Pular para o conteúdo principal

EMBAIXADOR DIZ QUE SERIA DESILUÃO NÃO TER DECISÃO SOBRE CAÇAS

BRASÍLIA - À espera de uma decisão do governo brasileiro sobre a compra de novos caças para a Força Aérea Brasileira (FAB), o governo francês aposta numa solução ainda este ano. Caso contrário, será uma desilusão, afirma o embaixador da França no Brasil Yves Saint-Geours. Ele diz que, de acordo com as declarações das autoridades brasileiras, o resultado do processo de seleção da empresa que fornecerá o caça ao país teria mesmo que sair em 2012.
- É preciso ter paciência porque é uma escolha estruturante (a compra do caça), mas seria uma desilusão não ter uma decisão este ano - disse o embaixador.
Além da França, com o caça Rafale, disputam o negócio milionário os Estados Unidos com o F18 e a Suécia, com Gripen.
O diplomata francês acredita que a recente escolha do Rafale pela Índia conta pontos a favor do caça. Ele fez questão de lembrar que o ministro da Defesa, Celso Amorim, esteve na Índia e não seria difícil imaginar, segundo Saint-Geours, que o brasileiro tenha solicitado informações a respeito do processo de escolha indiano. Mas para o embaixador francês o que mais pesa a favor da proposta de seu país é a promessa de transferência de tecnologia. E os negócios que empresas francesas do setor aéreo já mantém no Brasil seria uma prova de que essa colaboração já existe.
Também envolvido nos preparativos da Rio+20, Saint-Geours afirmou que seu país e toda a comunidade europeia estão interessados em assegurar o êxito da reunião de cúpula. Segundo ele, só a delegação francesa para o encontro no Rio terá 300 pessoas.
Embora reconheça que em tempos de crise econômica falar de meio ambiente é mais difícil, o embaixador assegura que os países europeus defendem que haja compromissos sérios.
- O desafio é encontrar nova vias de crescimento sem perder a visão do modelo social - disse o embaixador.
Ele cita a necessidade de criação de uma agência especial da ONU dedicada ao meio ambiente. Ele acredita que o Pnuma, atual programa da ONU para o meio ambiente, não tem dado conta de gerenciar todas as ações do setor.
- O Pnuma não coordena bem todas as ações. É preciso melhorar. Hoje só 60 países estão vinculados e é preciso ter um sistema mais amplo, uma agência especial para o meio ambiente.

fonte/OGLOBO/YahooNoticias

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA