sábado, 4 de abril de 2015

AERONAVE CAI NA VENEZULEA COM UMA TONELADA DE COCAÍNA

Droga Cojedes GNBolivariana c_destroços 800pxi
As Forças Armadas da Venezuela confirmaram neste sábado, dia 4 de Abril, que foram encontrados na manhã da última quinta-feira, dia 2 de Abril, os destroços de uma aeronave ligeira, que terá caído durante a madrugada anterior, por motivos desconhecidos. Junto dos destroços estavam três cadáveres, de dois homens e de uma mulher, e 863 pacotes de cocaína, num total de 999,06 quilogramas.
O acidente verificou-se no sector de Cañaote, município de Girardot, no Estado de Cojedes, no centro Norte do País. Um comunicado das autoridades judiciais, que investigam a ocorrência, distribuído na tarde de hoje, refere que os militares e a polícia foram alertados por residentes na área que terão visto o avião a cair numa fazenda conhecida pelo nome de ‘La Esperanza’, depois de ouvirem o som de uma explosão.
O comunicado do Ministério Público de Cojedes não dá outros pormenores acerca da aeronave envolvida no desastre e diz que os cadáveres não foram identificados.
A Guarda Nacional Bolivariana colocou a droga sobre o asfalto nas instalações de uma base militar onde os jornalistas foram esclarecidos sobre esta apreensão e tiveram oportunidade de fotografar os 863 pacotes recolhidos entre os destroços do avião e os três cadáveres do piloto e dois passageiros do aparelho.
A Guarda Nacional Bolivariana colocou a droga sobre o asfalto nas instalações de uma base militar onde os jornalistas foram esclarecidos sobre esta apreensão e tiveram oportunidade de fotografar os 863 pacotes recolhidos entre os destroços do avião e os três cadáveres, do piloto e dos dois passageiros do aparelho.
Segundo a imprensa venezuelana este tipo de tráfico naquela zona é frequente, nomeadamente o transporte aéreo durante a noite de carregamentos de droga do México para a Colômbia, muitas vezes com escalas em aeródromos clandestinos no interior da Venezuela. No ano passado a Força Aérea abateu algumas aeronaves surpreendidas a sobrevoar território venezuelano, entre elas um jato executivo, que não se identificaram e que, depois de abatidas, vieram a comprovar que eram aviões do narcotráfico, com carregamentos assinaláveis.
A Venezuela tem sido citada em diversos relatórios da Organização pelas Nações Unidas como um país de trânsito para os traficantes de estupefacientes, nomeadamente da vizinha Colômbia.
fonte/foto/NewsAvia

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...