sexta-feira, 28 de setembro de 2012

VÍDEO DO POUSO DO AVIÃO DA AZUL EM CASCAVEL


VOOS DA TAM NO EXTERIOR TERÃO ASSISTÊNCIA MÉDICA REMOTA

A Tam assinou hoje contrato com a Medaire, empresa americana de aconselhamento médico remoto, que, a partir do acordo, contarão com apoio e orientação, em português, de profissionais especializados em medicina aeroespacial 24 horas por dia.

Quando constatar que algum passageiro necessita de auxílio médico, o comissário acionará o piloto da aeronave, que entrará em contato com a Medaire. Com base nos sintomas descritos, o médico dessa empresa indicará os procedimentos que deverão ser tomados.

Caso entenda que o paciente precise de atendimento hospitalar, poderá aconselhar, inclusive, que a aeronave alterne para o aeroporto mais próximo. Atualmente, a companhia é a única empresa na América Latina a contar com esse tipo de suporte.

Além do apoio remoto em
voo, o contrato com a Medaire prevê treinamento para tripulação e para o gerenciamento de passageiros com necessidades especiais, avaliação médica pré-voo, ativação de equipe médica na chegada da aeronave, verificação de recursos médicos no destino e retorno do caso.

O projeto prevê, ainda este ano, a aquisição de desfibriladores — aparelho utilizado para restabelecer ou reorganizar o ritmo cardíaco — para todas as aeronaves que fazem voos internacionais. Essas rotas foram escolhidas porque a maior incidência de complicações de saúde mais graves ocorrem em viagens com mais de quatro horas de duração. 
fonte/PanRotas

AERONAVE MILITAR SAI DA PISTA NO AEROPORTO DE BACACHERI, PARANÁ

Conforme notam (abaixo), uma aeronave militar, FAB5960,  saiu da pista ao pousar no Aeroporto de Bacacheri, não houve feridos, apenas danos materiais, aguardamos novas informações.

Notan  SBBI E3333/2012 B 28/09/12 22:44 C 29/09/12 23:59 E RWY 18/36 CLSD DEVIDO ACFT ACIDENTADA)

 

fonte/Notan/FuncionáriosDo Aeroporto

AVIAO DA AZUL SAI DA PISTA APÓS DUAS TENTATIVAS DE POUSO NO , NO PARANA






Um avião da companhia aérea Azul, que vinha de Campinas, em São Paulo, saiu da pista após tentar, por duas vezes, pousar no Aeroporto Municipal de Cascavel, no oeste do Paraná, na tarde desta sexta-feira (28).
Devido ao forte vento, o piloto teve de arremeter e quase encostou com uma das asas no chão. Na segunda tentativa, quando conseguiu pousar, acabou saindo da pista. A aeronave levava 49 passageiros e ninguém ficou ferido.
O avião teve de ser levado para manutenção e o voo seguinte, que seguiria de volta aCampinas, às 14h46, foi cancelado. Em nota, a assessoria da empresa disse que a companhia está investigando o ocorrido.

AZUL ENVIA NOTA DE ESCLARECIMENTO

"A Azul Linhas Aéreas informa que a aeronave que fazia o voo de Campinas para Cascavel na tarde de hoje (28/9) pousou sob condições de ventos fortes e ultrapassou momentaneamente o limite lateral da pista. Na sequência, a aeronave taxiou para o pátio e todos os 49 Clientes a bordo desembarcaram normalmente sem qualquer alteração. A companhia está investigando o ocorrido e a aeronave está em solo para avaliação de manutenção, procedimento comum adotado pela companhia. Por esse motivo, o voo 6903 que sairia para Campinas às 14h46 de hoje foi cancelado e os clientes estão sendo atendidos de acordo com a Resolução 141 da Anac. A empresa lamenta os transtornos e se coloca à disposição para mais esclarecimentos."

Azul Linhas Aéreas Brasileiras
fonte/G1/CATVE/foto/CATVE

AERONÁUTICA DEIXA BUSCAS POR AVIÃO QUE DESAPARECEU NO SUL DA BAHIA


A participação da Aeronáutica nas buscas pela aeronave que desapareceu após levantar voo no sul da Bahia foi suspensa nesta quinta-feira (27), situação que será mantida até que surjam novos indícios da localização do bimotor, segundo o órgão. Ao todo, o helicóptero sobrevoou área de 456 km² e não encontrou o corpo da mulher de 61 anos, que era transportado de Ilhéus até Brasília, além do seu marido, de 58 anos.

O piloto do avião foi localizado morto na quarta-feira (26). A mulher se afogou em uma praia de Porto Seguro no sábado (22). A Capitania dos Portos inforna que o bimotor continua sendo procurado pelas duas lanchas da Marinha e pelo Corpo de Bombeiros.

Segundo a Infraero, o piloto vestia uniforme e estava com a documentação quando foi achado, a 17 km da praia, ao norte de Ilhéus, próximo ao condomínio Joia do Atlântico. Ele foi identificado como Joás Cardoso Ribeiro, de acordo com o Corpo de Bombeiros. Foram encontrados, ainda, destroços da aeronave, um pedaço da urna funerária em que era transportada o corpo da mulher, além de documentos de navegação do bimotor e uma bolsa.

"Recebemos uma ligação por volta das 00h30 de uma pessoa que se identificou como pescador dizendo que havia achado partes da aeronave. Deslocamos uma equipe para lá e verificamos que era verdade. Aguardamos agora a chegada da polícia e do DPT", disse a sargento Edileusa, que estava no plantão dos Bombeiros no momento do telefonema.

Investigação
A delegacia da cidade de Illhéus, na Bahia, confirmou no fim da manhã desta quinta-feira (27) que o dono da aeronave, Bruno de Sá Martins de Araújo, irá prestar depoimento na unidade policial. A previsão é que o proprietário do bimotor chegue à Bahia até a manhã desta sexta-feira (28). Além do proprietário da aeronave, um irmão e um cunhado do advogado de 57 anos que estava no avião acompanhando o corpo da esposa até Brasília.

fonte/G1/BA

ATUALIZADO - ACIDENTE NO NEPAL


Segundo informações das autoridades do aeroporto a aeronave havia sido liberado para decolar às 06:17 L, o último contato com a tripulação foi às 06:18 L. A tripulação relatou uma colisão com aves e  a falha de um motor em subir. A ave foi identificada como uma águia negra (envergadura de até 70 inches/178cm, peso de até 4 lbs/1.8kg - foto), confirmada também pela Aviação Civil do Nepal.

O
AAIB britânico anunciaram que enviou dois investigadores ao Nepal para ajudar na investigação sobre o acidente.

Observadores
terrestres informaram que a aeronave parecia tentar uma aterragem no rio. A aeronave não estava pegando fogo nesse momento, até depois de parar após o pouso, e podiam ser ouvidos os gritos dos ocupantes, mas alguns segundos depois, os tanques de combustível explodiram.

fonte/AvHerald/foto/A black eagle, photo taken in Malaysia Dec 1st 2011 (Photo: Tu7uh):
Enhanced by Zemanta

QUEDA DE AVIÃO MATA 19 NO NEPAL


Um avião Dornier DO-228 da Sita Air,registro 9N-AHA , realizando o voo 601 de Kathmandu para Lukla (Nepal)  com 19 pessoas a bordo caiu nesta sexta-feira (28) próximo ao Aeroporto de Katmandu, capital do Nepal, e não há sobreviventes, informou a polícia. "Os 19 passageiros do avião da Sita Air estão mortos. O acidente ocorreu a menos de 1 km do aeroporto", disse o porta-voz da polícia Binod Singh.

"O acidente matou 12 estrangeiros, sendo sete turistas britânicos e cinco chineses. Os outros sete mortos são nepaleses, incluindo os integrantes da tripulação", afirmou Singh.

O avião seguia para Lukla, uma pequena cidade do noroeste do país que é ponto de partida para o Everest, a montanha mais alta do planeta.

O acidente ocorreu por volta das 6h30 (21h45 de quinta-feira, 27, em Brasília) e logo após a queda, dezenas de soldados que estavam na região para apagar as chamas. "Parece que o piloto tentou pousar no leito do rio Manohara, mas o avião se incendiou", disse Singh.
"Viu que o avião tentou pousar. Ele pegou fogo e havia pessoas gritando em seu interior. Acredito que os pilotos tentaram pousar no rio", revelou uma testemunha à "Kantipur Television".

Funcionários do aeroporto informaram que  a aeronave pegou fogo durante o voo, depois de colidir com um pássaro no momento da decolagem e a causa do acidente no entanto deve ser confirmado. As caixas-pretas foram encontradas e recuperadas.

Os aviões são um importante meio de transporte no Nepal, país de montanhas e de estradas precárias.

O Nepal tem 16 companhias aéreas domésticas e 49 aeroportos.

Os acidentes aéreos são relativamente frequentes no Nepal, em meio a condições meteorológicas adversas e a pistas de pouso difíceis.

fonte/AvHerald/G1/foto/AP

Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...