Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 21, 2012

ATENTADO CONTRA INSTALAÇÕES DE NAVEGAÇÃO AÉREA NA COLÔMBIA

Na  tarde de sexta-feira (20-01-2012) foram atacadosváriosequipamentos de comunicaçãoeradar daAerocivilno morro de Santana, departamento deCauca.

Esse ataqueafetouos serviços decontrole de tráfego aéreoem grande parte dosul do país, incluindo o aeroportode Calie os aviões que têm rotaentre o Equador eoPanamá.


Quando as forças militareschegaram ao localna sexta-feira. foi verificado que a destruição foi grande.
SantiagoCastro,diretor daAerocivil, disse: 
"Oradaré muito importante paracomunicações aéreas, não só civil e comercial, mas militar,no sudoestedo país edo Pacífico.
Nós não sabemosqual o impactodo ataque.Oradarestá fora de serviço. Agora nósrestabelecemosas frequênciasde comunicação, mas ainda nenhum sinaldoradar.Este é claramenteum ataque àinfra-estruturade aviação do país. "

AAerociviljáemitiu umNOTAMpara o ataque, transformando o espaço aéreo controladoem torno deCali, em espaço aéreoclasseG ( não conytolado), e conforme as regrascolombianas é:

"Umespaço aéreo dedime…

AVIÃO SAI FORA DA PISTA NO INTERIOR DO MATO GROSSO

O avião monotor de prefixo PT-LNH saiu da pista durante aterrisagem no Aeroporto Municipal Maestro Marinho Franco, em Rondonópolis, às 14 horas desta sexta-feira (20).
Segundo as informações repassadas pelo administrador do local, Alencar Libano, além do piloto havia dois empresários rurais na aeronave, mas não tiveram seus nomes informados.

O monomotor vinha de uma fazenda da região Sul e, quando o piloto foi pousar, a aeronave saiu cerca de 50 metros do eixo central da pista, aterrissando na faixa de terra paralela a pista de pouso e decolagens. Ninguém se machucou.


A causa teria sido um problema num dos pneus do trem de pouso, causando danos ao equipamento. O acidente foi comunicado pela direção do aeroporto a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).


O incidente não chegou a atrapalhar pousos e decolagens.


fonte/foto/CenarioMT