sexta-feira, 6 de maio de 2011

TAM TERÁ VOOS SEMANAIS NATAL-PORTO ALEGRE DIRETO, SEM ESCALAS



Vocês já imaginaram um voo direto Natal-Porto Alegre, sem escalas ou conexões? Dá para cruzar o Brasil em pouco mais de quatro horas. Pois teremos esse privilégio. Nós e os gaúchos, claro. Em princiípio, os voos serão semanais.

A iniciativa é da Tam e da CVC, que farão cinco fretamentos entre junho e julho (dias 28 de junho e 5, 12, 19 e 26 de julho). Mas a Tam abraçou a idéia e aposta no sucesso da rota, independente da operadora. Para isso, programou vários voos até julho. Querem saber os dias? Vamos lá:

Teremos Natal-Porto Alegre (e a outra perna, claro) nos dias 14, 21 e 28 de maio; 4, 11, 18 e 25 de junho; e 2 e 9 de julho. Dá para programar uma semaninha na Serra Gaúcha, né? E gremistas e colorados poderão passar sete dias em nossas praias. Tudo em quatro horas horas de voo, direto.

fonte/TribunaDoNorte/ETurismo/AntonioRoberto
Enhanced by Zemanta

FRANÇA DIZ QU RESGATARÁ "TODOS OS CORPOS" E OBJETOS DO AF 447

 
A Polícia Militar francesa disse que a equipe de resgate que trabalha a bordo do navio Ile de Sein vai ser reforçada a partir do próximo dia 20, para que "todos os corpos e objetos pessoais" de vítimas do Airbus A330 - acidentado enquanto realizava o voo 447 da Air France, entre Rio de Janeiro e Paris há dois anos - sejam resgatados. O anúncio foi feito logo após içarem à superfície mais um "corpo inteiro preso a um assento". A nota foi divulgada nesta sexta-feira pela direção de comunicação da Polícia Militar Nacional.

O comunicado informou que o trabalho de recuperação dos restos das vítimas vai ser realizado durante cerca de 15 dias, por 12 especialistas. Em relação ao segundo corpo que foi trazido à superfície hoje, o texto explicou ainda que "a operação foi realizada com toda a dignidade, em condições difíceis". Material genético foi retirado do corpo, para providenciar a identificação da vítima.

As amostras do primeiro corpo, resgatado com sucesso na quinta-feira após uma tentativa inicial "infrutífera", deverão chegar à França na metade da semana que vem, conforme a polícia. Elas vão passar por análises "para determinar se a identificação por DNA é possível".

O texto afirma que "o procedimento colocado em prática pelo Escritório de Investigações e Análises (BEA) e os investigadores da polícia, permitindo de trazer um corpo inteiro preso a um assento, assim como todo outro elemento dispersado no solo, se revelaram conclusivos de um ponto de vista técnico", indicando que a técnica parece funcionar no objetivo de resgatar as vítimas.

Em entrevista ao Terra, o diretor de Desenvolvimento da empresa Phoenix, que fabrica o robô Remora 600, utilizado para a operação de resgate dos destroços do AF 447, disse que já havia realizado outras experiências semelhantes a essa, como a recuperação dos restos de um avião da Yemenia acidentado nas ilhas Comores, em 2009, assim como dezenas de vítimas da tragédia. A empresa também é a escolhida dos Marines americanos para buscas em alto mar e operações de resgate. "Nós nos focamos no trabalho que precisa ser feito e o conduzimos com o máximo de cuidado e consideração possíveis", disse Timothy Janaitis, que se recusou a dar mais detalhes sobre o procedimento em respeito às famílias das vítimas.

fonte/Terra
Enhanced by Zemanta

PILOTO NEGA QUE MARRONE ESTIVESSE NO COMANDO DE HELICÓPTERO QUE CAIU



O piloto particular do cantor Marrone, Almir Carlos Bezerra, de 49 anos, afirmou na tarde desta quinta-feira (5) que ele, e não seu patrão, estava no comando do helicóptero no momento do acidente, ocorrido na segunda (2) em São José do Rio Preto, a 438 km de São Paulo. Muito abatido, Bezerra ainda se recupera na Santa Casa de Misericórdia do município. Ele teve parte da perna esquerda amputada.
Segundo sua versão, o cantor estava sentado no lado direito –posição normalmente usada pelos pilotos, pois é onde ficam a maioria dos controles. “Mas a aeronave tem duplo comando. Você pode voar de qualquer um dos lados. O Marrone estava no lado direito, e eu estava do lado esquerdo”, afirmou.

No helicóptero, que tem capacidade para seis pessoas, estavam além de Bezerra e Marrone, o primo do cantor e produtor musical Jardel Alves Borges. Ele teve traumatismo craniano e continua em coma induzido, em estado grave, no Hospital de Base. Marrone também foi internado, mas já recebeu alta e passa bem.

O acidente aconteceu logo após a decolagem. “Assim que fiz uma curva para a direita, para pegar o rumo do destino, a aeronave começou a apresentar perda de rotação. E como estava muito baixo, porque a gente estava subindo, não deu para fazer muita coisa”, disse o piloto.

Ele acrescentou que tentou fazer um pouso de emergência. “Vi a área do recinto de exposição, que era onde tinha menos habitação e movimento de pessoas, e tentei chegar lá. Mas tinha árvore, tinha uma caixa d’água, e acabei tocando na árvore, que dificultou o pouso.”

Além de conversar com os jornalistas, Bezerra prestou depoimento para o delegado que apura o acidente. O policial foi até a Santa Casa nesta quinta apenas para ouvir o piloto.

fonte/G1
Enhanced by Zemanta

OS CARONEIROS DOS ARES




Que os aviões estão superlotados no Brasil já não chega a ser novidade para ninguém. As enormes filas nos guichês de check-in e a espera interminável para ultrapassar a máquina de Raio-X tiram a paciência de qualquer um que dependa do transporte áereo.

Na hora de entrar no avião, depois de esperar e esperar, ainda é preciso formar fila:

- Assentos das fileiras 1 a 15 do lado direito, das fileiras 16 a 31 do lado esquerdo, por favor - orienta o funcionário da companhia aérea, já sem vontade de responder perguntas de quem ficou em dúvida.

Fora das filas, os passageiros que pagaram tarifas mais caras, idosos, crianças, ou quem tem cartões de fidelidade da companhia, cartão de crédito de algum banco que tenha acordo com a companhia ou ainda os furões habituais.

Todos a bordo, sentados e com os cintos "afivelados", e a porta vai ser fechada. Calma, ainda não. É hora dos caroneiros. De repente o corredor do avião é tomado por 10 ou mesmo 20 funcionários da companhia aérea que desejam voltar para casa. Por algum detalhe de escala, o último voo daquela gente caiu naquele aeroporto. E é preciso encontrar lugar nos aviões para levar o pessoal para casa.

Só que o avião está lotado.

Às vezes no check-in o atendente avisa:

- Só tem lugar no meio, já acabaram corredores e janelas.

Sem opções você aceita. É preciso ir para casa. Encolhe bem os ombros, vai ao banheiro antes do embarque e reza para que o passageiro da janela não queira fazer xixi. Levantar naquele aperto é um desafio incômodo.

Aí os caroneiros entram no avião e "tchun", rapidamente ocupam aquele corredor que estava livre 5 segundos antes. Você pagou o bilhete e vai no meio. O co-piloto gordo risonho viaja grátis e dormindo no assento do corredor.

Os caroneiros encontram assentos mesmo em aviões lotados e com overbooking. Deve ser alguma mágica.

Caroneiro é uma praga quase tão ruim como amigo de comissário. Você está em um voo transatlântico. Pagou caro para um assento na classe executiva. Quer um pouco de tranquilidade, sossego. O dia seguinte será longo, você precisa descansar. Aí do seu lado tem um cidadão que, de cara, pede duas taças de champanhe, antes de o avião decolar. E segue a trilha etílica com vinho, vodka ou o que mais estiver à mão. A odisseia só é interrompida pelo discreto contato de um comissário, de vez em quando.

Sim, esse é o amigo do comissário. Comprou econômica, ganhou executiva pela amizade. Combinam sair para a balada no destino no dia seguinte. E você, ao lado, precisa passar 12 horas escutando conversa de bêbado. Sem dormir.

O avião perdeu o glamour. Os caroneiros ajudam a piorar sua viagem.

Na próxima vez, considere ficar em casa. Pode ser muito melhor.



Eduardo Tessler é jornalista e consultor de empresas de comunicação. Edita o blog
Mídia Mundo

fonte/foto/TerraMobileBrasil
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...