sexta-feira, 24 de maio de 2013

BANDA DEAD KENNEDYS ACUSA TAM DE PERDER INSTRUMENTOS EM VOO

 A segunda passagem da lendária banda punk norte-americana Dead Kennedys tinha tudo para ser memorável. Mas incidentes ocorridos ao longo da pequena turnê de quatro shows, que passou por Curitiba (PR), Americana (SP), Recife (PE) e São Paulo (SP), acabaram transformando o giro para o quarteto em algo para se esquecer.

Isso porque os integrantes da banda viram guitarras e um baixo sumirem de um dos voos que pegaram com a TAM, responsável pelo transporte do Dead Kennedys ao longo de toda a turnê. Em sua página no Facebook, o quarteto pede ajuda a seus fãs e seguidores para recuperar os instrumentos. 

"Eles perderam guitarras de East Bay Ray e meu baixo que eu tinha há 40 anos e com o qual toquei em praticamente todos os shows do Dead Kennedys desde 1978", escreveu o baixista Klaus Fluoride, criticando a empresa por ter, antes do sumiço final, continuamente perdido os instrumentos ao longo de todo o giro, o que obrigou os punks a pedir equipamentos emprestados de outras bandas. 
"De alguma forma, os instrumentos foram perdidos ou roubados do sistema de bagagens da TAM", lamentou, postando uma foto de seu baixo e prometendo divulgar em breve imagens das guitarras do colega East Bay.


Em comunicado enviado ao Terra, a TAM afirmou ter realizado "todos os esforços possíveis para localizar a bagagem da banda e está em contato com os clientes em busca de uma solução para o caso".
"A empresa reforça que, em caso de violação, danos, extravio ou qualquer anormalidade com a bagagem, o passageiro deve procurar um de seus funcionários antes de deixar a sala de desembarque. 
Esse funcionário registra a ocorrência no Relatório de Irregularidade de Bagagem (RIB) e fornece cópia desse documento ao passageiro", completou.


A TAM tem, de acordo com a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), 30 dias para encontrar os instrumentos. Caso não tenha sucesso dentro do prazo, a companhia deve enviar proposta de indenização aos passageiros.

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...