Pular para o conteúdo principal

DOIS ZLIN Z-50LX COLIDEM NO AR EM FESTIVAL AÉREO NA ÍNDIA


Dois pilotos de uma das esquadras de acrobacia da Red Bul não ganharam para susto quando, nesta quinta-feira, dia 19 de Janeiro, num voo  de demonstração na pista militar de Yelahanka, em Belaru, na Índia, viram as asas dos seus aparelhos colidir a meio da sua performance.

Flying-Bulls-Accident - Aero-India - 2015
 
A esquadra, originária da República Checa era composta por 4 Zlin Z-50LX, que momentos antes tinham iniciado o seu espetáculo para delicia de todos os presentes no certame Aero India 2015.
O avião atingido foi o que ficou em pior estado tendo os espectatores, a maior parte profissionais de aviação, pensado que seria impossível o piloto Radka Machova, piloto-chefe dos ‘Flyings Bulls’, trazer o avião para um pouso controlado.

Mas o veterano piloto foi capaz de o fazer e em segurança, para gáudio de todos os presentes, que ainda ficaram mais incrédulos depois de ver, no solo, o que lhe restava da asa.

Aero India 2015

De acordo com o Ministério da Defesa da Índia, em declarações aos jornais locais, a esquadra, que tinha atuações até o final do certame (dia 22 de Fevereiro) dificilmente voltará aos céus da Índia durante o evento.

Aero India 2015
 
A salientar que o piloto teria ainda a hipótese de saltar de paraquedas, caso perdesse por completo o controlo do aparelho.

fonte/foto/NesAvia
fotos : Bhagya Prakash K.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA