terça-feira, 15 de janeiro de 2013

CRISE MUNDIAL FAZ CARTEIRA DE PEDIDOS DA EMBRAER CAIR 18%

Português: A aeronave Embraer 190 em São José ...
 A aeronave Embraer 190 em São José dos Campos. (Photo credit: Wikipedia)
A Embraer, de São José dos Campos, entregou 205 jatos em 2012, praticamente o mesmo número do ano anterior (204), segundo balanço divulgado ontem pela fabricante.

Na contramão da estabilidade nas entregas, a companhia amargou uma queda de 18,3% em sua carteira de pedidos, o que reflete a dificuldade da empresa em fechar novas vendas. O backlog caiu de US$ 15,4 bilhões em 2011 para US$ 12,5 bilhões no ano passado.

Para o pesquisador de assuntos militares da UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora), Expedito Bastos, a ‘vilã’ da história é a crise mundial, que afeta os Estados Unidos e a Europa, onde estão os principais clientes da Embraer.

“Acredito que o pessoal de fora não está comprando por causa da crise. Estão todos cortando custos e comprando menos aviões. Isso também deve estar acontecendo com outras companhias”, disse ele.

O que ‘salvou’ a empresa de uma queda ainda maior na carteira de pedidos firmes foi a encomenda de 20 E-jets (5 E-175 e 15 E-190) feita por um cliente não divulgado no quarto trimestre de 2012.

No período, a companhia aérea vendeu 23 jatos comerciais, contra 32 em 2011.
O valor de pedidos firmes a entregar também inclui contratos da Embraer Defesa e Segurança, como a execução da primeira fase do projeto Sisfron (Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras), no valor de R$ 839 milhões, com o Exército Brasileiro.

Números. Dos 205 jatos entregues,106 são comerciais e 99 executivos. A carteira de pedidos firmes terminou 2012 com 185 jatos a entregar e 1.093 pedidos. Em 2011, a Embraer fechou com 249 jatos encomendados e 1.941 opções.

De acordo com a empresa, os números estão dentro da meta estipulada para 2012, de 105 unidades comerciais e 90 na aviação executiva.

Aumento. Dos 99 jatos executivos entregues no ano passado, 22 são grandes, da família Legacy e Lineage. Os outros 77 são jatos leves.
Em 2011, foram entregues 16 jatos grandes e 83 leves.

“Em uma crise mundial severa, a Embraer conseguiu se manter estável porque procurou diversificar, indo para outros países como a China. O mercado da Embraer não é só o Brasil, e sim o mundo”, afirmou Marcos José Barbieri Ferreira, pesquisador da indústria aeronáutica e defesa e professor da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

De acordo com a empresa, o jato com o maior número de entregas entre todos os fabricados hoje (451) foi o Embraer 190. Sendo que 50 foram para Hainan, na China, e JetBlue, nos Estados Unidos.

Receita. Hoje, a aviação comercial é responsável por 67% da receita global da Embraer. defesa e segurança tem 18% de participação e aviação executiva segue em terceiro lugar, com 14% da receita.


Por dentro


Total de entregas
-2012: 205
-2011: 204
-2010: 246
-2009: 244
-2008: 204

Aviação comercial
E-170: 1
E-175: 20
E-190: 62
E-195: 23
Total: 106
Total em 2011: 105

Aviação executiva
Jatos leves: 77
Jatos grandes: 22
Total: 99
Total em 2011: 99

Backlog
E-170: 10
E-175: 35
E-190: 109
E-195: 31

Quarto trimestre
Aviação comercial: 23
E-170: 1
E-175: 3
E-190: 10
E-195: 9
Mais 20 E-Jets (5 E-175 e 15 E-190) para um cliente ainda não divugado pela Embraer
Aviação executiva: 53
Jatos leves: 37
Jatos grandes: 16
Sendo 13 Phenom 100, 24 Phenom 300, 15 Legacy 650 e 1 Lineage 1000

Carteira de pedidos
2012: US$ 12,5 bilhões
2011: US$ 15,4 bilhões
Queda de 18,3%

Receita global embraer
Aviação comercial: 67%
Defesa e Segurança: 18%
Aviação executiva: 14%
Outros: 1%

Produto

E-Jet terá nova linha a partir de 2013
Para manter a liderança do mercado de aviões no mundo com 60 a 120 lugares, a Embraer vai anunciar em 2013uma nova linha da 'família' E-Jet. A escolha dos motores para a futura geração dos jatos comerciais E-Jets, com previsão de entrada no mercado em 2018, foram anunciados na semana passada. A empresa escolhida foi PurePower da Pratt & Whitney.


Encomendas

Aviação comercial tem maior carteira
Dos 185 pedidos firmes a entregar --número de encomendas feitas até 31 de dezembro de 2012--, 10 são E-170, 31 E-195, 35 E-175 e 109 E-190. Alguns clientes são Airnorth (Austrália), ETA Star Aviation (Índia), Republic Airlines (EUA), Air Canada (Canadá), Flybe (Reino Unido), Northwest (EUA), Replubic Airlines (EUA), Virgin Nigeria (Nigéria) e Azul (Brasil).


fonte/OVale
Enhanced by Zemanta

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...