Pular para o conteúdo principal

FUNCIONÁRIO DE EMPRESA AGRÍCOLA MORRE ATINGIDO POR HÉLICE DE AVIÃO


Funcionário de empresa agrícola morre atingido por hélice de avião Divulgação/Polícia Civil
Avião teria pousado pela oitava vez para ser reabastecido com fertilizante quando aconteceu o incidente Foto: Divulgação / Polícia Civil

Um funcionário de uma empresa agrícola morreu, na manhã desta quarta-feira, ao ser atingido pela hélice de um avião em Itaqui, na Fronteira Oeste. De acordo com a Polícia Civil, Christiano Mandicaju Goudinho Valle, 21 anos, carregava a aeronave com ureia e foi atingido na cabeça enquanto saía do veículo, que havia pousado, mas estava com o motor ligado.

Segundo a delegada Elisandra Mattoso Batista, Valle estava acompanhado de mais um colega, também responsável pelo carregamento do avião com fertilizante, e do piloto. O incidente teria ocorrido quando o grupo fez o oitavo pouso para reabastecimento.

— Conforme o relato das testemunhas, a vítima teria saído pela porta da frente do avião, o que seria incorreto. O outro funcionário teria saído pelos fundos e não se feriu. Já o piloto contou que só ouviu o barulho — afirma Elisandra.

A aeronave pertence à empresa Rural Aviação Agrícola, com sede em Itaqui, que prestava o serviço na lavoura de arroz da Granja Ibicuí, localizada a cerca de 15 quilômetros do Centro de Itaqui.

O incidente aconteceu por volta das 10h e especialistas do Instituto-Geral de Perícias (IGP) de Santana do Livramento chegaram ao local, que foi isolado, por volta das 14h. O corpo deve ser encaminhado para necropsia.

— Vamos investigar se foi uma fatalidade por um descuido da própria vítima ou se houve alguma falha nos procedimentos, se havia condições de segurança adequadas ou se houve negligência — observa a delegada.

Valle estaria trabalhando há apenas três meses na Rural Aviação Agrícola. A empresa ainda não se manifestou sobre o acidente. 
fonte/ZeroHora

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA