POTENCIAL AERONÁUTICO DA ILHA DE SANTA MARIA (AÇORES) EM DESTAQUE

Centro de Formação Aeronáutica dos Açores_01_900

O Governo Regional dos Açores vai continuar a criar condições para que a ilha de Santa Maria aproveite da melhor forma o seu potencial no sector da aviação, uma área de importância histórica para a mais oriental das ilhas do arquipélago, afirmou nesta sexta-feira, dia 19 de Setembro, o director regional dos Transportes.
“Contrariando os mais cépticos, o Governo Regional dos Açores sempre acreditou nas potencialidades do Centro de Formação Aeronáutica dos Açores (CFAA), nomeadamente no seu papel potenciador do desenvolvimento do ‘cluster’ aeronáutico em Santa Maria, bem como do contributo inquestionável para a dinamização da economia desta ilha”, afirmou Luís Quintanilha.

O director regional, que falava num seminário promovido pelo CFAA por ocasião do seu segundo aniversário, recordou que este centro de formação foi uma aposta do Governo dos Açores, assegurando que o Executivo está empenhado em dar continuidade a este projeto, que teve por base a convicção de que a ilha de Santa Maria possui “um enorme potencial no domínio das infra-estruturas aeroportuárias, o que justifica o investimento realizado”.

Na sua intervenção, Luís Quintanilha reafirmou o compromisso do Governo Regional com o CFAA, salientando que vão continuar a ser reunidas sinergias “para que este Centro de Formação continue a afirmar-se no mundo aeronáutico, em prol de todos os Açorianos”.

Para Luís Quintanilha, este centro de formação é “um excelente exemplo” de boas práticas, simultaneamente no âmbito da formação e da aviação. “Não obstante, e porque o mundo tecnológico está em constante mutação, mostra-se fundamental evoluir, a par e passo com as últimas tendências globais no mundo da aviação, pelo que não posso deixar de congratular a organização pela preocupação demonstrada e efectivada com a realização deste seminário”, afirmou.

CFAA designado Parceiro Regional da IATA para Portugal
Recordou ainda que, recentemente, o CFAA foi designado Parceiro Regional da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) para Portugal, numa parceria que potenciará a captação de formação de outras companhias para este centro, contribuindo dessa forma para a sua internacionalização.

“Este foi sem dúvida um passo de grande alcance, que, não só dignifica o nosso trabalho, como também abre uma importante oportunidade de negócio para a SATA, com consequentes benefícios não só para esta ilha como para toda a Região Autonoma dos Açores”, afirmou o director regional, acrescentando que a formação ministrada no âmbito da aeronáutica é motivo de orgulho.

Desde a abertura deste centro, as ações formativas ali realizadas já abrangeram mais de dois mil formandos, totalizando mais de 45 mil horas de formação aos colaboradores da SATA e ultrapassado as duas mil horas de formação a formandos externos.

“É também importante referir que, só em 2014, a participação de formandos neste centro representa aproximadamente 14 mil dormidas, o que faz deste Centro de Formação um captador de eventuais visitantes, que irão por certo contribuir ativamente para incrementar a taxa de ocupação hoteleira”, frisou Luís Quintanilha.

fonte/foto/NewsAvia

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas