quinta-feira, 30 de maio de 2013

QUEDA DE AVIÃO MATA PILOTO E COPILOTO

Piloto Cauan Zuccoli Michelino, e o co-piloto, Fernando Bondezan Moreira morreram ontem na queda de um avião monomotor anfíbio de prefixo PPX-LR. A aeronave decolou do aeroporto local, às 15h26, com destino a Jundiaí. Cerca de três quilômetros depois, considerada a distância da cabeceira da pista até a rua Belmiro Moreira Soares, no Jardim São Guilherme, local do acidente, apresentou pane e começou, conforme relato de testemunhas, a rodopiar.

O aparelho bateu a asa numa casa antes de atingir o solo. A explosão fez com que o fogo em pouco tempo consumisse o aparelho e atingisse o imóvel, além de romper a fiação de energia elétrica. O piloto Cauan Michelino e o copiloto Fernando Bondezan morreram carbonizados. Em nota, o Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) informou que as causas do acidente serão investigadas pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes (Cenipa). Já a assessoria de imprensa da Força Aérea Brasileira (FAB) divulgou comunicado no qual esclarece que o avião envolvido no acidente era uma aeronave experimental. Ainda de acordo com a FAB, aviões deste tipo não precisam passar por investigação após acidentes, mas o órgão não descarta a possibilidade.

O monomotor de fabricação norte americana passou por manutenção numa das oficinas instaladas no aeroporto de Sorocaba. O barulho da explosão e o risco de propagação das chamas geraram pânico entre os moradores. Alguns deles, usaram mangueiras para debelar o fogo que se espalhava pela rua em razão do vazamento de querosene combustível. A casa atingida foi interditada pela Defesa Civil por medida de segurança. Outra também sofreu avarias, mas em proporção menor.

fonte/JornalCruzeiroDoSul/Foto: João Alfredo Kretzschmar)

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...