Pular para o conteúdo principal

EMBRAER DIVULGA OS RESULTADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2015

 
​São José dos Campos, 30 de abril de 2015 - (BM&FBOVESPA: EMBR3, NYSE: ERJ) As informações operacionais e financeiras da Empresa, exceto quando de outra forma indicadas, são apresentadas com base em números consolidados de acordo com as normas contábeis IFRS (International Financial Reporting Standards) e em Reais. Os dados financeiros correspondentes aos trimestres são derivados de demonstrações financeiras não auditadas, enquanto aqueles correspondentes aos períodos anuais são auditados, exceto quando de outra forma indicado.


DESTAQUES


- No 1º trimestre de 2015 (1T15), a Embraer entregou 20 aeronaves comerciais e 12 executivas (sendo dez jatos leves e dois grandes);

- A carteira de pedidos firmes (backlog) terminou o trimestre em US$ 20,4 bilhões, comparada aos US$ 19,2 bilhões do 1T14 e aos US$ 20,9 bilhões do final de 2014;

- Como resultado das entregas de aeronaves bem como da receita do negócio de Defesa & Segurança, a Receita líquida atingiu R$ 3.068,3 milhões no 1T15;

- As margens EBIT  e EBITDA² atingiram 7,5% e 14,0%, respectivamente no 1T15 - maiores que os 7,4% e 12,1%, respectivamente, alcançados no 1T14;

- O Prejuízo líquido atribuído aos acionistas da Embraer foi de R$ 196,0 milhões e o Prejuízo por ação foi de R$ 0,2676 no 1T15;

- Lucro líquido ajustado (excluídos o Imposto de renda e contribuição social diferidos)3 foi de R$ 131,2 milhões no 1T15;

- A Embraer encerrou o 1T15 com uma posição de Caixa total de R$ 5.800,0 milhões, com um Total de financiamento de R$ 7.665,4 milhões, resultando em uma Dívida líquida de R$ 1.865,4 milhões no trimestre.


 


fonte/Embraer/foto/RobertoFantinel

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA