Pular para o conteúdo principal

WILLIAM DEIXA CARGO DE PILOTO DE HELICÓPTERO AMBULÂNCIA





O duque de Cambridge vai deixar de trabalhar na "East Anglian Air Ambulance" depois de dois anos a pilotar helicópteros-ambulância, de forma a dedicar mais tempo à família e aos deveres de Kensington.
Depois de dois anos a trabalhar como piloto de helicópteros-ambulância na "East Anglian Air Ambulance", o príncipe William já avisou que irá deixar, em breve, este seu cargo, para se concentrar por completo nos deveres da família real britânica, mas também para passar mais tempo com a mulher, Kate Middleton, e os dois filhos, George e Charlotte.
Num comunicado enviado pelo duque de Cambridge, citado pelo E!News, o segundo na linha de sucessão ao trono frisou: "Tem sido um enorme privilégio poder voar com a East Anglian Air Ambulance. Depois do tempo que passei nas Forças Armadas, ganhei experiências com este trabalho que vou carregar para o resto da vida, e que vão acrescentar uma valiosa perspetiva aos meus deveres reais nas próximas décadas. Adorei fazer parte de uma equipa de talentosos profissionais que salvam vidas, todos os dias", revela William.
A nova etapa na vida do príncipe surge num ano em que os duques de Cambridge se preparam para viver cada vez mais em Londres, e menos em Norfolk, onde residem na maior parte do tempo com os dois filhos. O fato de o príncipe George começar a escola em setembro próximo poderá ter pesado na decisão.
"William e Kate querem aumentar o seu trabalho oficial ao serviço da Rainha Isabel II e das causas solidárias que apoiam, o que irá obrigá-lo a passar mais tempo em Londres", explicou o Palácio de Kensington num comunicado.


fonte/foto/JN.pt/Reuters

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA