Pular para o conteúdo principal

APÓS PANE, PILOTO DE AVIÃO FAZ POUSO FORÇADO EM PLANTAÇÃO NO PARANÁ



Aeronave deveria abastecer em Pato Branco (PR), mas precisou aterrisar em uma plantação a 10 km do aeroporto (Foto: Adriana Loduvichak / RPC TV) 
 (Foto: Adriana Loduvichak / RPC TV)
O piloto de um monomotor precisou fazer um pouso forçado em uma plantação a cerca de 10 km do aeroporto municipal de Pato Branco, no sudoeste do Paraná, no fim da tarde de segunda-feira (10). De acordo com a Polícia Militar, que esteve no local com o Corpo de Bombeiros, o piloto disse que uma pane no motor provocou a emergência.

A aeronave seguia de Eldorado do Sul, no Rio Grande do Sul para Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, e deveria fazer uma escala em Pato Branco para abastecer. Aos policiais, o piloto que também é mecânico disse ainda que pretende consertar o avião, fazer o abastecimento e seguir viagem nesta terça-feira (11). Além do problema no motor, houve danos no trem de pouso. Ele e o outro ocupante não se feriram.

"Todo piloto é preparado para fazer um pouso de emergência e colocar a aeronave no solo com segurança. Quando dá a emergência, tem que tomar a melhor decisão e fazer. Há quatro minutos do aeroporto, o motor teve uma pane. Quando vi que estava próximo da cidade e com problemas escolhi o melhor lugar e pousei", comentou Irineu Rodrigues ao garantir que na quarta-feira (12) estará de volta em casa.

fonte/foto/G1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA