Pular para o conteúdo principal

RELATÓRIO DO CENIPA - MECÂNICO CAUSOU FALHA EM AVIÃO DA GOL QUE VOOU A 600 METROS DO CHÃO EM 2011



A Força Aérea Brasileira (FAB) divulgou o relatório final sobre o caso do Boeing 737 da Gol, matrícula PR-GUL, realizando o voo G3-1536, no dia 16 de outubro de 2011, sofreu uma pane nos instrumentos e teve que ser guiado por um controlador em terra, em Diadema, na Grande São Paulo. 

Segundo informações da TV Globo, técnicos concluíram que a aeronave já apresentava no solo uma grande discrepância entre os indicadores de velocidade dos lados esquerdo e direito do painel. 

Mesmo assim, os pilotos prosseguiram e decolaram até que, já a em uma altura maior, perdeu a visibilidade e teve o piloto automático acionado, que reduziu a velocidade e elevou o nariz do avião, mudando sua posição no ar e causando perda de sustentação.

A tripulação aplicou potência nos motores, desligou o piloto automático e recuperou o voo a 600 metros do chão, assustando moradores de Diadema. O que causou a falha, segundo o relatório, foi um mecânico que desligou a conexão para ter acesso ao radar na frente do avião. Com isso, uma conexão ficou frouxa entre uma das três sondas de velocidade e o computador a bordo.

fonte/G1/foto/CENIPA

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA