segunda-feira, 13 de maio de 2013

ISRAEL PROIBE VOOS DO DRONE ARP HERON APÓS INCIDENTE

JERUSALÉM (Reuters) - Militares de Israel reteram em terra a frota de aviões de vigilância de grande altitude (ARP Heron) após um foi derrubado sobre o Mar Mediterrâneo.

O  avião não-tripulado foi intencionalmente derrubado na tarde de sábado por causa de uma avaria.

Os militares não dizer quantos aviões foram recolhidos, e os mesmos não deverão voar enquanto durar a investigação.

Um funcionário da Defesa israelense disse que o drone acidentado foi o modelo israelense Heron 1, que voa em altitudes elevadas e pode permanecer no ar por cerca de 45 horas. O funcionário falou sob condição de anonimato porque não estava autorizado a repórteres.

No ano passado um Heron TP caiu durante um vôo de rotina.

Israel é um líder mundial em tecnologia de robô. Os palestinos dizem que Israel usa aviões não tripulados para lançar mísseis, mas Israel não confirma isso.
 
fonte/Reuters/Yahoo
Enhanced by Zemanta

Nenhum comentário:

EM HOMENAGEM AOS 48 ANOS DA EMBRAER, PILOTOS FAZEM VOO COM TRAÇADO EM FORMA DO LOGOTIPO DA EMPRESA NOS EUA

No aniversário de 48 anos da Embraer, pilotos que faziam um voo teste nos Estados Unidos fizeram uma homenagem traçando no céu a logom...