Pular para o conteúdo principal

VITÓRIA DOS TRABALHADORES DA VASP


Após dez anos de disputa judicial, os trabalhadores da Vasp devem começar a receber. O juiz Fábio Branda, da Justiça do Trabalho em São Paulo, determinou o início do pagamento a partir dos valores arrecadados com a venda de uma das fazendas do ex-controlador da Vasp, Wagner Canhedo. A decisão ainda não foi publicada. Segundo o magistrado, existem R$ 312 milhões para serem rateados e mais R$ 50 milhões a serem depositados em dezembro. A dívida total com os trabalhadores é estimada em R$ 1,5 bilhão. Será a primeira vez que um grupo econômico responde por uma dívida trabalhista. 



fonte/ValorEconomico

INFORMAÇÃO DO SITE  DUQUEESTRADA.ADV.BR SOBRE O PAGAMENTO


Notícias Vasp – 544 – Nota de esclarecimento sobre os pagamentos



São Paulo, 12 de maio de 2015.
Prezados Amigos e Clientes,
Muitas dúvida tem surgido com base na noticia divulgada por nós e pela imprensa, sendo assim vou tentar, na medida do possível esclarece-las;
A dívida trabalhista  na ação civil publica foi apurada em dezembro 2007, com base nos processos que estavam habilitados na própria Ação Publica. O valor apurado pelo juízo da 14 Vara do Trabalho foi de R$1.013.159.983,50 (um bilhão treze milhões novecentos e oitenta e três mil e cinquenta centavos).
Este valor atualizado até 01 de dezembro de 2015 é de mais de R$ 1.500.000.000,00 (um bilhão  e quinhentos milhões de Reais).
Logo os R$ 320.000.000,00 (trezentos e vinte milhões de reais) são um 1/5 da dívida existente.
Com a venda das demais fazendas, deverão ocorrer futuramente outros rateios esse valor passa para 1/3 .
Vamos tentar responder as perguntas mais frequentes:
1- Como serão definidos estes lotes?
R: O primeiro lote será composto de 5.258 (cinco mil duzentos e cinquenta e oito) alvarás (lembrem-se são mais de 5.000 processos) até o limite de 150 salários mínimos;
2 – Em qual me encontro?
R:  Todos se enquadram no primeiro lote. NÃO HAVERÁ PRIVILEGIO PARA NENHUM RECLAMANTE OU ADVOGADO.
3- Temos já uma data para o depósito?
R: Não, pois a emissão de 5.258 alvarás é um feito administrativo gigantesco e inumano, sendo assim levará de 60 (sessenta)  a 90 (noventa) dias para que os mesmos sejam elaborados.
4- Quanto tenho a receber?
R: Você receberá no máximo o equivalente a 150 (cento e cinquenta ) salários mínimos, assim como todos os outros que habilitaram na Vara Vasp  o seu crédito.
5- Qual é o meu valor total devido ?
R: Assim que forem divulgadas as atualizações, nós informaremos individualmente a cada um o valor que lhe devido.
6- Será que vou receber todo o meu crédito além dos 150 (cento e cinquenta) salários mínimos ?
R: Acho impossível.
7- Tenho urgência deste depósito.
R: Todos temos, mas temos que ter paciência, pois agora falta muito pouco para todos receberem alguma coisa.
8- Só tenho esperança de receber da Vara Vasp ?
R: Não, todos tem 02 (duas)  habilitações feitas : Uma na Vara Vasp e outra na Vara de Falência.
Aqueles que tiverem seu crédito quitado na Vara Vasp não poderão receber mais nada da Vara de Falência.
Aqueles que receberem o seu crédito parcialmente na Vara Vasp só poderão receber a diferença na Vara de Falência.
9- Quando seria possível receber da Vara de Falência ?
R: Dado a situação critica do Governo e do estagio do processo da Vasp no STJ da Varig no STF não esperem nada para menos de 10 (dez) anos (no mínimo)!
10 – Quais são as taxas e impostos e descontos no montante que vou receber ?
R: Do valor que cada um tem a receber só será descontado o valor dos honorários advocatícios.
11- O que vocês precisam de mim?
R:  Que vc me enviem os seguintes dados atualizados abaixo:
Nome:
CPF:
e-mail:
telefones:
Dados para o deposito:
Espero ter tirado a dúvidas de vocês.
Atenciosamente,
Carlos Duque Estrada

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA