sexta-feira, 18 de março de 2011

IBAMA APREENDE AVIÃO SEM LICENÇA


Pela primeira vez, agentes do escritório regional do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e de Recursos Naturais Renováveis (Ibama), nesta cidade, no Centro-Sul, apreenderam aeronave que fazia aplicação de herbicida em áreas de pastagens sem licença ambiental e sem respeitar as normas do Ministério da Agricultura. Há relatos de que o produto químico usado matou plantio de feijão e de bananeiras em vários sítios neste Município. Segundo Fábio Bandeira, gerente regional do Ibama, a empresa responsável pela contratação da aeronave, monomotor, de prefixo PT UVU, a Plantec Tecnologia Agrícola, de Limoeiro do Norte, foi notificada para apresentar documentação de comercialização legal dos herbicidas. 
 
O avião está registrado em nome da empresa Tomé Aviação Agrícola, da cidade de Porecatu, no Paraná, que foi multada em R$ 100 mil. O avião foi apreendido, mas liberado porque a empresa ficou como depositária fiel, e não havia lugar adequado e seguro para a guarda da aeronave sob a responsabilidade do Ibama. "A aplicação do herbicida tem de respeitar um limite de pelo menos 500 metros de residências, mas isso não estava ocorrendo", disse Bandeira.
 
"Recebemos denúncias de pequenos agricultores na região que tiveram parte do plantio de feijão e de bananeiras queimado pelo produto utilizado para eliminar o mato", completou. As unidades agrícolas nesta região são formadas por minifúndios e, em algumas áreas, há propriedades mais extensas. Entretanto, não se comparam com as enormes terras de plantio de grãos e pastagens localizadas em outras regiões do Brasil. Foram identificados oito proprietários responsáveis pela contratação do serviço, que também devem responder por prática de crime ambiental. 
 
O Ibama começa na próxima semana um levantamento do plantio atingido pelo herbicida. A empresa comprometeu-se a indenizar os agricultores que sofreram danos com o ato ilegal. A aeronave iniciou o serviço de pulverização das áreas agrícolas de pastagem no sábado de Carnaval e despertou a atenção dos moradores da zona rural pela cor verde e por dar constantes sobrevoos em baixa altitude. 
 
Nos últimos anos, a ampliação de áreas de capineira para alimentar o rebanho bovino favoreceu a contratação por um grupo de produtores locais do avião. O uso indiscriminado de agrotóxicos é tema constante de debate na região, mas a falta de fiscalização e conscientização dos produtores rurais faz com que a prática irregular de pulverização permaneça no período invernoso. 
 
fonte/foto/DiarioDoNordeste
Enhanced by Zemanta

AÇÕES DA TAM RECUAM APÓS DECISAÃO DE TRIBUNAL CHILENO

As ações da TAM operavam em queda de mais de 1% nesta sexta-feira depois que o tribunal de defesa da concorrência do Chile decidiu no final da quinta-feira analisar o plano de fusão da companhia com a LAN, processo que deve levar de seis a nove meses para ser concluído. Às 10h42 (de Brasília), as ações da TAM ampliavam perdas para 2,15%, a R$ 32,36, enquanto o Ibovespa subia 1,18% e a rival Gol avançava 1,71%. Em Santiago, as ações da LAN mostravam queda de 0,88%. 

A decisão do Tribunal de Defesa da Livre Concorrência acontece após a mesma instância ter suspendido o processo de fusão das companhias, que ocorreu quando uma associação de consumidores no Chile, a Conadecus, apresentou no final de fevereiro uma consulta ao tribunal. TAM e LAN anunciaram em agosto passado um acordo de troca de ações para criação da Latam Airlines, maior companhia aérea da América Latina. 

No Brasil, a operação recebeu o sinal verde da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), mas ainda precisa passar pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Além da decisão chilena, a Agência Nacional de Aviação Civil divulgou na véspera que a Gol ultrapassou a TAM por uma pequena margem em fevereiro em participação no mercado doméstico de aviação. A Gol encerrou fevereiro com fatia de 39,77% e a TAM, com 39,59%, marcando a primeira vez em que a empresa criada em 2001 consegue superar a rival. 

fonte/Reuters/Terra
Enhanced by Zemanta

quinta-feira, 17 de março de 2011

O QUE OS PILOTOS NÃO FALAM

33. Um avião queima combustível para carregar combustível. Por isso um capitão de uma grande companhia aérea dos EUA reclamou que sofre constante pressão para levar menos combustível do que se sente confortável em ter nos tanques. Ele reclamou que voa com o combustível exato e as vezes encontra um atraso ou uma tempestade e é obrigado a pousar em um aeroporto alternativo.

32. Segundo um co-piloto a companhia aérea as vezes não dá intervalo para refeições e a tripulação é obrigada a atrasar voos para poder comer.

31. Um capitão da American Airlines afirmou que comunica aos passageiros apenas o que eles precisam saber, portanto vocês nunca vão ouvir “Senhoras e senhores, acabamos de perder uma turbina” para não fazer todos se borrarem de medo.

30. Um capitão da US Airwais afirmou que algumas regras realmente não fazem sentido para ele. Quando você está a 39 mil pés de altura a uma velocidade 600 km/h os comissários de bordo podem servir café quente e refrigerante, andando para lá e para cá. Mas quando você está sobre o asfalto a 10 km/h tem que ficar com o cinto afivelado, como se estivesse na Fórmula 1.

29. “Eu posso estar uniformizado mas isto não significa que eu sou a melhor pessoa para dar informações em um aeroporto. Nós passamos por tantos aeroportos que normalmente não fazemos a menor idéia.” Afirmou um piloto.

28. Na maioria das vezes a qualidade da aterrissagem é um indicador da habilidade do piloto. Portanto se quiser dizer algo agradável para ele, ao sair da aeronave fale “Excelente aterrissagem”.

27. As companhias aéreas ajustaram o horário das suas aterrissagens para terem um histórico melhor de pontualidade. Portanto quando você pega um voo que pensa que durará 2 horas de acordo com o bilhete ele possívelmente levará 1h45min.

26. Um advogado de uma linha aérea e piloto aposentado afirmou que é comum o piloto ligar a luz alertando aos passageiros para afivelarem os cintos. Mas se ele mandar os comissários se sentarem fique atento. Isto significa que vem turbulência pesada pela frente.

25. Segundo um piloto este negócio de aterrissagem na água não existe. Chama-se colidir no mar.

24. Quando um avião voa e atinge uma grande corrente ascendente, invisível ao radar durante a noite, é como atingir uma lombada em alta velocidade: joga tudo para o ar e depois ao chão com violência. Isto não é o mesmo que turbulência, segundo o analista de segurança aérea e capitão aposentado John Nance.

23. Viajar com o bebê no colo é extremamente perigoso. Qualquer impacto ou desaceleração possivelmente fará com que você perca a criança das mãos e ela se torna um projétil. Mas se você é obrigado a comprar um assento caro para seu filho é porque dirige um carro, já que a chance de acidente é maior dirigindo que que voando.

22. É absurdo tanta gente ter medo de turbulência. Os pilotos a evitam não por medo da asa cair, mas porque ela é irritante. É impossível turbulência causar uma queda.

21. Um piloto de uma companhia regional disse que as aeronaves que pilotava foram atingidas duas vezes por relâmpagos e afirma que a maioria dos pilotos já passaram por isso. Mas os aviões são construídos para aguentarem. “Você ouve um grande bum e vê um grande flash e acabou. Você não vai cair do céu.

20. Segundo um capitão de uma grande companhia ninguém sequer considera andar de carro a 100 km/h sem o cinto afivelado. Mas quando o avião corta o ar a 800 km/h ele apaga a luz de afivelamento do cinto e você o retira. Se o avião atinge um pequeno bolsão de ar a sua cabeça bate no teto.

19. Quando for reclinar seu assento “pelo amor de Deus” verifique atrás de você primeiro. Muitos notebooks quebram todo ano por que um passageiro decidiu tirar uma soneca e desce o encosto com força total sem preocupação com o que há por detrás de si.

18. Não existe assento mais seguro para escolher dentro de uma aeronave. Mas a área mais suave durante o voo é comumente a asa ou próximo dela. A área mais instável é a traseira, pois o avião é como uma gangorra. Se você estiver no meio não se move tanto.

17. Um dos pilotos aconselha que, caso não goste muito de voar, compre uma passagem aérea para os voos matinais. Segundo ele o aquecimento da superfície durante o dia torna o ar mais agitado e é muito mais provável pegar uma tempestade durante a tarde.

16. “Não fazemos você guardar seu laptop por estarmos preocupados com interferência eletrônica. É para evitar você ter um projétil no seu colo.” Ninguém quer ser acertado por um MacBook zunindo a 300 km/h.

15. “As pessoas não entendem porque não podem usar seus celulares. Bem, o que acontece é que 12 pessoas decidem ligar para alguém logo antes da aterrissagem e eu posso ter uma leitura falsa nos meus instrumentos que dizem que estamos mais altos do que realmente estamos.”

14. “Não queremos acabar com a sua diversão fazendo você tirar os fones de ouvido. Apenas queremos que você possa nos ouvir em caso de emergência.”

13. “Nós pedimos para você abrir a janela para que os comissários possam ver lá fora em caso de emergência e escolher qual é o melhor lado para uma evacuação. Também permite que a luz entre na cabine caso fiquemos no escuro, ajudando os passageiros a se orientarem caso o avião role ou gire.”

12. “Está com frio no avião? Avise o comissário de bordo. Estamos em uma batalha constante com eles com a temperatura. Eles se mexem o tempo todo pelos corredores, portanto sempre estão ligando dizendo ‘aumente o ar’. Mas a maioria dos passageiros que conheço está congelando.” Afirmou um capitão.

11. “Sempre falo para os meus filhos voarem com calçados resistentes. Se você tem que evacuar a aeronave e seus chinelos caem você ficará descanço no asfalto quente ou no mato.”

10. “A maioria das pessoas que adoece logo após voar geralmente não fica assim por causa do ar que respira, mas por causa do que tocam. Sempre assuma que o botão para reclinar o banco ou a bandeja não foram limpas.”

9. Um piloto afirmou que caso você se preocupe em respirar o ar mais fresco, sente-se na frente, já que o fluxo de ar nas aeronaves é da frente para o fundo. No fundo geralmente é mais quente também, segundo ele.

8. “Se os pilotos dormem lá [no cockpit]? Certamente. Algumas vezes é só um cochilo de dez minutos, mas acontece.”

7. “Há pessoas que tendem a pensar que o avião voa sozinho. Confie em mim, não é verdade. Ele pode voar sozinho em alguns momentos. Mas você está sempre com as mãos no controle esperando para ele estragar tudo. E ele estraga.”

6. “Uma vez eu voei no assento sobressalente de um cargueiro 747, que não leva passageiros. Assim que as portas fecharam o co-piloto foi para os fundos e colocou um roupão e chinelos. Sem brincadeira. Ele disse ‘Eu não vou usar uma gravata para um monte de caixas’”.

5. “Aliás, não usamos nossos chapéus no cockpit. Na TV você sempre vê estes pilotos com seus caps na cabeça e eles usam os headsets sobre o chapéu e isso sempre nos faz rir.”

4. “Aqui vai a verdade sobre os empregos em companhias aéreas: Você não ganha tanta folga quanto seus vizinhos pensam, você não ganha tanto dinheiro quanto seus parentes pensam e você não tem tantas namoradas quanto sua esposa pensa. Mas eu ainda não acredito que eles me pagam para fazer isso.” Disse um piloto comercial.

COISAS QUE OS PILOTOS NUNCA VÃO TE FALAR

3. “Estamos indo em direção a uma tempestade com relâmpagos.” O que eles dirão em vez disso: “Parece que teremos um tempo revolto [ou 'chuva'] a frente.”

2. “Um de nossos motores falhou”. O que eles falam ao invés disso: “Um de nossos motores está indicando estar inadequado”. É mais provável que não digam nada e você nunca saberá. A maioria dos aviões vai bem com uma turbina parada.

1. “Pessoal, a visibilidade é zero”. O que eles falam ao invés disso: “Parece que há alguma neblina no aeroporto de Brasília”.
 
fonte/RevistaSeleções/DiretoDoCockpit

CÃO PINPOO É ENCONTRADO APÓS 14 DIAS DEPOIS DE DESAPARECER NO AEROPORTO SALGADO FILHO

O drama de Nair Flores, 64 anos, chegou ao fim na noite de quarta-feira. Quatorze dias depois do desaparecimento do seu cão de um hangar do Aeroporto Internacional Salgado Filho, a aposentada reencontrou Pinpoo às 22h30min, em Porto Alegre.

Quando três PMs do Batalhão de Aviação da Brigada Militar (BM), que fica dentro do aeroporto, entraram com Pinpoo na residência de Nair, no bairro Passo da Areia, zona norte da Capital, o cão se soltou dos braços deles, correu e pulou em direção à dona, numa cena que comoveu os militares.


Sargento Ribas ao entregar Pinpoo para a dona (Foto: Ronaldo Bernardi)
Muito emocionada, Nair começou a conversar com seu animal de estimação, sumido desde o dia 2, quando fugiu da caixa de transporte onde estava acomodado para tomar um avião da empresa Gol rumo ao Espírito Santo, onde encontraria a sua dona. Ao avistá-lo, Nair repetia várias vezes:

— Não fui eu que te abandonei. Não parei de te procurar um só dia.

Os autores do resgate sorriam, felizes com o que consideraram uma das suas ações mais importantes, dado o sofrimento da mulher, um drama acompanhado, via imprensa e internet, por todo o Brasil. Uma das primeiras atitudes de Nair foi dar um banho com spray d’ água em Pinpoo em cima de uma cadeira da sala. O objetivo era refrescá-lo.


Cão foi achado pelos PMs Menezes (E), Ribas (C) e Maurício (Foto: Ronaldo Bernardi)

Animada, agradecia aos PMs, o sargento Paulo Ribas, 53 anos (30 de BM), o soldado Mateus Menezes, 30 anos (nove de BM), e o soldado Maurício da Silva, 38 anos (17 de BM).

Pinpoo, que provocou uma rede de solidariedade formada via comunidades sociais da internet, apresenta alguns machucados nas pernas traseiras, que estão lanhadas. O pelo estava sujo quando o animal foi localizado, com carrapato e pulgas, conforme constataram os policiais. Nair acredita que o cachorro perdeu alguns quilos. Hoje, vai levá-lo a um veterinário.

Cachorro foi atraído com frango assado:
Desde segunda-feira, o cão felpudo, de pelo amarelado, sujo e magro, aproximava-se, no horário de almoço, do Batalhão de Aviação da Brigada Militar (ex-Grupamento Aéreo, GPMA), localizado dentro da área do Aeroporto Salgado Filho, nas proximidades do Bourbon, na Avenida Sertório.

O cão provavelmente era atraído pelo cheiro da comida, acreditam os militares. Os policiais passaram, então, a observar diariamente a movimentação do animal, desconfiando tratar-se do cão procurado.


Cachorro viajaria para o Espírito Santo com a dona (Foto: Arquivo pessoal)
O sargento Ribas e os soldados Menezes e Maurício se engajaram na busca porque vinham acompanhando o caso desde que a proprietário revelou o seu drama à imprensa. Resgatar o cão se tornou uma missão para os três.

— Eu e minha mulher estávamos comovidos com a história, por isso fiz de tudo para resgatá-lo. Temos dois cachorros que também tratamos como filhos —  afirmou Ribas.

Pinpoo se aproximava do hangar da BM, mas era difícil pegá-lo, pois estava assustado e arisco. O som constante das sirenes de veículos e o luminoso das viaturas que faziam buscas ao cão contribuíam para assustá-lo ainda mais. Mesmo com fome, ele então retornava ao matagal (formado basicamente com maricás) e ao lago nas proximidades da área.

Os policiais concluíram que, para capturar o cachorro, era preciso um estratagema com alimentos. Fizeram um rastro de ração por três dias. Não deu certo, já que Pinpoo não é alimentado com ração. Mudaram de plano e, ontem, passaram a usar pedaços de frango assado, parte do cardápio dos soldados.

No início da noite de ontem, o cão começou a se aproximar das instalações do batalhão. Chegou devagarinho e entrou na sala onde havia a maior porção de carne. A porta então foi fechada — e a operação estava, assim, quase concluída. Faltava uma prova, que veio com um chamado do sargento Ribas: o cão atendeu imediatamente à pronúncia da palavra Pinpoo.

Dona Nair poderia reencontrar seu companheiro, regozijaram-se os três PMs. A mulher de Ribas, avisada em casa pelo marido eufórico, telefonou para Nair Flores (o telefone da dono do cão corria de mão em mão dos militares) e avisou que os militares iriam ainda ontem à casa dela com a boa nova.

No Opala particular do sargento, um veículo anos 80, o cão foi conduzido de volta para casa. No trajeto, foi no colo do soldado Menezes, que o agarrava como se tivesse em poder uma criança. Menezes não queria ver o cão fugir de novo. Ao sentir a sensação de missão cumprida, o sargento Ribas chorou — e voltou para seu plantão no batalhão do aeroporto.
 

fonte/foto/ZeroHora


Enhanced by Zemanta

GOL ASSUME LIDERANÇA NO MERCADO DOMÉSTICO PELA PRIMEIRA VEZ


A Gol/Varig assumiu pela primeira vez a liderança do mercado doméstico no setor aéreo, com 39,77% de participação do mercado em fevereiro, contra 39,59% do Grupo TAM (TAM e a Pantanal), segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) divulgados nesta quinta-feira.

As demais empresas ampliaram sua participação de mercado no mês passado e passaram a representar 20,64% do mercado doméstico. A Azul tem 7,96% de participação, a Webjet, 5,89%, a Trip aparece com 2,77% e a Avianca tem 2,58%.

O volume de passageiros transportados no mercado aéreo doméstico brasileiro em fevereiro de 2011 aumentou 9,34% em relação ao mesmo mês do ano passado. No mesmo período, a oferta cresceu 13,31%. A tendência de crescimento do mercado aéreo brasileiro se manteve, mas a taxa de ocupação diminuiu em relação a fevereiro de 2010: de 70,96% para 68,48%.

O mercado de voos internacionais operados por empresas brasileiras também apresentou crescimento em relação a fevereiro de 2010. A oferta aumentou 13,28% e a demanda, 12,19%. A taxa de ocupação nas rotas internacionais passou de 75,35% para 74,62%.

Em nota divulgada na tarde desta quinta-feira, a Gol informa que registrou crescimento de 4,4% em sua demanda sobre o mesmo período de 2010. O desempenho, de acordo com a empresa, tem sido puxado pela "estabilidade da economia brasileira e o fortalecimento da nova classe média brasileira, que já representa cerca de 47% dos clientes da companhia".

— Essa realização nos mostra que estamos no caminho certo e que nosso modelo de negócios é o mais adequado à realidade do Brasil. Fomos a primeira companhia aérea a popularizar o transporte aéreo no País em larga escala e mantemos o compromisso de oferecer tarifas competitivas com o objetivo de estimular a demanda — destacou o presidente da companhia, Constantino de Oliveira Junior.

fonte/ZeroHora
Enhanced by Zemanta

JUSTIÇA FRANCESA ACUSA AIRBUS DE HOMICÍDIO CULPOSO NO ACIDENTE DO AIR FRANCE VOO 447

Air France Airbus A330-200 F-GZCH departing To...Image via Wikipedia
A Justiça francesa acusou nesta quinta-feira a fabricante de avisões Airbus de homicídio culposo no caso do acidente com o voo 447 da companhia Air France. A aeronave com 228 pessoas a bordo caiu em 1º de junho de 2009 no Oceano Atlântico, quando fazia viagem do Rio de Janeiro a Paris. Não houve sobreviventes.

O presidente de Airbus, Tom Enders, confirmou o processo e mostrou descontentamento com a decisão do juiz. Para ele, há "ausência de fatos que sustentem a acusação".

"A Airbus sustenta que o objetivo deveria ser encontrar a causa desse acidente e assegurar que nunca ocorra novamente", disse. Enders também reiterou que a Airbus "continuará apoiando as investigações, inclusive a busca das caixas-pretas, que é a única maneira segura de conhecer a verdade". Ele se referiu à nova campanha - a quarta - dirigida pelo organismo governamental francês encarregado de acidentes aéreos, o BEA, que deve ser iniciada no próximo dia 20, para localizar tanto as caixas-pretas quanto os restos do avião.

Air France
O juiz instrutor convocou para esta sexta-feira a Air France, que deverá estar representada por seu diretor-geral, Pierre-Henri Gourgeon. A companhia também pode ser denunciada por responsabilidades na queda da aeronave.

O BEA constatou que as sondas Pitot, para medir a velocidade da aeronave, falharam, mas que elas por si sós não puderiam causar a tragédia.

Vítimas
Jean-Claude Giudicelli, um dos advogados das famílias das vítimas, afirmou que "não há nenhuma dúvida sobre a responsabilidade coletiva da Air France e da Airbus". Segundo ele, "há provas arrasadoras" disso.
Entre elas, Giudicelli destacou que o sistema que comunica os erros técnicos ao computador de bordo do avião indicou, durante a queda, que as sondas Pitot não funcionavam e que, portanto, os pilotos não podiam controlar a velocidade de voo. A Air France substituiu esse tipo de sondas em todos seus aviões após o acidente de 2009.

O Airbus A330 da Air France levava 216 passageiros e 12 tripulantes, entre eles, 72 franceses e 58 brasileiros. Apenas 50 corpos foram encontrados durante as buscas.

fonte/AFP/EFE/Terra
Enhanced by Zemanta

QUEDA DE AVIÃO MATA CINCO NA CALIFÓRNIA


Destroços de avião bimotor Beechcraft King Air que caiu, explodiu e incendiou-se nesta quarta-feira (16) logo após a decolagem em Long Beach, na Califórnia. 

Cinco pessoas morreram e uma ficou gravemente ferida, segundo as autoridades. 

O acidente ocorreu às 10h30 locais, segundo Mario Rodriguez, diretor do aeroporto. A identidade das vítimas não foi divulgada, e não se sabe o que provocou o acidente.
 
fonte/foto/AP/G1
Enhanced by Zemanta

quarta-feira, 16 de março de 2011

REKKOF ANUNCIA INVESTIMENTOS DE R$ 1,2 BILHÃO EM GOIÁS

A empresa holandesa Rekkof anunciou investimentos de R$ 1,23 bilhão em Goiás, no município de Anápolis. A expectativa é de que sejam gerados 1,8 mil empregos diretos e 5,6 mil indiretos. 
 
O anúncio foi feito nesta terça-feira (15/3) durante almoço no Palácio das Esmeraldas, que contou com a presença do presidente mundial da empresa, Jaap Jacobson e do governador Marconi Perillo, ocasião em que foi assinado protocolo de intenções. A Rekkof é especializada na produção de aeronaves de pequeno, médio e grande portes.

A previsão é de que o processo de construção da empresa tenha duas fases: a primeira, destinada à produção de peças e, a segunda, à fabricação de aviões.

O presidente da Rekkof no Brasil, Paulo Almada, explicou que o grupo fez uma ampla pesquisa de mercado e optou pelo Estado porque Goiás oferece segurança à empresa e também pela forma séria e clara como o Estado é administrado. "Cremos e acreditamos em Goiás", enfatizou Almada, ao ressaltar que tudo aquilo que a Rekkof buscou no Brasil para se expandir encontrou em Goiás.
 
fonte/foto/MaisGoiás









Enhanced by Zemanta

AERONAVE AGRÍCOLA DESAFIA LEGISLAÇÃO

Durante a tarde de domingo, uma aeronave agrícola fazendo manobras no centro da cidade (Campo Mourão), deixou os mourãoenses apreensivos. Desviando de barreiras como prédios e árvores o piloto ainda não identificado passou cerca de 30 minutos fazendo manobras arriscadas.
 
Quem morava em prédios na região chegou a descrever para a reportagem da TRIBUNA características físicas do piloto, para se ter uma ideia da pequena distancia entre eles e o avião.
 
Um homem de aproximadamente 50 anos, usando um boné preto. Essa foi a imagem que um adolescente que assistia as manobras da janela de sua casa guardou. Preferindo não se identificar, ele contou que em alguns momentos ele lembrava do 11 de setembro de 2001, quando dois aviões sequestrados derrubaram as torres gêmeas nos Estados Unidos.
 
“É claro que não é tão dramático, mas eu imagino que quem via o avião se aproximar há 10 anos pensava o mesmo que eu”, conta.Com as manobras arriscadas, a população que vive na área central temia o pior. Medo que não é sem sentido, de acordo com os dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), somente em 2010, foram registrados 11 acidentes envolvendo aeronaves agrícolas. Embora sem vítimas, a maioria deles foi por perda de controle durante o voo.
 
A aeronave não pertencia à empresa que faz aplicações de defensivos em Campo Mourão e segundo os registros do Aeroporto Municipal Geraldo Guias de Aquino, não decolou de lá. Para obter a permissão de operar no espaço aéreo é preciso ter um piloto habilitado e registro na Anac e no Ministério da Agricultura, além de informar à Secretaria de Agricultura do Estado sobre as aplicações e possuir um engenheiro agrônomo responsável. 
 
Na cidade é preciso ter registro ainda na junta comercial. Um dos sócios da empresa explicou que atitudes irresponsáveis como aquela leva a demissão imediata.Exceto em pousos e decolagens é terminantemente proibido que a aeronave esteja a menos de 300 metros em um raio de 600 metros do maior obstáculo, ou seja, a partir do prédio mais alto, ele só pode transitar 300 metros acima. 
 
Em outro prédio da área central, os moradores deixaram suas casas e foram para a rua observar a manobra. Não faltou quem acreditasse que o condutor estava um pouco embriagado. “Se na estrada eles estão fiscalizando tanto, agora vão ter de começar a fazer o bafômetro também no ar”, disse um deles em tom de ironia. Contestando essa ideia, outra senhora disse que aquilo estava parecendo coisa de homem tentando impressionar a namorada.
 
A reportagem tentou, mas não conseguiu identificar o piloto. Em contato com a assessoria de imprensa da Anac, a reportagem foi informada de que o órgão responsável por esse tipo de controle é o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea). 
 
Quem tiver informações sobre o piloto, como, por exemplo, o número da aeronave deve encaminhar ao departamento, que recentemente criou uma junta para apurar casos como esse, em que há risco não só para o piloto, mas para a população. A página na internet do órgão é www.decea.gov.br.
 
fonte/ foto/ATribunaDoInterior
Enhanced by Zemanta

PILOTOS BEBADOS CANCELAM VOO DA AEROMEXICO

AEROMEXICO AT LA PAZ INTERNATIONAL AIRPORTImage via Wikipedia

Os 101 passageiros de um voo da Aeromexico que fazia a ligação entre a capital da Costa Rica, San José, e a Cidade do México tiveram que aguardar 24 horas para embarcar, pois a tripulação se recusou a deixar os dois pilotos entrarem a bordo alegando que ambos estavam bêbados. 
"O copiloto foi submetido a um teste com bafômetro que deu resultado positivo, enquanto que a capitã se recusou a fazê-lo", declarou nesta segunda-feira à AFP Alvaro Vargas, diretor adjunto de aviação civil da Costa Rica, acrescentando que uma investigação foi aberta. 
Segundo o jornal costa-riquenho Extra, os dois pilotos disseram que estavam se sentindo nauseados ao chegarem no sábado ao aeroporto, sete horas depois de terem participado de uma festa em um hotel da capital.
O Boeing-737-700 da Aeromexico devia deixar San José no sábado, mas decolou apenas 24 horas depois, tempo necessário para que fossem encontrados os substitutos, indicou Vargas.
"Acho que os passageiros não souberam qual foi a verdadeira causa da suspensão do voo porque devem ter dito outra coisa a eles", afirmou. 
A Aeromexico confirmou que seus pilotos "não estavam em condições" de pilotar. Eles foram "afastados de suas funções, pelo menos, até o fim da investigação", acrescentou a companhia em um comunicado em que pede desculpas aos passageiros.
fonte/AFP/AgInt
Enhanced by Zemanta

PILOTOS DA TAP DECIDEM NA QUINTA-FEIRA SE ENTRAM EM GREVE

 Depois das sessões de esclarecimento que decorreram no início de Março, a direcção do Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) avança agora com uma reunião de associados para decidir novas formas de luta contra a administração da TAP, os cortes salariais impostos pelo Orçamento do Estado para 2011 e os aumentos dos pilotos e pessoal navegante com funções de terra. 
 
O encontro está marcado para quinta-feira, 17, e a convocatória fala, ao que o Diário Económico apurou, do recurso à greve como forma de contestação. Os pilotos, recorde-se, aprovaram no final de 2010 um reforço do subsídio de greve, o que já vai supor um 2011 difícil para a administração da TAP. 
 
fonte/JEconomico

EMBRAER ASSINA CONTRATO DE COMPRA DE PARTE DA EMPRESA QUE FABRICA RADARES


A Embraer Defesa e Segurança assinou um contrato de compra de 64,7% do capital social da divisão de radares da OrbiSat da Amazônia S.A. O negócio, cujo valor é de R$ 28,5 milhões, representa um importante passo estratégico para aumentar a participação da Embraer Defesa e Segurança no Sistema Brasileiro de Segurança.

O acordo será submetido à avaliação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica - Cade e é a primeira aquisição da recém-criada Embraer Defesa e Segurança.

Fundada em 1998, a OrbiSat criou em 2002 a divisão de radares para desenvolver tecnologia de última geração para aplicação em sensoriamento remoto e radares de vigilância aérea, marítima e terrestre. O negócio representa 40% do faturamento da OrbiSat.

Atualmente, a empresa negocia contratos com a Força Aérea Brasileira e a Marinha do Brasil para o desenvolvimento e a produção de sistemas de monitoramento integrados, programas semelhantes aos que já possui com o Exército Brasileiro.

fonte/VNews
Enhanced by Zemanta

domingo, 13 de março de 2011

TAM CANCELA VOO E PASSAGEIROS RECLAMAM DE TRATAMENTO

São Paulo - Passageiros de um voo da TAM que sairia na manhã de ontem de Nova York com destino a São Paulo reclamam do atendimento prestado pela companhia aérea após o cancelamento da viagem. 

Segundo informaram os passageiros, o voo JJ 8083 da TAM estava pronto para decolar quando a tripulação informou que a aeronave estava com problemas. Após uma hora e meia de espera ainda dentro do avião, os passageiros foram informados que o voo sofreria atraso de cinco a oito horas.

Conforme relato de uma passageira, que preferiu não se identificar, todos foram orientados a esperar por um ônibus para ir até um hotel em Nova York. A partir daí, afirmou a passageira, os problemas só aumentaram. A TAM não devolveu as malas dos passageiros, que ficaram sem poder trocar de roupa ou ter acesso a itens como remédios, que não estavam nas bagagens de mão. Ela informou ter ouvido de uma aeromoça que, por prevenção, todos deveriam viajar com uma roupa sobressalente na bagagem de mão. 

As condições do hotel onde foram alojados também foram motivo de reclamações. Segundo a passageira, houve reclamações de que o restaurante do hotel era pequeno, não tinha condições para atender a todos e de que os quartos e banheiros estavam sujos.

Em nenhum momento, qualquer funcionário da TAM acompanhou os passageiros, embora entre os clientes estivessem duas meninas de cerca de 12 anos, que viajavam sozinhas. A passageira ouvida pela Agência Estado enviou por e-mail a foto de um cartaz afixado pela companhia aérea no hotel. Escrito a mão, o aviso recomendava que os passageiros não deixassem seus quartos até que o voo, com atraso indefinido, fosse remanejado.

Na manhã deste domingo, um ônibus estacionou em frente ao hotel e coube aos próprios passageiros descobrir que ele tinha vindo para levá-los ao aeroporto. Os passageiros foram realocados no voo JJ 9374 e a última informação era que deixariam Nova York em direção a São Paulo ao meio-dia (horário local). A Agência Estado procurou a TAM e ainda aguarda um posicionamento oficial da companhia sobre o caso. 

fonte/AgEstado

sábado, 12 de março de 2011

EMBRAER VAI ENTRAR NO MERCADO DE TRENS DE ALTA VELOCIDADE

A terceira maior fabricante de aeronaves do mundo, a Embraer, está em discussões para começar a produzir trens de alta velocidade no Brasil. No início deste mês, a empresa, convidou Iñaki Barron, diretor da Alta Velocidade Ferroviária Internacional União (UIC, o francês Union Internationale des Chemins de Fer), para discutir o assunto em sua fábrica em São José dos Campos.

Os tópicos da discussão incluíram avanço do mercado do tem-balo na aviação regional  o principal  negócio da Embraer e absorção de tecnologia para produção de trens-bala no país.

A Embraer não tem estudos relacionados, tornando-se necessário chamar especialistas de primeira ordem. Durante o encontrofoi discutida as chances da empresa para participar do leilão da linha ferroviária (Campinas - São Paulo - Rio de Janeiro), previsto para abril deste ano.

De acordo com dois estudos da UIC, a rede mundial de trens-bala devem passar da cerca de 14,700 km atuais 36,000 km 2025. O principal mercado para esse tipo de comboios estão a distâncias de até 600 km, rotas típicas servidas pelas aeronaves da Embraer, o que representa 58% dos negócios da empresa. Segundo as projeções, a ferrovia de alta velocidade vai  retirar os aviões regionais e 50% a 90% dos passageiros.

O governo brasileiro está estudando a possibilidade de participação de outras três rotas: São Paulo-Curitiba, São Paulo, Belo Horizonte e Campinas-Triângulo Mineiro.

Um trem expresso, com capacidade para 350 passageiros, custa cerca de USD23 milhões e têm uma vida útil de 30 anos. 

fonte/FlightinMachine/MaqCombate
Enhanced by Zemanta

GOL PROSSEGUE COM BUSCAS

São Paulo (AE) - A Gol ainda não encontrou Pinpoo, o cão de 10 meses de idade que no último dia 2 sumiu quando seria embarcado no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre (RS), com destino a Vitória (ES). Em nota divulgada ontem, a companhia aérea informa que tem mobilizado “todas as frentes” para encontrar Pinpoo, batizado assim por ser uma mistura das raças pinscher e poodle.

A companhia distribuiu fotografias do cão pela vizinhança do aeroporto, acionou empresas instaladas na região e obteve o apoio da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) nos esforços de busca. A Gol diz ainda que, “ciente da sua responsabilidade”, tem mantido a dona de Pinpoo, Nair Flores, “a todo o momento” informada sobre a busca

A Gol destaca ainda que tem oferecido traslado para a dona de Pinpoo, de sua casa para o aeroporto, “para que possa participar dos esforços para localizar seu animal de estimação”. A responsável pelo transporte do cão era a Gollog, empresa do grupo.

Na nota, a Gol esclarece que cumpriu com rigor “todas as etapas do processo de transporte do animal” e que a caixa de transporte de Pinpoo “obedecia as especificações de segurança e conforto”. A companhia diz que apurou com seus funcionários que Pinpoo teria forçado a porta da caixa de transporte e fugido para uma área do aeroporto.

“A Gol sensibiliza-se pelo desconforto por que passa a dona do cão e desdobra-se para garantir um desfecho feliz ao ocorrido”, diz a nota. A empresa reforça ainda que, desde o início das operações da Gollog em Porto Alegre, em fevereiro de 2001, nunca havia sido registrado “um único caso” de animal extraviado. A unidade transporta em média, segundo a empresa, 30 cargas vivas todo mês a partir do terminal gaúcho.

Apesar dos esforços, Nair esteve ontem pela terceira vez no Salgado Filho em busca do cão. “Gritei até ficar rouca por todos os hangares”, disse, por telefone. “Já estou perdendo as esperanças”, afirmou. Algumas pessoas teriam entrado em contato com Nair relatando ter visto o cachorro, mas nenhuma das pistas foi confirmada. “As informações são muito desencontradas.”

Nair já havia ido ao aeroporto procurar por Pinpoo na terça (08) e quarta-feira (09) desta semana. No segundo dia, quebrou o pé ao entrar em um matagal e pisar em um buraco escondido pela vegetação rasteira. Perguntada sobre a repercussão que o caso está tendo no Twitter e em outras mídias, Nair disse que jamais imaginou “uma ajuda tão grande dessas”. 

fonte/TribunaDoNorte
Enhanced by Zemanta

VÍDEO - FLASHMOD - AEROPORTO DO GALEÃO - AZUL LINHAS AÉREAS

sexta-feira, 11 de março de 2011

EMBRAER PREVÊ VENDAS ESTÁVEIS DO AVIÃO AGRÍCOLA IPANEMA





A Embraer estima vender cerca de 40 aviões agrícolas Ipanema em 2011, mesmo número de unidades comercializadas em 2010, afirmou nesta sexta o gerente comercial da fabricante para o modelo, Fábio Bertoldi.

O Ipanema está se beneficiando do investimento crescente em tecnologia pelo setor agrícola para aumentar a produtividade.

O avião representa uma parcela ínfima da receita da Embraer, sendo a aeronave da fabricante com ciclo mais curto de produção -cerca de dois meses- e menor preço de tabela, de R$ 668 mil na versão a gasolina de aviação e de R$ 678 mil com motor para etanol.

Mas o modelo, lançado nos anos 1970, já tem mais de 1.100 aeronaves entregues e não tem rivais nacionais.
Embora as vendas estejam concentradas no Brasil, o gerente comercial da Embraer prevê aumento de exportações para países vizinhos. O Ipanema, usado para pulverização de plantações, é homologado para voar na Argentina, no Paraguai e no Uruguai, segundo Bertoldi. "Estamos reorganizando nossa estratégia de vendas nesses países", afirmou. 

Mesmo no Brasil, apesar do grande número de unidades do Ipanema entregues, o executivo acredita que a demanda potencial pelo avião ainda é grande, já que o principal concorrente da aeronave é o pulverizador terrestre, com 80 a 85% do mercado.

fonte/Terra/foto/divulgação
Enhanced by Zemanta

quinta-feira, 10 de março de 2011

EMIRATES IRÁ CONTRATAR MAIS 4000 NOVOS TRIPULANTES PARA A380

An Airbus A380 seen painted in Emirates Airlin...Image via Wikipedia


A Emirates Airline, vai contratar 4 mil tripulantes a partir de primeiro de abril, quando começar o  ano fiscal de 2011/2012,  segundo informações procedentes de Dubai, do jornal Emirates Business e apontadas no site da ANBA.  Serão requisitados ao redor de vários paises, para funções de voo nos Airbus A380, o avião que utiliza 20 pilotos e 133 comissários.

Como a companhia que já opera com 15 equipamentos deste modelo e tem mais 75 encomendados, as contratações entrarão em curso.  A empresa  conta atualmente  com 12 mil tripulantes, incluindo 2 mil comissários e 300 pilotos,  exclusivamente para os A380.

"Levamos 25 anos para alcançar 40 mil funcionários, mas nos próximos 10 anos devemos dobrar esse total", informou a companhia no ano passado. A Emirates tem atualmente tripulantes de 131 nacionalidades, que falam mais de 80 línguas. Conta com 152 aeronaves em sua frota e transporta 85 mil passageiros por dia para 11 destinos em 66 paises, incluindo o Brasil.
 
fonte/BrasilTur

HOMEM AMEAÇA SE EXPLODIR NO AEROPORTO DE LONDRES


Um homem teria sido preso depois de ameaçar se explodir no aeroporto de Heathrow, em Londres, informou a Sky News nesta quinta-feira. A Scotland Yard se negou a confirmar a informação à agência AFP e admitiu apenas a existência de um pacote suspeito.

"Estamos lidando com um alerta de segurança no Terminal 5 do aeroporto de Heathrow, e uma pequena área do terminal foi interditada como precaução", disse um porta-voz da Polícia Metropolitana de Londres. 

"A zona de saída do T5 foi parcialmente evacuado pela polícia", afirmou o porta-voz. O aeroporto de Heathrow é o mais importante do mundo em tráfego internacional de passageiros.

fonte/AFP/Terra

quarta-feira, 9 de março de 2011

AVIÃO SAI DA PISTA NAS FILIPINAS

Um da PAL-Phillipines Airways, Airbus A320-200, realizando o voo PR-124 de Zamboanga para Mannila (Philippines), com 98 passageiros e 6 tripulantes, saiu da pista quando realiza manobras para decolar da  09.

Relevant NOTAM:
B0273/11 - RWY 09/27 CLSD DUE TO DISABLED ACFT ON THE RWY. 09 MAR 06:46 2011 UNTIL 09 MAR
09:30 2011 ESTIMATED. CREATED: 09 MAR 06:47 2011

Metars:
RPMZ 090200Z 04006KT 9999 SCT018 32/25 Q1013 A2993
RPMZ 090100Z 02004KT 9999 FEW018 30/25 Q1013 A2993
RPMZ 090000Z 04006KT 9999 FEW018TCU 28/26 Q1012 A2991 TCU, N
RPMZ 082300Z 02004KT 9999 FEW018CB SCT120 25/24 Q1012 A2989 CB, N
RPMZ 082200Z 00000KT 9999 FEW018CB BKN120 25/24 Q1011 A2987 CB N,S, MOVNG W
RPMZ 081500Z 00000KT 9999 SCT018 OVC120 27/24 Q1012 A2990 LOW CLDS E AND OVHD MVNG W


fonte/AvHerald/Foto/AP

PILOTO MORRE EM QUEDA DE AVIÃO NO NORTE DE MATO GROSSO

O piloto Rogério Gomes Ferreira, 27 anos, foi sepultado, ontem à tarde, em Tapurah, no Nortão. Ele faleceu na segunda-feira quando o avião agrícola que pilotava acabou caindo, no município de Paranatinga. Ele estava sozinho na aeronave. O acidente foi por volta das 8h50, em uma fazenda na comunidade de Pacu, a cerca de 40 quilômetros da cidade. As causas serão apuradas. Não foi confirmado se, no momento da queda, o piloto estava passando produtos agrotóxicos na lavoura. Rogério era casado e tinha um filho.
 
fonte/ANoticia

JATOS PRIVADOS DE GADDAFI PASSAM PELO ESPAÇO ÁEREO EUROPEU

Três jatos privados da família do líder líbio, Muammar Kadafi, foram detectados pelo controle aéreo de Malta, indicou nesta quarta-feira a emissora de televisão árabe "Al Jazeera". Segundo esta informação, os três aviões Falcon de Kadafi, cada um com capacidade de seis a oito passageiros decolaram de Trípoli com destino a Viena, Atenas e Cairo. Não se sabe, contudo, quem viaja no interior das aeronaves. A notícia foi recebida em Benghazi, capital provisória dos revolucionários líbios, com tiros para o ar e mostras de entusiasmo, constatou a Agência Efe. Em Atenas, fontes do Ministério de Exteriores grego disseram à Efe que um avião privado Falcon procedente de Trípoli sobrevoou nesta quarta-feira o espaço aéreo da Grécia em direção ao Cairo, sem indicar se a bordo viajava alguém próximo a Muammar Kadafi. "A única coisa que podemos confirmar é que um avião (líbio) passou pelo espaço aéreo grego", disse uma fonte do Ministério. Na última segunda-feira, a embaixada americana na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) anunciou que esta organização havia decidido ampliar para 24 horas por dia os voos de vigilância Awacs de alerta antecipado e de controle sobre a Líbia.

fonte/Terra

segunda-feira, 7 de março de 2011

AVIÃO CAI COM MAIS DE MEIA TONELADA DE COCAÍNA EM CUIABÁ, MATO GROSSO DO SUL

CUIABÁ - Os dois ocupantes da aeronave que caiu na região da Serra do Amolar, em Mato Grosso do Sul, transportando mais de meia tonelada de cocaína, foram encaminhados para Cuiabá e estão detidos na Penitenciária Central do Estado (antigo Pascoal Ramos). O piloto Roy Roger Silva Ferraz, 32 e passageiro boliviano Edgar Belen Inturias foram autuados por tráfico de drogas e 560 quilos de entorpecentes foram encontrados pelos policiais na aeronave. 

Segundo informações do comando do 17º Batalhão de Fronteira (17º B Fron), dois delegados federais de Cuiabá atuaram n o caso pelo fato da área do acidente ficar na divisa entre Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Conforme a PF, o bimotor seria de Mato Grosso e caiu por volta das 8h do sábado (5), em Porto Índio, área de preservação ambiental a 150 km da cidade de Corumbá (MS). 

A Serra do Amolar faz fronteira entre o Brasil e a Bolívia, na divisa entre Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, na área sob responsabilidade do Destacamento Militar de Porto Índio, subordinado à unidade do Exército sediada em Corumbá.

A suspeita é de que trata-se de um avião clandestino detectado, no sábado,por radares da Aeronáutica. Também teria sido constatado que o bimotor não estava no plano de vôo da Infraero. 

fonte/Oglobo

SEM GPS NAS AERONAVES WEBJET CNCELA VOOS EM RIBEIRÃO PRETO, SÃO PAULO

Sem ter equipamentos nas aeronaves para pousos sem visibilidade gerada pela chuva, a Webjet cancelou dois voos e adiou outros três que partiriam anteontem de Ribeirão Preto.

A previsão era que ao menos 610 passageiros embarcassem. Eles tiveram de esperar, desistir da viagem ou ir de ônibus para São Paulo.

Embora o maior problema tenha sido registrado pela Webjet, outras companhias aéreas também tiveram voos cancelados em Ribeirão Preto, caso da Pantanal Linhas Aéreas e a TAM (um voo cada). A Passaredo enfrentou atraso em um voo.

Segundo o gerente da Webjet no aeroporto, Alexandre Mathias, os pousos dos Boeings 737-300 só são possíveis por contato visual. "Como não temos visibilidade e GPS nas aeronaves, todos os voos foram adiados ou cancelados", disse.

O primeiro voo adiado foi o de Curitiba, que partiria às 12h. O segundo, para Salvador, decolaria às 12h35. Já o terceiro, para Navegantes (SC), sairia às 15h23.

Os voos para São Paulo, às 15h, e Brasília, às 16h, foram cancelados. Os que não desistiram da viagem puderam pegar ônibus até São Paulo.

Os adiamentos e cancelamentos geraram confusão e, por isso, a Polícia Militar chegou a ser acionada.

A única lanchonete do aeroporto ficou lotada. Muitos dos passageiros, sem ter onde se sentar ou colocar as malas, se esparramaram pelo chão do Leite Lopes.

"Foi uma decepção", afirmou o citricultor Vanderlei Nucci, 64, que teve que ir para São Paulo de ônibus após seu voo ser cancelado.

Ontem, de acordo com o Daesp (Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo), não houve voos cancelados de dia no Leite Lopes.

fonte/Folha

domingo, 6 de março de 2011

HUMOR......

Pensa que só mulher pode ser comparada a um avião? Não mesmo!!!




  
 HOMENS SÃO OS VERDADEIROS AVIÕES
 
O Homem, até os 20 anos
:

Avião de Papel

Apenas vôos rápidos, de curto alcance e duração.


Dos 20 aos 30
:

Caça Militar


Sempre a postos, 7 dias por semana. Ataca qualquer objetivo. Capaz de executar várias missões, mesmo quando separadas por curtos intervalos de tempo.



Dos 30 aos 40
:
Aeronave Comercial de Vôos Internacionais.
Opera em horário regular. Destinos de alto nível. Vôos longos, com raros sobressaltos. A clientela chega com grande expectativa; ao final, sai cansada, mas satisfeita.

Dos 40 aos 50
:

Aeronave Comercial de Vôos Regionais.



Mantém horários regulares. Destinos bastante conhecidos e rotineiros.
Os vôos nem sempre saem no horário previsto, o que demanda mudanças e adaptações que irritam a clientela.


Dos 50 aos 60
:

Aeronave de Carga.
 

Preparação intensa e muito trabalho antes da decolagem. Uma vez no ar, manobra lentamente e proporciona menor conforto durante a viagem.
A clientela é composta majoritariamente por malas e bagulhos diversos.


Dos 60 aos 70
:

Asa Delta.

Exige excelentes condições externas para alçar vôo. Dá um trabalho enorme para decolar e, depois, evita manobras bruscas para não cair antes da hora.
Após aterrissagem, desmonta e guarda o equipamento.


Dos 70 aos 80
:

Planador.

Só voa eventualmente  e com auxílio. Repertório de manobras extremamente limitado. Uma vez no chão, precisa de ajuda até para voltar ao hangar.

Após os 80:

Modelo Antigo.

  Só enfeite.


fonte/Colaboração do amigo Rubem H Villordo de Moraes

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...