Pular para o conteúdo principal

BRASIL PODE COMPRAR DA RÚSSIA O COMPLEXO PANTSIR



defesa, Ministério da Defesa, Brasil, Rússia, cooperação, Sistema de defesa antimíssil (DAM), míssil, armamentos

RIA Novosti

O Brasil anunciou sua intenção de adquirir sistemas russos de mísseis antiaéreos Pantsir-S1 e sistemas de defesa antiaéreo portáteis Igla. O valor estimado da transação – é um bilhão de dólares. Os planos da compra de equipamento militar da Rússia revelou o Chefe do Estado Maior das Forças Armadas do Brasil, o general José Carlos de Nardi.

De acordo com o general de Nardi, as forças armadas brasileiras não são apenas interessadas na aquisição de três baterias de Pantsir-S1, mas também na transferência de tecnologia para a sua produção, com a construção posterior da fábrica no Brasil para a sua montagem. Nos últimos cinco anos, a Rússia fez um grande avanço no mercado de armas do Brasil. O acordo intergovernamental de 2008 tem contribuído bastante para isso. Começou mesmo o desenvolvimento e criação conjunta de projetos de helicópteros e de engenharia naval, enfatiza o comentador militar do jornal Komsomolskaya Pravda Viktor Baranets:
"E agora, o Brasil prestou atenção ao poderoso sistema russo de defesa aérea. É um sinal positivo, especialmente porque eles demonstram mais e mais interesse em outras armas russas. Se 5-6 anos atrás, a cooperação com o Brasil trazia para a Rússia $ 400 milhões por ano, hoje esse valor é possível seguramente triplicar. Para o Brasil, vão não só armas feitas, não só começa a se desenvolver produção conjunta de armamentos. Lá fabricamos helicópteros Mi-35 e Mi-171. Chega lá também o serviço russo. Isto significa que a cooperação adquire o caráter de longo prazo".

O fato da Rússia fornecer armas para América do Sul e Central – é normal, porque os países dessas regiões se libertam da forte dependência  dos EUA, disse o editor-chefe do jornal Revisão Militar Independente Viktor Litovkin:
"Eles próprios escolhem seus fornecedores de armas. Além disso, hoje eles não querem só obtê-las de alguém, mas também produzir, em conjunto. O Brasil – é um dos maiores estados da região, que tem um complexo tecnológico de defesa e industrial. Mas não tem a tecnologia adequada e licenças. Por isso, o Brasil olha com atenção para a Rússia. E é apenas o início da cooperação, no futuro provavelmente o Brasil esteja pronto de comprar da Rússia o caça multifuncional Su-35".

As características de Pantsir-S1 são significativamente à frente de todos os sistemas de defesa antiaérea do mundo. De acordo com especialistas, a Rússia tem que oferecer ao Brasil a produção conjunta não só de Pantsir, mas também de caças. Neste caso não haverá problemas com a sua promoção nos mercados da região.

fonte/VozDaRussia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA