Pular para o conteúdo principal

CENIPA RECOMENDA QUE AEROPORTO DE TERESINA RECUPERE PISTA PARA EVITAR ACIDENTES

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) emitiu documento recomendando que sejam feitos reparos na pista do Aeroporto Petrônio Portela, em Teresina. A medida foi tomada após ser constatado que fissuras e desgastes na estrutura asfáltica podem ter contribuído para o acidente ocorrido em setembro de 2013 quando um bimotor de aerolevantamento acabou ficando de bico na pista após decolagem mal sucedida.

De acordo com o relatório do acidente, houve um esvaziamento do trem de pouso dianteiro no momento em que o avião corria para a decolagem. Por conta do atrito com o asfalto, a estrutura foi recolhida automaticamente fazendo com que a aeronave percorresse mais 300 metros sem o trem de pouso e parasse de bico no meio da pista.

As observações feitas durante as investigações apontam que a cobertura asfáltica da pista do Aeroporto se encontrava em processo de deterioração quando o acidente aconteceu. Segundo o levantamento do CENIPA, a estrutura apresentava diversas rachaduras, algumas delas com aproximadamente um metro de comprimento e 10 cm de largura, além de desprendimento de fragmentos.

A nota emitida em março deste ano pede que a administração do aeroporto adote, o mais breve possível, as medidas necessárias para a recuperação das condições da pista de pouso e decolagem, principalmente no que se refere à cobertura asfáltica, O objetivo é evitar que mais acidentes ou até outros de maior gravidade ocorram.

O PortalODia.com tentou contado com o superintendente da Infraero em Teresina, Sânzio Renato Teixeira da Silva, mas ele se encontra em reunião e não pode comentar o caso no momento.

Entenda o caso
Em 26 de setembro do ano passado, um bimotor modelo AC690 acabou parando de bico no meio da pista do Aeroporto Petrônio Portela durante uma decolagem. A aeronave era ocupada pelo piloto e mais três pessoas e iria fazer o levantamento geográfico da área. Nenhum dos passageiros sofreu lesões, mas a aeronave acabou ficando com sua estrutura inferior e de trem de pouso comprometida por conta do atrito com a pista.

Acidente com o Cessna 172
O CENIPA ainda não concluiu o relatório do acidente no Aeroporto de Teresina em dezembro do ano passado. Na ocasião, um bimotor modelo Cessna 172 Skyhawk caiu minutos depois de decolar com quatro pessoas a bordo, sendo três estudantes de uma faculdade particular que faziam aulas de voo.
O prazo dado pela Agência Nacional de Aviação (ANAC) para a conclusão da investigação foi de um ano.

fonte/ODia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA