SUCESSO NO LANÇAMENTO DO NANOSAT C-BR1

Lançamento ocorreu por volta das 16h15min e, há poucos minutos, equipe da UFSM e do Inpe na Rússia deram a boa notícia aos que ficaram em Santa Maria


Nanossatélite gaúcho foi lançado com sucesso na base russa Leonardo Zavareze da Costa/Arquivo Pessoal
Equipe do projeto do nanossatélite brasileiro registrou presença na base espacial de Yasny assinando o livro que fica no museu da estação Foto: Leonardo Zavareze da Costa / Arquivo Pessoal
O Brasil já pode dizer que tem um nanossatélite em órbita para chamar de seu. Foi lançado com sucesso na tarde desta quinta-feira o NanoSatC-BR1, nanossatélite do tipo cubesat que foi projetado por profissionais e pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) em parceria com a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).
Diretamente da base espacial em Yasny, na Rússia, o gerente do projeto de desenvolvimento do nanossatélite, Nelson Jorge Schuch, falou à reportagem do Diário que o sucesso do lançamento foi fortemente comemorado pelas cerca de 40 pessoas que estavam no local:
— Foi tudo certo, dentro do planejamento. Estão aqui comitivas dos 17 países que tinham satélites sendo lançados pelo mesmo foguete. Foi uma grande festa, muito emocionante, todos se abraçaram comemorando quando foi confirmado o sucesso do lançamento — diz Schuch, que está acompanhado de dois estudantes de Engenharia Elétrica da UFSM, que são bolsistas do Inpe, e o coordenador do projeto a sede do Inpe em São José dos Campos.

A comitiva brasileira fica até amanhã em Yasny e depois segue para Moscou, de onde partem no sábado para o Brasil. O grupo deve chegar a Santa Maria no domingo à tarde.

fonte/foto/ZeroHora

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas