Pular para o conteúdo principal

PASSAGEIRA EMBRIAGADA AGRIDE COMISSÁRIA DE BORDO COM A PRÓTESE DE UMA PERNA

thomson-airways

Os incidentes a bordo de aviões ou com aeronaves têm a relevância de criar pistas e fornecer indicações para que as companhias, quer as construtoras, quer as que exploram os aparelhos, tenham em conta novos procedimentos ou atitudes que evitem a repetição do inesperado ou que funcionem como desmotivadores de acções nefastas a bordo de um voo comercial.

Os anos passam, os incidentes acontecem com novas variantes e nem sempre há resposta para tudo, já que, de vez em quando aparece uma coisa diferente. E foi, na verdade o que aconteceu na passada quarta-feira, dia 30 de Julho, num avião britânico da companhia Thomson Airways.

A aeronave, fretada pelo operador turístico TUI, fazia um voo de Enfigha, na Tunísia, para Edimburgo, na Escócia, cheio de turistas, quando uma passageira começou a pedir com insistência que queria cigarros para fumar. Perante a atitude e a opinião de muitos passageiros de que a senhora estava alcoolizada, foi-lhe recomendada calma e que retornasse ao seu lugar. Pediu então um pára-quedas pois pretendia abrir a porta do avião e soltar-se… A confusão foi maior e os passageiros começaram a reclamar e a contestar a atitude da passageira supostamente embriagada. Uma moça que viajava a seu lado foi agredida por chamar-lhe à atenção. O pessoal de cabina acorreu para por cobro aos desacatos. Quando uma hospedeira (comissária de bordo) se afastou, a passageira arrancou uma perna (porque era uma prótese) e com ela agrediu a tripulante com violência nas costas…

Perante o insólito acontecimento o comandante resolveu aterrar de emergência no Aeroporto de Londres/Gatwich, onde deixou a agitada passageira entregue à Polícia Britânica, na esquadra do aeroporto. A senhora, de 48 anos de idade, desempregada, regressava de férias. Agora terá de responder em processo sumário nesta semana e, com certeza, que será responsável pelos prejuízos a bordo, pelas agressões de que foi autora e à sua conta ficarão certamente as despesas assumidas pela Thompson Airways, quando o comandante foi obrigado a divergir a rota para Londres.

A companhia aérea distribuiu um comunicado, em que relata com menos pormenores o inusitado acontecimento e reafirmou o seu compromisso com a segurança dos passageiros, sua primeira prioridade desde sempre. “A Thomson Airways opera com tolerância zero e muita atenta a quaisquer desacatos ou quebras de disciplina ou mau comportamento a bordo dos seus aviões. Incidentes deste tipo são muitos raros na nossa companhia”, reafirma a nota de imprensa da transportadora aérea britânica.

fonte/foto/NewsAvia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA