sábado, 21 de janeiro de 2012

ATENTADO CONTRA INSTALAÇÕES DE NAVEGAÇÃO AÉREA NA COLÔMBIA







Na  tarde de sexta-feira (20-01-2012) foram atacados vários equipamentos de comunicação e radar da Aerocivil  no morro de Santana, departamento de Cauca.

Esse ataque afetou  os serviços de controle de tráfego aéreo em grande parte do sul do país, incluindo o aeroporto de Cali e os aviões que têm rota entre o Equador eo Panamá.


Quando as forças militares chegaram ao local na sexta-feira. foi verificado que a destruição foi grande.
Santiago Castro, diretor da Aerocivil, disse: 
"O radar é muito importante para comunicações aéreas, não só civil e comercial, mas militar, no sudoeste do país e do Pacífico.
Nós não sabemos qual o impacto do ataque. O radar está fora de serviço. Agora nós restabelecemos as frequências de comunicação, mas ainda nenhum sinal do radar. Este é claramente um ataque à infra-estrutura de aviação do país. "

A Aerocivil emitiu um NOTAM para o ataque, transformando o espaço aéreo controlado em torno de Cali, em espaço aéreo classe G ( não conytolado), e conforme as regras colombianas é:

"Um espaço aéreo de dimensões definidas em que são forneccidas o serviço de informação e alerta aos voos IFR e VFR".

O NOTAM é a seguinte:
"226 A PARTIR DE: ATÉ 1201210315, 1201272359 EST
CTA / CLO recategorize ESPAÇO AÉREO: CLASSE G "

Embora as operações não tenham canceladas, esperam-se atrasos e a volta a normalidade das instalações afetadas deverão levar vários meses.


fonte/Aviacol/video/ElTiempo

AVIÃO SAI FORA DA PISTA NO INTERIOR DO MATO GROSSO

 O avião monotor de prefixo PT-LNH saiu da pista durante aterrisagem no Aeroporto Municipal Maestro Marinho Franco, em Rondonópolis, às 14 horas desta sexta-feira (20).
Segundo as informações repassadas pelo administrador do local, Alencar Libano, além do piloto havia dois empresários rurais na aeronave, mas não tiveram seus nomes informados.

O monomotor vinha de uma fazenda da região Sul e, quando o piloto foi pousar, a aeronave saiu cerca de 50 metros do eixo central da pista, aterrissando na faixa de terra paralela a pista de pouso e decolagens. Ninguém se machucou.


A causa teria sido um problema num dos pneus do trem de pouso, causando danos ao equipamento. O acidente foi comunicado pela direção do aeroporto a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).


O incidente não chegou a atrapalhar pousos e decolagens.


fonte/foto/CenarioMT




















MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...