segunda-feira, 2 de abril de 2012

GOL DEMITE 131 PILOTOS E COMISSÁRIOS

O Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) informou nesta segunda-feira, por meio de nota, que a VRG/Gol comunicou à entidade a demissão de 86 pilotos e 45 comissários. Segundo o comunicado, todos os funcionários estavam em fase de admissão ou de treinamento. 
 
A Gol confirma as demissões.Segundo o sindicato, a empresa diz que, diante dos desligamentos, dá por encerrado o processo de redução da força de trabalho. Somando as 46 adesões à licença não remunerada e os 28 pedidos voluntários de desligamento nas últimas semanas, o quadro da empresa está sendo reduzido em 205 pessoas.
 
Em nota, a Gol informou que "para adequar-se à nova realidade do mercado, manter seu plano de negócios disciplinado e a sustentabilidade de sua operação" realizou a redução de cerca de 80 voos, de um total aproximadamente 900 operados diariamente.A companhia informou ainda que não deixará de atender nenhum dos 63 destinos nacionais e 13 internacionais que compõem a malha. Segundo a empresa, haverá uma uma redução de frequências nos voos e a oferta de assentos prevista para 2012 será mantida.

Programa de demissão voluntária
Segundo o sindicato, as demissões têm relação com um programa de demissão voluntária aberto na semana passada pela empresa. A companhia aérea abriu inscrições para que seus tripulantes participassem do programa até dia 29. 

Em nota, a empresa havia afirmado que "para garantir a manutenção de um quadro de colaboradores condizente com suas necessidades operacionais em um período de baixa demanda, abriu inscrições, (...) para que tripulantes manifestem, até o dia 29, a eventual intenção de serem desligados da empresa".Na semana anterior, o sindicato afirmou também que VRG/Gol informou que manteria o plano de saúde dos trabalhadores por período proporcional ao tempo de empresa. Segundo o SNA, a companhia afirmou que pagaria todas as verbas rescisórias dos trabalhadores que desejassem sair, como férias e 13º salário proporcional.Na nota, o sidicato disse ainda que "alertou mais uma vez para a VRG/Gol a importância do planejamento criterioso dos Recursos Humanos, para que não se repita o que aconteceu no passado recente, quando a companhia promoveu demissões de um grande número de aeronautas e, seis meses depois, teve de preencher novamente as vagas". A companhia opera cerca de 900 voos por dia para 63 destinos nacionais e 13 internacionais.

Corte nos voos
Além disso, na semana passada, a empresa também informou a necessidade de reduzir de 80 a 100 voos diários entre março e abril. A companhia registrou um prejuízo líquido de R$ 710,4 milhões em 2011, depois de apresentar lucro de R$ 214,2 milhões no ano anterior.

A redução será na proporção de 80% para voos da Gol e 20% de voos da Webjet e será em viagens noturnas e não implicará na descontinuidade de nenhuma rota. Os voos que serão retirados da malha representam cerca de 8% dos voos diários, visto que a companhia, incluindo a Webjet, realizou entre 1.100 e 1.150 voos por dia entre janeiro e fevereiro.

Prejuízo
Segundo balanço da companhia, o resultado negativo foi provocado pelo impacto da depreciação do real ante o dólar (de 12,6%), pelo aumento de 23,2% no custo do querosene de aviação, e por despesas pontuais como a devolução de aeronaves, multas com rescisão de contratos e depreciação de ativos da Varig e Webjet.

A empresa encerrou o quarto trimestre com lucro líquido de R$ 54,3 milhões, queda de 58,9% sobre o resultado apurado um ano antes. No trimestre, a Gol apurou uma geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação, amortização e aluguel de aeronaves de R$ 238,9 milhões, queda ante os R$ 475 milhões registrados no quarto trimestre de 2010.

fonte/Reuters/Terra

VÍDEO - VISITE O AIRBUS A380

VÍDEO - APROXIMAÇÃO BRUTAL DO C-17


AVIÃO COM 42 PASSAGEIROS CAI NA RÚSSIA APÓS DECOLAR



Um avião ATR-72-200 da companhia Utair, registro VP-VYZ, realizando o voo UT-120, caiu próximo da cidade de Tyumen, na região da Sibéria (Rússia), no fim da noite deste domingo. Fontes não oficiais, ouvidas pela agência RT, dizem que boa parte das 43 pessoas a bordo morreram, sendo ao todo 39 passageiros (entre eles crianças) e 4 membros da tripulação. 

O último levantamento divulgado pelas autoridades russas diz que 32 corpos já foram resgatados e a estimativa é que haja doze sobreviventes, ainda gravemente feridos. O modelo ATR-72 é um bimotor de origem francesa, que pode transportar cerca de 74 pessoas. 

A aeronove caiu nas proximidades da cidade de Tyumen, pouco depois de partir do aeroporto local com destino a Surgut. A torre perdeu contato com o piloto pouco depois da decolagem. Não se sabe ainda o que causou a queda. 

"Após cair o avião explodiu e ficou em chamas. Os feridos foram retirados de helicóptero", disse o porta-voz do Departamento de Emergências de Tiumen, Vadim Grebennikov, que não disponibilizou outras informações. 

Aproximadamente 200 pessoas de equipes de resgate já estão na área do acidente e um avião com psicólogos já partiu de Moscou para auxiliar. 


Metars:
USTR 020300Z 24006G09MPS 9999 BKN010CB 00/M00 Q1004 TEMPO 26015MPS 1500 SHSN BLSN BKN005 RMK QFE743/0991 21290060 30750029
USTR 020230Z 24006G09MPS 9999 BKN010CB M00/M01 Q1003 TEMPO 26015MPS 1500 SHSN BLSN BKN005 RMK QFE743/0991 21290060 30750029
USTR 020200Z 24007MPS 9999 SCT013CB M01/M01 Q1003 TEMPO 26015MPS 1500 SHSN BLSN BKN005 RMK QFE742/0990 21290060 30750029
USTR 020130Z 24006G09MPS 9999 BKN013CB M01/M01 Q1002 TEMPO 26015MPS 1500 SHSN BLSN BKN005 RMK QFE742/0989 21290060 30750029
USTR 020100Z 25007MPS 9999 BKN013CB M00/M01 Q1001 TEMPO 26015MPS 1500 SHSN BKN005 RMK QFE741/0988 21290060 30750029
USTR 020030Z 26007MPS 8000 -SHSN BKN015CB OVC070 00/M00 Q1000 TEMPO 26015MPS 1500 SHSNRA BKN005 RMK QFE741/0988 21290060 30750029
USTR 020000Z 27006G09MPS 9999 BKN015CB OVC070 00/00 Q0999 TEMPO 26015MPS 1500 SHSNRA BKN005 RMK QFE740/0987 21290060 30750029
USTR 012330Z 27006G09MPS 9999 BKN015CB OVC070 00/00 Q0998 TEMPO 26015MPS 0500 +SHSNRA VV003 RMK QFE739/0986 21550255 30750029
USTR 012300Z 27007G10MPS 8000 -SHSNRA BKN009CB OVC070 00/00 Q0997 TEMPO 26015MPS 0500 +SHSNRA VV003 RMK QFE738/0984 03550255 30750029 


fonte/AvHerald/EFE/Terra/foto/AgInternacionais
Enhanced by Zemanta

HELICÓPTEROS DO BRASILEIROS QUE RESGATARÃO REFÉNS CHEGAM À COLÔMBIA

Os dois helicópteros brasileiros que vão participar da libertação de dez reféns das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) chegaram neste domingo ao aeroporto de Villavicencio (110 km ao sul de Bogotá), na Colômbia. 

As aeronaves modelo Cougar 532UE cedidas pelo governo brasileiro para a operação decolaram pouco antes das 12h de São Gabriel da Cachoeira, no estado do Amazonas, próximo à fronteira com a Colômbia, revelou uma fonte do CICV (Comitê Internacional da Cruz Vermelha), organização que participa da operação. 

A líder do grupo CCP (Colombianos e Colombianas pela Paz), Piedad Córdoba, que atua como mediadora e colabora na operação, havia explicado previamente que a entrega dos reféns será feita em dois períodos, amanhã e na quarta-feira. 

Os sequestrados que a guerrilha colombiana se comprometeu em libertar são os militares Luis Alfonso Beltrán Franco, Luis Arturo Arcia, Robinson Salcedo Guarín e Luis Alfredo Moreno Chagüeza. 

Como eles, também deverão readquirir a liberdade os policiais Carlos José Duarte, César Augusto Lasso Monsalve, Jorge Trujillo Solarte, Jorge Humberto Romero, José Libardo Forero e Wilson Rojas Medina, todos sequestrados entre 1998 e 1999. 

O Brasil, que participou em outras três ocasiões em operações desta índole, forneceu dois helicópteros e as tripulações --oficiais e soldados do Exército. 

fonte/FolhaSP
Enhanced by Zemanta

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...