LUFTHANSA PRATICAMENTE PARADA - PREJUÍZOS ECONÔMICOS GRAVES

B747-81 Lufthansa Jurgen Mai

A Lufthansa cancelou hoje a grande maioria dos seus voos de longo curso de e para o Aeroporto de Frankfurt, assim como um grande número de voos de curta distância e médio curso, incluindo 17 ligações com Portugal, devido à greve dos pilotos que, segundo a companhia aérea, está a causar “prejuízos econômicos graves”.

A greve, a oitava verificada este ano no Grupo Lufthansa, foi decretada pelo sindicado dos pilotos ‘Vereinigung Cockpit’ para o período entre as 13h de ontem, dia 20 de Outubro, e as 23h59 de hoje, dia 21, e começou por ser aos voos de curto e médio curso.

O sindicato dos pilotos estendeu no entanto a paralisação aos voos intercontinentais no dia de hoje, terça-feira, provocando o cancelamento de quase todos os voos de longo curso de e para Frankfurt, segundo uma informação da companhia aérea, que indica que em Dusseldorfe os voos de longo curso operam com normalidade.

A previsão inicial da Lufthansa era realizar 700 dos 2.150 voos previstos para o período da greve, mas após a extensão aos voos de longo curso “tornou necessário o cancelamento de outros voos”.

O ‘Vereinigung Cockpit’ contesta a decisão da Lufthansa de suprimir a regra que permite aos pilotos reformarem-se antecipadamente aos 55 anos mantendo 65% do salário até atingirem a idade da reforma, que a União Europeia recentemente elevou para 65 anos.

Canceladas 17 ligações entre Portugal e Alemanha
A Lufthansa indica que estão canceladas no dia de hoje 17 ligações entre Portugal e Alemanha, designadamente cinco partidas de Lisboa e cinco voos de Frankfurt e Munique com destino à capital portuguesa, duas partidas do Porto e três voos de Frankfurt para o Porto e um voo de Faro e outro de Frankfurt para Faro.

Seis voos cancelados entre a Alemanha e o Brasil
Por via da extensão da greve aos voos intercontinentais nesta terça-feira, dia 21, a Lufthansa já comunicou que foram cancelados os seguintes voos que tinham como destino e partida aeroportos brasileiros:

LH507 São Paulo – Frankfurt

LH506 Frankfurt – São Paulo

LH504 Munique – São Paulo

LH500 Frankfurt – Rio de Janeiro

LH501 Rio de Janeiro – Frankfurt

LH505 São Paulo – Munique (com partida amanhã, dia 22)

A companhia está a atender os clientes afetados pelos cancelamentos, na perspetiva de resolver os problemas suscitados pela greve e encaminhá-los para o seu destino através de outros voos de outras companhias ou adiando as suas viagens.

fonte/NewsAvia

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas