AIRBUS A380 DEVE PASSAR POR REVISÕES POR FISSURAS NAS ASAS

English: Qantas Airbus A380 (VH-OQA) takes off...Image via Wikipedia
A Agência Europeia de Segurança Aérea (AESA) recomendará nesta quarta-feira a inspeção de todos os aviões Airbus A380 atualmente em circulação, 67, por fissuras detectadas nas asas de algumas aeronaves. 

Em 20 de janeiro, a AESA havia recomendado a revisão dos aviões com maior número de voos, 30 aeronaves. "Levando em consideração o resultado da revisão, decidimos ampliar a ideia para o conjunto da frota em circulação", disse um porta-voz da agência.

A decisão de prosseguir com uma inspeção gradual de todas as 68 unidades do A380 em serviços vai concentrar a atenção em falhas recentemente identificadas nos novos jatos da Airbus e da americana Boeing. 

Ambas as fabricantes mantêm que seus mais novos modelos continuam seguros para voar."Esta é uma ampliação do processo que já estava em andamento", disse uma das fontes, que pediu anonimato. "Um reparo efetivo já foi identificado", acrescentou. 

A Airbus não quis comentar a ampliação das inspeções nas asas. Um porta-voz da Agência Europeia de Segurança na Aviação (Easa) não estava imediatamente disponível para comentar o assunto.O A380 entrou em operação em 2007.

Possui dois andares e quatro motores e, de acordo com informações da fabricante, é a maior aeronave comercial do mundo, com capacidade para transportar 525 passageiros nas três classes (primeira, executiva e econômica). O modelo também já apresentou problemas em um dos motores Trent 900, fabricados pela Rolls-Royce, que explodiu em 4 de novembro, forçando o A380 da companhia aérea Qantas a voltar para Cingapura com uma asa perfurada.
 
fonte/Reuters/Terra
Enhanced by Zemanta

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas