBeach,FL (EUA)com 54passageirose 4tripulantes,sofreu bird strike ao decolar da pista 16.

A tripulação informouque"bateu  em dois grandes gansos" e  declarouemergência quando atingui 2000 pés.

Após nivelar foi orientado a pousar na pista 16, o que aconteceu 7 minutos após a decolagem.

Posteriormente  a pista foifechadapor 20 minutosaté queos detritos dos pássaros fossem retirados.

O Embraer 190 de registroN249JB substituíu a aernave danificada, decolando paraWest Palm Beachcom um atraso de2,5 horas.

Os gansosimpactouospára-brisas edofuselagemcentral.

A FAArelatou danosao pára-brisa.




fonte/AvHerald/foto/ FolhaSP
Related articlesBird Strike Forces Emergency Landing Of JetBlue Flight In Westchester (newyork.cbslocal.com)Bird Strike Grounds West Palm Beach Bound Flight (miami.cbslocal.com)Passenger Recounts Tense Moments After Bird Strike On Board Flight From Westchester Co. A…

MERCADO DE AVIÕES PARA AGRICULTURA SEGUE FIRME

A divisão agrícola da Embraer, que produz a aeronave Ipanema, registrou um aumento de 45% nas vendas em 2011, que chegaram a 60 unidades, e prevê repetir essa performance em 2012.
O Ipanema é a aeronave de maior longevidade e produção (1.200 unidades) da história da indústria Aeronáutica nacional, e sua evolução, com o desenvolvimento da versão que voa abastecida com etanol, transformou-o também em um símbolo de sustentabilidade, já que se trata do único avião no mundo com motor certificado para voar com etanol hidratado, o mesmo combustível utilizado em automóveis.
No ano passado, cerca de 30% das vendas do Ipanema foram para clientes de São Paulo, onde a Embraer registrou um salto de 300% nos negócios com os produtores rurais do Estado. "O crescimento da lavoura da cana-de-açúcar e a renovação da frota antiga de aeronaves foram os principais responsáveis por este incremento das vendas em São Paulo", explica o gerente de vendas da divisão agrícola da Embraer, F…

PEÇAS DO KING AIR QUE CAIU EM JUNDIAÍ SÃO LEVADAS PARA SÀO PAULO

As peças do avião bimotor King Air, modelo C 90 (prefixo PP-WCA), que caiu em Jundiaí na sexta-feira, estão sendo levadas a São Paulo, onde serão analisadas pelo Seripa 4 (Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), órgão da Aeronáutica que cuida do tráfego aéreo e da investigação de acidentes.

O avião, pertencente a um empresário de Rio Preto, passou por manutenção no aeroporto de Jundiaí nos últimos dias. O piloto Rui Barbosa Martins Junior morreu carbonizado no acidente e era o único a bordo da aeronave, conforme confirmou a Aeronáutica. Por meio de sua assessoria de imprensa, o Seripa 4 informou ontem que a perícia não busca descobrir culpados, mas são feitas para fins de prevenção.

A informação foi dada depois que a Aeronáutica informou que o piloto não tinha brevê para pilotar aeronaves como a que caiu na sexta-feira.
O prazo para a conclusão das análises varia em até um ano e meio, dependendo da gravidade do acidente, mas não há um praz…

POLÍCIA ABRE INQUÉRITO PARA APURAR QUEDA DE AVIÃO EM JUNDIAÍ

A Polícia Civil de Jundiaí (SP) abriu inquérito para apurar as causas da queda de um avião bimotor na sexta-feira (19). O piloto Rui Barbosa Martins Junior Morreu no acidente. Ele saiu do aeroporto de Jundiaí com destino a São José do Rio Preto, mas assim que decolou, o avião ganhou pouca altura.
Rui Barbosa chegou a informar a torre de controle sobre uma pane. Logo em seguida, a aeronave caiu e explodiu, a 300 metros da pista de pouso.
Segundo informações do aeroporto, a aeronave tinha acabado de passar por manutenção e fazia um voo de teste.
O Corpo de Bombeiros encontrou um corpo carbonizado, mas, de acordo com o plano de voo da aeronave, duas pessoas deveriam estar no avião – Rui Barbosa seria o copiloto.
Pelo menos quatro pessoas devem ser ouvidas nas próximas semanas. Estão relacionados o dono do avião, a mulher do piloto, o responsável pelo hangar onde a aeronave fazia manutenção e o piloto que aparece no plano de voo, mas não foi visto no local.
A polícia quer saber se ho…

QUASE UM ANO APÓS ACIDENTE AÉREO, FAMÍLIAS AINDA NÃO RECEBERAM INDENIZAÇÃO DE COMPANHIA EM RECIFE

Os parentes de nove das 16 vítimas do acidente com bimotor modelo L-410 da empresa Noar Linhas Aéreas, ocorrido em julho de 2011, em um terreno baldio próximo à avenida Beira Mar, em Recife (PE), informaram que ainda não receberam a indenização da empresa.

Membros da AFAV-Noar (Associação de Familiares e Amigos das Vítimas do Voo Noar 4896) cobram agilidade nos acordos com a empresa. O grupo contestou ainda uma nota emitida pela Noar que daria a entender que as indenizações teriam sido pagas a 14 famílias.

Segundo o boletim, “A Noar Linhas Aéreas S.A., em conjunto com a seguradora Mapfre, realizaram o pagamento de indenizações a 14 familiares de vítimas do acidente com o voo 4896, que ocorreu em julho do ano passado, em Boa Viagem, no Recife”. O presidente da AFAV-Noar, Geyson Soares, irmão de uma das vítimas, informa, porém, que a nota induz ao entendimento de que apenas duas famílias não receberam a indenização, o que não seria verdade.
A Noar confirmou que ainda falta o …