Pular para o conteúdo principal

AVIÃO DA AVIANCA TEM NOVA PANE DE AR-CONDICIONADO E RETORNA PARA ARACAJU

O avião da empresa Avianca que faz voo entre as cidades de Aracaju e Brasília sofreu uma nova pane no sistema de ar-condicionado, sendo mais uma vez, obrigado a retornar para o Aeroporto de Aracaju, minutos depois de ter decolado rumo à capital federal.

De acordo com informações, o sistema de refrigeração da aeronave Fokker 100 falhou e os passageiros começaram a se sentir mal dentro do avião. O piloto decidiu então, voltar para Aracaju, a fim de que fossem feitos os reparos na aeronave.

O prefeito da cidade de Itabaiana, Valmir de Francisquinho, estava entre os passageiros da Avianca. Antes de decolar, vários passageiros precisaram de atendimento médico. O prefeito Valmir foi levado para o Hospital Primavera, onde ficou internado. Em seguida, o avião partiu e voltou para Aracaju.

No espaço de uma semana, este é o segundo problema com o ar-condicionado da mesma aeronave. No último doa 21, o avião retornou para Aracaju com dez minutos de voo, realizando um pouso de emergência, considerando que não havia condições de completar a viagem com um calor aproximado de 60º, levando vários passageiros a passar mal.

A reportagem F5 News tentou contato com representantes da empresa Avianca em Aracaju, no balcão do aeroporto, ninguém se disse autorizado a falar sobre o assunto, nem mesmo sobre a reincidência do problema. A mesma aeronave teve duas falhas semelhantes no ano passado. A aeronave apresentou o problema pela quarta vez, considerando as incidências ocorridas antes da decolagem.


fonte/F5News
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…