quarta-feira, 23 de novembro de 2011

VÍDEO - PROPAGANDA DA NISSAN




fonte/DiretoDoCockpit

CÉU PORTUGUÊS "ESGOTADO"

Os controladores de tráfego aéreo vão, a partir das 22 horas de hoje, cumprir estritamente os procedimentos e as capacidades definidas pelas autoridades europeias e portuguesas. Na prática, os aviões vão ter de ficar em espera antes de entrar e antes de sair para o seu destino.

A partir das 22 horas de hoje os controladores de tráfego aéreo portugueses vão cumprir estritamente os procedimentos e as capacidades definidas pelo Eurocontrol (entidade que gere o espaço aéreo europeu) e pelo Estado português pelo menos, até 24 de novembro, dia de greve geral, apurou o Expresso junto de controladores aéreos.


Esta ação significa que vai deixar de haver ligação direta entre pontes nas aterragens e descolagens. Na prática, os aviões têm de ficar em espera antes de entrar e antes de sair para o seu destino.

Além de aumentar os congestionamentos, provocar atrasos, pode obrigar voos com destino a Lisboa, por exemplo, a irem aterrar noutro aeroporto. 

Presumem-se também cancelamentos de voos, já que os aviões vão ser obrigados a voar com muito mais combustível, o que fará aumentar os custos para as companhias aéreas.

O sindicato dos controladores aéreos  já enviou informação para todas as companhias aéreas que operam em Portugal. Em causa está o fato de há um ano a NAV (Navegação Aérea de Portugal) não ter administração e o Governo não dialogar com os representantes da empresa. O primeiro período mais complicado será já amanhã, às sete horas da manhã, altura em que chegam os voos provenientes de África, Brasil e EUA.

fonte/InExpresso


Enhanced by Zemanta

BOEING VENDE AIR FORCE ONE A CLIENTES VIP

MACDILL AIR FORCE BASE, Fla. -- Air Force One ...Image via Wikipedia
Air Force One é a inspiração

Quem sabe se atraídos pelas tecnologias mais avançadas dos equipamentos e pelo luxo interior do Air Force One (o avião ao serviço do presidente dos Estados Unidos), cada vez mais milionários compram este modelo de avião.

Segundo o jornal Expansion, a fábrica da Boeing já entregou três aviões 747 (que podem transportar até 500 passageiros) a clientes institucionais e VIP. E, apesar das apertadas cláusulas de confidencialidade, sabe-se que um desses clientes é o emir do Dubai.

O segundo avião, primeiro da nova versão do 747-8, irá para um milionário de um país do Golfo Pérsico, cujo nome se mantém em segredo, tendo outros dois já encomendados. Com um custo superior a 220 milhões de euros por unidade, o comprador é quem decide como quer o interior do seu avião, que pode vir com salas amplas, quartos luxuosos ou até jacuzzi.


Em franco crescimento, este mercado já levou a construtora europeia Airbus a criar uma divisão especial, a Corporate Jets, para responder condignamente aos pedidos dos clientes. A companhia já vendeu quase 200 aviões deste tipo.

Enquanto a filial da EADS vendeu um A380 (o avião maior do mercado) para um destes clientes exclusivos, os modelos mais requisitados são a versão corporativa e de família A320.

Estas aeronaves têm uma capacidade para 150 passageiros e um tamanho muito superior ao dos restantes jets. Os seus principais compradores são as empresas como Al Jaber ou Royal Jet, ambas com sede em Abu Dhabi, além de outros operadores como Comlux, Privatair ou DC Aviation.

fonte/DinheiroVivo
Enhanced by Zemanta

GREVE DOS CONTROLADORES DE VOO EM PORTUGAL DEIXAM 50 MIL PASSAGEIROS EM TERRA


Quinta-feira deverá ser um dia calmo no aeroporto de Lisboa, com a ANA e as companhias aéreas a avisar antecipadamente os passageiros.


Os serviços mínimos definidos pelo Tribunal ditaram que os controladores aéreos só estão obrigados a cumprir dez voos na quinta. 

Os serviços mínimos definidos por Tribunal Arbitral ditaram que os controladores aéreos só estão obrigados a cumprir dez voos, nas ligações do Continente à Madeira e aos Açores. Os restantes 479 voos programados para os aeroportos da ANA correm o risco de ficar em terra, ao abrigo da greve geral convocada para quinta-feira (24 de Novembro) pelas duas centrais sindicais, o que afectará 50 mil passageiros.

A greve dos controladores aéreos começa às 22 horas de amanhã e prolonga-se até às 24 horas de quinta-feira, para abranger todos os turnos na NAV Portugal. Mas há outras classes profissionais com paralisações marcadas - trabalhadores do ‘handling', Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, trabalhadores da meteorologia e bombeiros - o que irá impossibilitar as operações nos aeroportos nacionais.

Além disso, e no que diz respeito às companhias aéreas nacionais, está ainda marcada a paralisação dos tripulantes decretada pelo Sindicato Nacional do Pessoal de Voo e da Aviação Civil (SNPVAC).

De acordo com fonte da ANA, o aeroporto da Portela será o mais afectado pela adesão à greve geral dos sindicatos do sector aéreo, por ser aquele que mais passageiros processa. "Para dia 24 de Novembro estavam previstos no Aeroporto de Lisboa 311 movimentos (159 partidas e 156 chegadas), no Aeroporto Francisco Sá Carneiro 135 movimentos (68 partidas e 67 chegadas) e no Aeroporto de Faro 38 movimentos (19 partidas e 19 chegadas)", diz fonte oficial da ANA. Só no aeroporto da Portela, em Lisboa, estavam previstos 33 mil passageiros. Para o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, estavam estimados 12 mil pessoas, enquanto em Faro deveriam ser processados cinco mil passageiros.

fonte/EconomicoPt
Enhanced by Zemanta

RYANAIR E EASYJET CANCELAM QUASE CEM VOOS DEVIDO GREVE GERAL DE QUINTA-FEIRA (AMANHÃ) EM PORTUGAL


As low cost Ryanair, que é a maior companhia aérea nos aeroportos do Porto e de Faro, e easyJet, que é a segunda maior em Lisboa e em Faro e a terceira no Porto, cancelaram quase uma centena de voos de e para estes aeroportos portugueses devido à adesão dos controladores de tráfego aéreo à greve geral da próxima quinta-feira, dia 24.

“A greve vai provocar atrasos e alguns cancelamentos de voos que operam de e para aeroportos portugueses e daqueles que sobrevoam Portugal”, diz o website da Ryanair, que indica que já amanhã cancela quatro voos internacionais para o Porto e as ligações Faro - Porto - Faro.

Na quinta-feira, estão canceladas 40 partidas e chegadas de voos internacionais, trinta das quais no Porto e dez em Faro, bem como a ligação diária entre estas duas cidades portuguesas (ida e volta).

O website da easyJet, por sua vez, publica uma lista de 46 voos cancelados (partidas e chegadas) na quinta-feira, 26 dos quais voos internacionais de e para Lisboa, oito no Porto e outros oito em Faro, a que se somam ainda duas ligações Lisboa - Funchal - Lisboa.

Tanto a Ryanair como a easyJet indicam aos passageiros com bilhetes para os voos cancelados devido à greve geral podem alterar as viagens para outros dias sem encargos adicionais ou cancelar e ser reembolsados (para aceder clique: Ryanair / easyJet).

A Ryanair especifica no seu website que as alterações de data estão disponíveis até dia 29.

Os voos internacionais da Ryanair cancelados no dia 23 são as ligações ao Porto à partida de Barcelona, Charleroi, Liverpool e Paris - Beauvais, a que se somam o Faro - Porto e o Porto - Faro.

No dia 24 estão canceladas as chegadas e partidas do Porto de duas ligações com Barcelona, uma com Bordéus, uma com Frankfurt-Hahn, uma com Karlsruhe/Baden-Baden, duas com Londres, três com Madrid, uma com Marselha (MP2), duas com Paris-Beauvais, uma com St. Etienne e uma com Tenerife-Sul.

No aeroporto de Faro estão canceladas as ligações com Charleroi, East Midlands, Edimburgo, Manchester e Niederrhein.

A Ryanair também cancela no dia 24 os voos Porto - Faro - Porto.
Os voos cancelados pela easyJet no Aeroporto de Lisboa são de e para Toulouse, Paris-Charles De Gaulle, Genebra (duas ligações ida e volta), Milão-Malpensa, Madrid (três ligações ida e volta), Barcelona, Lyon, Berlin (SXF), Londres-Gatwick, Roma-Fiumicino.

A easyJet tem ainda canceladas dias ligações Lisboa - Funchal - Lisboa.
No Aeroporto do Porto, a easyJet cancela os voos de/para Genebra (duas ida e volta), Milão-Malpensa e Londres-Gatwick.

No Aeroporto de Faro estão canceladas as ligações de/para Londres- Stansted, Londres-Luton, Bristol e Londres-Gatwick.
 
fonte/PressTur

Enhanced by Zemanta

CINZAS VULCÂNICAS QUE ESTÃO SOBRE O ESTADO COMEÇAM A SE DISSIPAR


As cinzas do vulcão chileno que estão sobre o Estado já começaram a se dissipar. De acordo com a meteorologista Estael Sias, comparando as imagens do satélite Meteosat de ontem para hoje, é possível concluir que o Rio Grande do Sul foi coberto pelas cinzas por volta das 7h desta quarta-feira, inclusive a Capital e Região Metropolitana.

— Há cinzas no oceano e, para elas chegaram até lá pelo Interior, obrigatoriamente passaram pela Grande Porto Alegre— explicou Estael.

Uma imagem de satélite das 11h ainda mostrava cinzas pelo Estado, porém bem menos visíveis.

Segundo Estael, a nebulosidade que predomina na parte leste e os ventos, que estão um pouco mais intensos do que durante a madrugada e amanhecer, devem ter dissipado um pouco as cinzas, reduzindo assim a concentração na atmosfera e, por isso, deixando-as menos visíveis na imagem de satélite. 

fonte/ZeroHora
Enhanced by Zemanta

ACIDENTE COM CESSNA CARAVAN NA INDONÉSIA


Um Cessna 208B Grand Caravan Cargo, PK-VVG,série 208B-1308, da Susi Air, foi envolvido em um acidente perto Sugapa Airport (ZGP), na Indonésia. O co-piloto morreu no acidente.
 
O avião operava um um vôo de carga de Nabire (NBX) para Sugapa.

A empresa foi proibida de realizar voos para Europa e este é o segundo acidente em menos de três meses. Em 9 de setembro outro Caravan PK-VVE foi destruído ao decolar do distrito de Yahukimo, e os dois tripulantes morreram.

fonte/Tempo/foto/Divulgão

VOOS DA TAP NO BRASIL ENTRE HOJE E AMANHÃ SÃO CANCELADOS POR GREVE

 
Por causa de uma greve geral anunciada para amanhã em Portugal, a companhia aérea TAP cancelou todos os voos saindo do Brasil. 

São afetados os embarques agendados para a partir das 22h de hoje e durante todo o dia 24. Segundo a assessoria de comunicação da empresa em Porto Alegre, a TAP opera cerca de dez voos diários no Brasil; são 75 semanais. 

As cidades de onde partem os voos são Porto Alegre, São Paulo, Rio, Brasília, Campinas, Belo Horizonte, Fortaleza, Natal, Salvador e Recife. 

"A TAP solicita aos passageiros que entrem em contato com a companhia ou com o seu agente de viagens, para alterar os voos em datas fora do período de greve", informa nota da empresa. 

Para mais informações, a TAP disponibilizou o número de telefone 0300-210-6060 e contato on-line via sites do Facebook (tapbrasil) e do Twitter (@tapbrasil). 

Portugal deve parar a partir de amanhã, com uma greve geral de 24 horas convocada pelos sindicatos para protestar contra as medidas de austeridade do governo, que preveem cortes de gastos públicos, salários e empregos. 

O país precisa reduzir o deficit público para ter acesso aos 78 bilhões de euros (US$ 100 bilhões) do pacote de socorro da União Europeia. 

Os sindicatos esperam grande participação do setor de transportes, com adesão dos trabalhadores do metrô, de ônibus, do sistema ferroviário e do setor aéreo. 

fonte/Folha

CINZAS DO PUYEHUE ESTÃO NO RS E DEVEM CHEGAR À CAPITAL ATÉ O FIM DO DIA


Cinzas do Puyehue estão no RS e devem chegar à Capital até o fim do dia Reprodução/Satélite Meteosat
Mancha vermelha sobre Argentina, Uruguai e RS mostra a abrangência das cinzas Foto: Reprodução / Satélite Meteosat
 
As cinzas do vulcão chileno Puyehue podem causar novos transtornos nesta quarta-feira. Isso porque a pluma segue encobrindo a Argentina e o Uruguai, já atinge o oeste do Rio Grande do Sul e deve chegar a Porto Alegre até o fim do dia.

Conforme imagem de satélite, no começo da manhã havia concentração de cinzas de Uruguaiana, na Fronteira Oeste, ao Chuí, no Sul, passando pela região da Campanha. Apesar disso, nenhum aeroporto no Estado indicava o fenômeno.

Baseado nas informações do Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea (CGNA), simulador da Força Aérea Brasileira, o meteorologista Celso Oliveira afirma que até as 18h desta terça a pluma cobrirá boa parte do Estado e deve chegar a Porto Alegre entre o fim da tarde e decorrer da noite desta quarta-feira.

— Ainda é difícil afirmar quais as consequências que as cinzas podem causar no Rio Grande do Sul, mas podemos dizer que a concentração é suficiente para trazer problemas — considera. O Aeroporto Salgado Filho, na Capital, operava normalmente no início da manhã.

Ontem as cinzas provocaram atrasos e cancelamentos nos aeroportos Ezeiza, Aeroparque, Salto, Mar del Plata e Montevidéu, entre outros da Argentina e do Uruguai. Conforme o jornal argentino Clarín, foram cancelados 32 voos no país, sendo 26 das companhias Aerolíneas Argentinas e Austral. No Uruguai, o diário El País noticiou que 20 viagens aéreas foram suspensas no Aeroporto Internacional de Carrasco, também na terça-feira.

O Clarín também informa que o governo argentino definiu que a decisão de voar ou não quando houver presença de cinzas passará a ser de uma comissão liderada pela secretaria nacional de transporte, para "unificar critérios". Até agora, a decisão cabia às companhias aéreas.
 
fonte/ZeroHora
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...