Pular para o conteúdo principal

SUDESTE E CENTRO-OESTE CONCENTRAM MAIOR PARTE DA FROTA DA AVIAÇÃO GERAL BRASILEIRA, NORDESTE OCUPA A ÚLTIMA

Um levantamento feito pela ABAG (Associação Brasileira de Aviação Geral) para compor a segunda edição do Anuário Brasileiro de Aviação Geral  aponta a região Sudeste como a detentora da maior parte da frota de aviação geral do país. São 5.601 aeronaves das 13.094 existentes no país. A segunda região em número de aeronaves é a Centro-Oeste com 2.859 aeronaves, seguida pela região Sul, com 1.965. Em quarto lugar ficou o Norte, com 1.522 e em quinto, Nordeste, com 1.121. 
 
É curioso notar que mesmo ficando em último lugar, o Nordeste registrou o maior crescimento da frota, 9%, contra 6% do Sudeste e Centro-Oeste, 7% do Sul e 5% da Região Norte. De 2010 para 2011, a frota de aeronaves da aviação geral cresceu 6,4%, se levarmos em conta só jatos, o crescimento é de 15,37%.
Entre os Estados com maior frota, São Paulo aparece na frente com 3.652 aeronaves, seguido por Minas Gerais, 1087, Mato Grosso, com 1072, e Goiás, 899. 
Os dados foram publicados na segunda edição do Anuário Brasileiro de Aviação Geral, lançado em agosto, durante a Labace, a segunda maior feira do mundo em aviação executiva, promovida pela ABAG.
“Os dados começam a nos dar um registro histórico do crescimento da aviação geral no País e impressionam”, disse Ricardo Nogueira, diretor-geral da ABAG. A entidade lançou o primeiro anuário em 2010, com dados de 2009, e pretende repetir o levantamento a cada ano. Mais informações em http://abag.org.br/
fonte/Egon

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA