CANTORA MEXICANA JENNI RIVERA MORRE EM ACIDENTE AÉREO


Jenni Rivera se apresentou na Cidade do México na noite de sábado (8) Foto: Getty Images Jenni Rivera se apresentou na Cidade do México na noite de sábado (8)
 
As autoridades do México encontraram neste domingo "totalmente destruído" o avião particular no qual viajavam a cantora mexicano-americana Jenni Rivera e seis pessoas mais, que não sobreviveram ao choque, informaram fontes oficiais. "A informação que temos é essa: não há um só sobrevivente", disse à rede Televisa o diretor-geral da Aeronáutica Civil do país, Alejandro Argundín.

O alto funcionário mexicano explicou que a aeronave foi achada no rancho conhecido como El Tejocote, na comunidade de La Colorada, do município de Iturbide, no estado de Nuevo León (norte). A aeronave, modelo Learjet 25, registro N345MC, ficou "destroçada, totalmente fragmentada" e seus restos espalhados por uma região de "250 ou 300 metros quadrados".    

"Estamos iniciando o protocolo de coleta das peças, dos fragmentos que ficaram na região, que é muito complicada, muito ampla", acrescentou Argudín. Por sua vez, em entrevista à mesma rede de televisão o secretário de Transportes e Comunicações (SCT), Gerardo Ruiz Esparza, disse que as evidências encontradas "fazem supor que se trata do avião no qual viajava a cantora Jenni Rivera".
Ele explicou que "o golpe foi tão forte que praticamente o avião não está reconhecível". Esparza assinalou não ter por enquanto o detalhe da matrícula do aparelho para sua plena identificação, mas admitiu que "pelo lugar no qual caiu, pelas condições em que se encontram os destroços, trata-se da aeronave na qual a artista viajava.    

Além da artista, estavam na aeronave Arturo Rivera, representante da artista, seu advogado, Mario Macias, o maquiador Jacob Llenares, uma pessoa identificada como "Gerardo N.", e os pilotos, Miguel Pérez e Alejandro Torres. O avião pertencia à empresa americana Starwood Management.              
O grupo saiu do aeroporto internacional de Monterrey às 3h15 (horário local, 7h15 de Brasília) e tinha como destino o aeroporto de Toluca, mas perdeu contato a uma distância de 61,8 milhas de Monterrey. Na noite de sábado (8), a artista Jenni Rivera fez um grande show na Arena Monterrey, após o qual pegou o avião no qual perdeu a vida.

Rivera era considerada uma das mais importantes artistas femininas da música regional mexicana, vendeu mais de 22 milhões de discos e recebeu seis prêmios Billboard de música latina.

fonte/foto/Terra
Enhanced by Zemanta

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas