terça-feira, 22 de março de 2016

VOO JJ-3186 (FOZ DO IGUAÇU PARA GALEÃO) DA TAM NO DIA 18 DE MARÇO - (AERONAVE DANIFICADA)





fotos das superficies danificadas


 O Airbus A321-200 da TAM Linhas Aéreas, registro PT-XPI que realizou o voo JJ-3186 de Foz do Iguaçu, PR para o Rio de Janeiro Galeão, RJ (Brasil), apresentou  sérios danos na aeronave após um voo normal e um pouso seguro no Aeroporto Internacional do Galeão.
 

A inspeção pós voo revelou danos substanciais ao plano cauda exigindo a substituição do leme e reparos no estabilizador horizontal direito devido as placas de asfalto que chocaram-se nas superfícies durante a decolagem em Foz do Iguaçu.
 
Após 3 dias a aeronave continua em manutenção no Rio de Janeiro, após o leme ser removido para substituição.

 
Diversos pilotos já tinham relatado nos últimos dias antes da ocorrência que partes do asfalto estavam se soltando na pista de decolagem do aeroporto de Foz do Iguaçu.

NOTAM (após 2:30 da ocorrência):
K0474/16 - RWY 32 FST 100M CLSD DUE DETACHMENT OF ASPHALT LAYER. 18 MAR 20:42 2016 UNTIL 18 APR 23:59 2016. CREATED: 18 MAR 20:45 2016

fonte/foto/AvHerald

 

ATENTADO NO AEROPORTO DE BRUXELAS PROVOCA 13 MORTES E 45 FERIDOS

Aero Bruxelas blast01 800px

As duas explosões que se verificaram cerca das 08h15 locais desta terça-feira, dia 22 de março, na área de check-in do Aeroporto Internacional de Bruxelas/Zaventem, o principal da capital da Bélgica, provocaram 13 mortos e fizeram mais 35 feridos graves, além de importantes prejuízos materiais no edifício.

Cerca de uma hora mais tarde, verificou-se no centro de Bruxelas, na estação de metro de Maalbeck uma outra explosão numa carruagem repleta de passageiros que provocou mais 15 mortos e 60 feridos.
Uma manhã negra na capital belga, que se encontra praticamente paralisada devido aos atentados que, segundo fontes policiais, eram esperados e que justificavam o alerta máximo de segurança decretado na cidade, desde há quatro dias, quando foi preso em Molembeck, um dos principais responsáveis pelos atentados de 13 de novembro, na cidade de Paris, atribuídos e assumidos pelo auto-denominado Exército Islâmico e que provocaram 150 mortos.

O Procurador-Geral do Reino da Bélgica, figura que corresponde nas repúblicas às funções de Procurador-Geral de Justiça, anunciou, pelas 11h00 locais (10h00 UTC), que os rebentamentos foram provocados por atentados suicidas numa zona movimentada do Aeroporto e numa ocasião de grande circulação de passageiros e funcionários.

Imagens de câmaras de vigilância que estão ser transmitidas por cadeias televisivas mostram o momento que poderá ser do alegado terrorista a se fazer explodir entre os passageiros que circulavam na área afetada pelo atentado.

Toda a área edificada do aeroporto foi evacuada, com as pessoas a serem transferidas para os caminhos exteriores de acesso ou para zonas dos parques de estacionamento das aeronaves, onde a polícia as mantém sob vigilância.

Peritos policiais e investigadores criminais estão a trabalhar no local, procurando indícios que possam contribuir para o inquérito ao atentado, trabalho que decorre sob a supervisão da Polícia Federal.

Aeroporto fechado até às 06h00 de quarta-feira
O movimento no aeroporto, que é dotado de três pistas de serviço, está suspenso, bem como a circulação de aviões no espaço aéreo da Bélgica. As aeronaves comerciais que se dirigiam para capital belga divergiram para os aeroportos próximos, do Luxemburgo, da Holanda e da Alemanha.

Um anota do aeroporto de Bruxelas/Zaventem, também conhecido por Aeroporto Nacional, indica que a estrutura aeroportuária da capital belga irá manter-se encerrada até às 06h00 de quarta-feira, dia 23 de março. Não abrirá antes e até ao fim do dia de hoje, 22 de março, pode haver alguma indicação sobre um eventual adiamento do reinício das operações aeroportuárias.

Diversas companhias aéreas estão a permitir que os seus passageiros com viagens marcadas de e para ou com escala em Bruxelas, mudem as datas dos seus voos, sem despesas acrescidas. Os potenciais viajantes deverão contactar as suas companhias através dos respectivos websites.

fonte/foto/NewsAvia

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...