DETENTO TENTA FAZER COMISSÁRIA REDÉM E ATRASA VOO EM SANTARÉM, PARÁ


GTO foi acionado para intervir (Foto: G1)Grupamento Tático, da PM, foi acionado para intervir (Foto: G1)
 
Um detento tentou fazer refém uma comissária de bordo no voo 2897, que se preparava para decolar do aeroporto Maestro Wilson Fonseca, em Santarém, oeste do Pará, para a capital do estado, Belém, na noite desta sexta-feira (13).  A informação foi confirmada pela Polícia Militar, que enviou uma equipe do Grupamento Tático Operacional (GTO) para a aeronave.

De acordo com o subtenente da PM, Diogo Almeida, o detento foi agarrado por funcionários da empresa aérea que estavam dentro da aeronave e agentes de segurança que o acompanhavam. A situação deixou os passageiros nervosos. "Ele foi dominado logo de imediato por funcionários e o pessoal que estava escoltando ele, mas deixou os passageiros muito apreensivos, assustados", detalhou.


Os passageiros já haviam feito o check-in, mas voltaram para a área de embarque do aeroporto e receberam um cartão de reembarque para retornar ao voo só depois que o detento, que estava algemado, saísse da aeronave.

Enquanto o detento permaneceu na aeronave, militares do GTO fizeram a segurança do local. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Santarém.

O voo deveria ter saído às 22h21, mas só decolou depois de 23h.

Em nota ao G1, a Azul Linhas Aéreas informou que:

"o voo 2897, que faria a rota entre Santarém e Belém, decolou com atraso por conta do comportamento inadequado de um passageiro durante o procedimento de embarque no aeroporto Maestro Wilson Fonseca. O caso está sendo tratado pela Polícia Federal. Os Clientes receberam toda a assistência necessária de acordo com a resolução 141 da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e já  seguiram viagem rumo ao destino final . A Azul lamenta eventuais transtornos ocorridos aos seus Clientes".

fonte/foto/G1

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas