segunda-feira, 1 de agosto de 2016

SUSPEITO DE SEQUESTRO É AMIGO DA SOGRA DE BERNIE ECCLESTONE NO FACEBOOK

Aparecida Schunck Flosi Palmeira, de 67 anos, sogra do chefe da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, é amiga no Facebook do principal suspeito de ter arquitetado o seu sequestro: o piloto de helicóptero Jorge Eurico da Silva Faria. Ele foi preso na manhã desta segunda-feira (1º) na residência em que vivia em um condomínio de alto padrão na Granja Viana, em Cotia, na mesma cidade onde foi encontrado o cativeiro da vítima.

Segundo o secretário da Segurança Pública de São Paulo, Mágino Alves Barbosa, o piloto não se mostrou surpreso ao ser detido por policiais da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil. Faria foi entregue por um dos homens que supostamente ele mesmo contratou para executar o crime.

De acordo com Barbosa, o piloto já era monitorado pela polícia como suspeito de ser o mentor do sequestro. A polícia rastreou o IP do computador utilizado nas negociações do resgate, feitas via e-mail entre os criminosos e a família da vítima, para chegar até ele.
"O comandante Faria foi preso em flagrante e estava sendo ouvido no momento que estávamos aqui reunidos, então eu não tenho detalhes do que ele se manifestou, mas, no momento da prisão, ele não demonstrou surpresa pelo fato de estar sendo preso", disse o secretário após encontro nesta segunda-feira com o governador Geraldo Alckmin e policiais envolvidos na investigação, no Palácio dos Bandeirantes.

Faria foi presidente da Associação Brasileira de Pilotos de Helicóptero (Abraphe) até abril de 2015. 
Segundo a polícia, ele servia a família de Ecclestone em eventos da F1 em São Paulo e, como já realizava o serviço havia algum tempo, tinha conhecimento sobre a rotina da família, o que teria facilitado a trama do crime.

O piloto deve ser ouvido em audiência de custódia ainda nesta segunda. Os dois suspeitos de executar o crime já haviam sido presos no domingo (31). Eles tinham passagem pela polícia por roubo. O envolvimento de outras pessoas no sequestro ainda não foi descartado. 
Comandante Jorge Faria foi preso suspeito de envolvimento no sequestro da sogra de Bernie Ecclestone (Foto: TV Globo/Reprodução) 
Comandante Jorge Faria foi preso suspeito de envolvimento no sequestro da sogra de Bernie Ecclestone (Foto: TV Globo/Reprodução)

Sequestro
Aparecida foi sequestrada no dia 22 de julho e libertada neste domingo (31) após passar nove dias em cativeiro. Dois homens suspeitos de executar o sequestro já haviam sido presos também na Grande São Paulo. "Os dois vigiavam a vítima no cativeiro", afirmou a delegada do DHPP, Elisabete Sato.
Imagens de câmeras de segurança obtidas pela polícia mostraram o carro de Aparecida seguindo um veículo branco em uma rua perto da Rodovia Raposo Tavares. Ali, o automóvel da vítima teria sido abandonado e ela colocada no carro branco à sua frente, que a polícia descobriu pertencer à Davi Vicente Azevedo. "As investigações partiram dali", disse Sato.

Davi foi preso em casa na tarde deste domingo e levou os policiais ao local do cativeiro, onde Aparecida foi encontrada amarrada sendo vigiada por Vitor Oliveira Amorim.

Imagens mostram carro branco de um dos sequestradores à frente do carro de Aparecida Palmeira (Foto: TV Globo/Reprodução) 
Imagens mostram carro branco de um dos sequestradores à frente do carro de Aparecida Palmeira (Foto: TV Globo/Reprodução)
Após ser liberada, a vítima chegou à sede do DHPP por volta das 21h40 do domingo. Ela se mostrou muito emocionada ao término do cárcere privado. "Só peço para os bandidos não sequestrar ninguém em São Paulo que eles vão presos", afirmou antes de entrar para prestar depoimento. Ela agradeceu à polícia pelo fim do caso e disse que não foi machucada pelos sequestradores. Na delegacia, abraçou uma das filhas e outros parentes.

Aparecida é mãe de Fabiana Flosi, que conheceu Ecclestone durante o Grande Prêmio de Fórmula 1 no Brasil, em 2009. A polícia pediu para que o empresário não participasse das negociações e permanecesse na Inglaterra, onde mora com a esposa.

A vítima foi sequestrada quando estava em casa, na região de Interlagos, Zona Sul de São Paulo. Dois homens tocaram a campanhia dizendo que tinham uma entrega para a proprietária. Como era esperada a chegada de móveis novos, ninguém desconfiou de nada. Os bandidos entraram, renderam Aparecida e os funcionários e deixaram a casa com a vítima dentro do próprio carro, que depois foi encontrado perto da Raposo Tavares.

Aparecida Schunck chega para depor na sede do DHPP, em São Paulo (Foto: Roney Domingos/G1) 
Aparecida Schunck chega para depor na sede do DHPP, em São Paulo (Foto: Roney Domingos/G1)
Suspeito de envolvimento no sequestro de Aparecida Schunck chega para depor na sede do DHPP (Foto: Florio E./Sigmapress/Estadão Conteúdo) 
Suspeito de envolvimento no sequestro de Aparecida Schunck chega para depor na sede do DHPP (Foto: Florio E./Sigmapress/Estadão Conteúdo)
Suspeito de envolvimento no sequestro de Aparecida Schunck chega para depor na sede do DHPP (Foto: Florio E./Sigmapress/Estadão Conteúdo) 
Suspeito de envolvimento no sequestro de Aparecida Schunck chega para depor na sede do DHPP (Foto: Florio E./Sigmapress/Estadão Conteúdo)
GNews - Bernie Ecclestone (Foto: globonews) 
Bernie Ecclestone, presidente da empresa que administra a F-1  (Foto: Reprodução/GloboNews)
fonte/foto/G1

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...