Pular para o conteúdo principal

PILOTO DE MONOMOTOR FAZ POUSO FORÇADO EM MARÍLIA APÓS PANE ELÉTRICA

 

 

Comandante usou celular para comunicar a torre de controle.
Aeronave sobrevoou a cidade por 3 horas para consumir combustível.

Do G1 Bauru e Marília

Trem de pouso não funcionou na tarde desta quarta-feira (5) (Foto: Imagens cedidas / TV Marília )Trem de pouso não funcionou na tarde desta quarta-feira (5) (Foto: Imagens cedidas / TV Marília )
 
Uma pane elétrica em um monomotor obrigou o piloto a realizar um pouso forçado na tarde desta quarta-feira (5), no aeroporto de Marília (SP). Durante três horas, a aeronave sobrevoou a cidade para gastar parte do combustível e evitar um incêndio. O avião havia decolado de Assis para um voo panorâmico. 

As rodas que auxiliam o pouso não estavam na posição correta por causa do problema elétrico. Sem elas, o piloto teve que pousar tocando o monomotor de forma brusca direto na pista do aeroporto. Em seguida, os dois ocupantes saíram rapidamente para que o Corpo de Bombeiros usasse extintores para evitar um possível incêndio. Uma equipe de paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) também prestou auxílio no local.

Com 30 anos de experiência, o piloto Elton Luiz Maldaner disse que nunca tinha passado por uma situação parecida. "Como nós decolamos de Assis com o tanque cheio, tivemos que gastar um pouco desse combustível para evitar um incêndio. Quando é feita a atualização da aeronave a gente passa por esse tipo de experiência teórica. E hoje passei na prática. É bastante tenso. Fiz a alternativa para pousar em Marília porque tem Corpo de Bombeiros e todos os procedimentos de segurança”.

Os estragos no monomotor foram mínimos. A pista do aeroporto ficou interditada por uma hora até que os mecânicos vistoriassem a aeronave. Segundo o comandante, a pane elétrica atingiu também a comunicação via rádio entre a aeronave e a torre de controle.

“Como perdemos o sistema elétrico da aeronave por completo, a comunicação foi feita via celular. Perto do que poderia ter acontecido, o dano material foi pequeno”, informa Maldaner. Ninguém ficou ferido e nenhum voo precisou ser desviado por causa da interdição da pista.
  •  
Piloto e passageiro deixam aeronave após pouso forçado (Foto: Imagens cedidas / TV Marília)Piloto e passageiro deixam aeronave após pouso forçado (Foto: Imagens cedidas / TV Marília)
Aeronave foi empurrada por funcionários para ser avaliada (Foto: Reprodução TV TEM)Aeronave foi empurrada por funcionários para ser avaliada (Foto: Reprodução TV TEM)
 
fonte/foto/G1/TV TEM

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA