sábado, 4 de abril de 2015

HELICÓPTERO QUE TRANSPORTAVA POLÍTICOS CAI NA MALÁSIA, SEIS MORTOS


O helicóptero acidentado focado numa conta de Twitter. logo após o acidente.
O helicóptero acidentado focado numa conta de Twitter. logo após o acidente.
Um helicóptero Eurocopter AS365 NZ Dauphin pertencente à empresa Chempaka Aviation, da Malásia, despenhou-se este sábado, pelas 17h00 locais (11h00 UTC), a 13 quilómetros da cidade de Semenyih, na província de Lalang, morrendo todos os seis ocupantes.
A bordo seguiam importantes individualidades políticas do país que regressavam da festa de casamento da filha do primeiro-ministro Najib Razak, celebrada neste sábado.
Entre os que estavam a bordo a imprensa malaia refere os nomes já confirmados pelas autoridades nacionais do deputado Jamaluddin Jarjis, de um assessor do primeiro-ministro e de Tan Sri Jamaludin, que foi ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, na década de 90, e depois embaixador da Malásia nos Estados Unidos da América entre 2009 e 2012. O helicóptero era pilotado pelo comandante Cliff Fournier, dono da empresa Chempaka Aviation, que tinha alugado o aparelho para o transporte das individualidades. Tinha levantado voo de Kuantan e deveria pousar em Sungai Besi.
O helicóptero explodiu no ar, a poucos metros do solo, segundo testemunhas citadas pelos meios de comunicação da Malásia, e caiu em chamas num seringal (plantação de seringueiras ou árvores da borracha), onde ardeu totalmente. Foram recuperados três corpos carbonizados, faltando encontrar os restantes, segundo os primeiros comunicados oficiais sobre o acidente que consternou a Malásia, um país bastante afectado nos últimos anos por tragédias aéreas.
O jornal em língua inglesa ‘The Star’ revela que os restantes corpos poderão estar totalmente carbonizados e irreconhecíveis, trabalho que agora pertencerá aos especialistas de medicina legal desvendar.
Imagem obtida neste sábado, durante a festa de casamento da filha do primeiro-ministro da Malásia. Sentados, ao centro da imagem, vêem-se  os dois políticos mais conhecidos, que viriam a falecer no acidente do helicóptero, horas depois.
Imagem obtida neste sábado, durante a festa de casamento da filha do primeiro-ministro da Malásia. Sentados, ao centro, vêem-se os dois políticos mais conhecidos, que viriam a falecer no acidente do helicóptero, horas depois. 
fonte/foto /NewsAvia/BARAMA

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...