terça-feira, 30 de julho de 2013

FOTÓGRAFO REGISTRA DESTROÇOS DE AVIÕES ABANDONADOS PELO MUNDO

Destroço de aeronave encontrada no Canadá (Foto: Dietmar Eckell)Destroço de aeronave encontrada no Canadá (Foto: Dietmar Eckell)

O fotógrafo alemão Dietmar Eckell viajou nos últimos 2 anos para lugares remotos ao redor do mundo buscando destroços de aviões abandonados. Ao todo, 15 aeronaves foram registradas entre Estados Unidos, Canadá, África e Islândia, para o projeto 'Happy End', e são justamente os "finais felizes" que unem estes destroços encontrados por Dietmar.

Todos os aviões fotografados, apesar de estarem em lugares de difícil acesso, tiveram um pouso forçado sem nenhuma morte a bordo. Os pilotos, comissários e passageiros foram resgatados com vida dos locais onde os destroços se encontram atualmente.

Questionado sobre as dificuldades encontradas durante a execução do projeto, Dietmar minimiza a perda de US$ 10 mil em equipamento e uma perna quebrada, "apenas coisas normais que podem acontecer", disse em entrevista por e-mail ao G1.

"O trabalho 'Happy End' começou por acaso. Para documentar o mundo de cima, aprendi a pilotar um monomotor... Depois de um acidente no deserto de Mojave em que consegui pousar e ser resgatado apenas com uma fratura na perna, tive tempo durante a recuperação para pesquisar na internet outros acidentes sem fatalidades em lugares remotos", conta em trecho do livro.

A publicação do livro 'Happy End' foi financiada por doações via internet. O desenvolvimento do projeto e as histórias das aeronaves podem ser vistos na página do fotógrafo no Facebook.

Destroços de aeronave encontrada no Saara Ocidental (Foto: Dietmar Eckell)Destroços de aeronave encontrada no Saara Ocidental (Foto: Dietmar Eckell)
Aeronave encontrada nos Estados Unidos (Foto: Dietmar Eckell)Aeronave encontrada nos Estados Unidos (Foto: Dietmar Eckell)
Resto de avião encontrado no litoral do México (Foto: Dietmar Eckell)Resto de avião encontrado no litoral do México, próximo a Puerto Escondido (Foto: Dietmar Eckell)
Destroço de aeronave acidentada na Islândia (Foto: Dietmar Eckell)Destroço de aeronave acidentada na Islândia (Foto: Dietmar Eckell)
 
fonte/G1

COMEÇOU ONTEM (29) EAA - AIRVENTURE OSHKOSH 2013


TREINAMENTO DO NR.7 NA ÁREA VERMELHA DE PIRASSUNANGA, ESQUADRILHA DA FUMAÇA


SINDICATO COBRA TAM POR DEMISSÃO DE TRIPULANTES

SÃO PAULO - Os rumores de que a companhia aérea TAM planeja uma demissão em massa de pilotos e comissários levaram o Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA), entidade que representa a categoria, a cobrar explicações da empresa. O SNA se reunirá com a diretoria de recursos humanos da TAM na manhã da terça-feira, 30, em São Paulo. Segundo o sindicato, 290 tripulantes foram demitidos pela empresa ao longo do ano.

A TAM tem sinalizado que terá de reduzir o quadro de tripulantes em função de uma readequação da malha. Amanhã queremos uma posição oficial da empresa. Queremos saber se vai demitir ou não, quantas pessoas e em que condições?, disse o presidente do sindicato, Marcelo Ceriotti. Circulam no mercado informações de que a companhia prepara um plano de demissão e novos cortes de oferta de voos, em função da deterioração do cenário econômico provocada pela alta do dólar e queda na demanda por passagens, disseram cinco fontes do setor. 

O clima de tensão na empresa se agravou no domingo, 28, quando a TAM divulgou a escala dos tripulantes para o mês de agosto. Alguns pilotos contratados mais recentemente ficaram de sobreaviso, sem detalhes sobre sua escala de voos, disse uma pessoa ligada à empresa. O temor se justifica porque a convenção coletiva da categoria determina que os pilotos em processo de admissão ou recém-contratados são os segundos na lista de cortes em caso de redução de quadro. À frente deles estão apenas os funcionários que quiserem deixar a empresa voluntariamente.

Desde o dia 1º de junho, o sindicato convocou cinco reuniões com a diretoria de recursos humanos da TAM para tratar de demissões. Segundo Ceriotti, a empresa cortou 290 pilotos e comissários neste ano. A empresa tem dito que eles não se enquadravam na função e a rotatividade é normal. Mas achamos que é o início de um plano de redução de quadro. Eles não recontrataram?, disse o presidente do sindicato. Agora existe um rumor forte de nova demissão em massa. Queremos uma posição oficial da TAM sobre isso." Procurada pela reportagem, a TAM não comentou a questão.

Crise
As líderes do setor aéreo brasileiro adotaram desde o ano passado uma postura conservadora, que prevê corte de voos não rentáveis, revisão de planos de expansão de frota e enxugamento da equipe, após anos de crescimento acelerado. A estratégia pretende reverter os prejuízos bilionários acumulados diante de uma demanda mais fraca e custos mais altos, especialmente do combustível.

As empresas tiveram que reduzir sua oferta para melhorar a rentabilidade. A proposta é voar com o avião lotado e conseguir elevar os preços, disse o consultor em aviação, Nelson Riet. ?Se tem menos voos, sobra piloto e comissário. Gol e TAM chegaram ao fim do ano passado com um volume de passagens à venda para voos domésticos 9,52% e 3,7% inferior à oferta em dezembro de 2011, respectivamente, segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Os cortes continuaram na TAM no primeiro semestre - em junho, a oferta caiu 10,73% ante o mesmo mês de 2012, acima da projeção da empresa para o ano. Em relatório a investidores em maio, a Latam Airlines, empresa criada após a fusão da TAM com a chilena LAN, projeta uma redução entre 5% e 7% na capacidade da TAM no mercado doméstico. A concorrente Gol anunciou no fim de junho que eliminará 200 voos a partir de agosto. A empresa disse, no entanto, que o corte não implicará demissões. (Colaborou Filipe Serrano). As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

fonte/Estadao

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...